Roller Coaster escrita por jgw22


Capítulo 15
Capítulo 15





ALICE’S POV

Acordei na manhã seguinte com o despertador tocando, e mais do que nunca eu tive vontade de tocar meu celular na parede. Fui para o banheiro, me lavei e tomei um banho rápido, vesti minha roupa (http://www.polyvore.com/25/set?id=41543741) e desci para tomar café. Ultimamente, meu café da manhã se resumia a alguma coisa que eu pegava na mesa e comia a caminho da escola, tudo para não ficar no mesmo ambiente que Edgar, e hoje também não tinha sido diferente. Passei pela mesa, peguei uma maçã e saí.

 Apesar de ainda ser apenas a segunda semana de aula, eu não tinha simpatizado com ninguém, e passava boa parte do tempo apenas com meu amigo inseparável, meu iPod. Minha primeira aula era química com a Sra. Hitchcock, tudo o que eu queria para começar bem a semana, ô beleza. O resto das aulas foram igualmente tediosas, e eu agradeci quando bateu o sinal de saída e eu me vi livre daquilo tudo.

Eu voltei pra casa e fui direto para a cozinha pegar alguma coisa pra comer. Tomei um copo de suco de laranja e me dirigi para a casa de Jaz. Por mais que Edgar não estivesse em casa, eu não tinha vontade de ficar lá sozinha, então eu quase sempre passava minhas tardes ali ou na casa dos garotos.

Ficamos conversando no quarto de Jaz, até que chegamos no assunto “sentimentos”. Ela começou a falar que se sentia muito bem ao lado de Niall e queria muito que ele sentisse algo tão forte por ela quanto ela sentia por ele. E depois de encerrarmos todo o assunto “Niall”, Jazmin veio com a pergunta de sempre:

- E você e o Zayn? – eu não gostava de admitir, mas por mais que eu negasse, eu sabia que tinha um sentimento crescendo dentro de mim em relação a ele. Ao ouvir seu nome, eu suava frio, meu coração disparava e minha mente se enchia de imagens dele, e isso tudo só piorava quando ele me olhava ou me abraçava. Eu realmente estava sentindo alguma atração por ele, não podia negar isso, mas também sabia que não fazia a menor importância, pois ele não sabia de nada, e também não parecia corresponder ou sentir o mesmo.

- Ah, sei lá, Jaz. Vou te contar uma coisa, mas você não pode contar pra NINGUÉM, e por ninguém eu quero dizer Niall, ok? – ela concordou com a cabeça. – Eu acho que estou sentindo algo por ele sim, mas isso não tem nada a ver, ele só me vê como amiga e eu vou aprender a vê-lo assim de novo. Vai ver eu estou apenas confundindo paixão e amizade, e se for isso, com certeza vai passar.

- Mas você vai se afastar dele? – ela perguntou séria, tentando absorver todo o que eu tinha lhe dito.

- Não Jaz, acho que não. Não quero me afastar dele assim, quero tornar ele meu amigo, só, e acho que se eu me afastar, meu coração vai se acostumar com a ausência, e não com a companhia, entende? Eu não quero isso.

Ela concordou e não tocou mais no assunto durante a semana, o que eu agradeci. Na terça feira à noite, eu discuti com Edgar mais uma vez, o que me fez ficar trancada no quarto até o outro dia.

Na quarta feira depois da aula, quando eu caminhava sozinha com os fones nos ouvidos até em casa, um carro começou a andar lentamente a meu lado, me acompanhando. Eu imediatamente parei e o vidro com películas pretas abriu, revelando o sorriso do motorista.

- Zayn, o que você tá fazendo aqui? – perguntei assustada, e aliviada por ser apenas Zayn dentro do carro.

- Vim te buscar pra dar uma volta. - ele disse sem desfazer seu sorriso.

- Mas aonde? - não pude deixar de fazer essa pergunta, minha curiosidade falava bem alto naquele momento.

- Surpresa. – ele deu um sorriso maior, mostrando todos os seus dentes perfeitos, o que me rendeu completamente.

- Ai, tudo bem, eu vou, mas só se você passar na minha casa pra eu trocar de roupa, pode ser? – falei fazendo um beicinho.

- Tá, vem que eu te levo, entra.

Seguimos o resto do caminho até minha casa no carro de Zayn, e eu passei o tempo inteiro tentando adivinhar onde que ele me levaria ou tentando arrancar informações dele, mas ele apenas gargalhava de mim a cada alternativa errada que eu dava. Chegamos a minha casa e eu disse para ele esperar na mesma sala do outro dia, enquanto eu subia as escadas de dois em dois degraus. Fiquei um tempo em duvida no que vestir, não sabia onde ele me levaria. Salto alto? Tênis? Saia? Calça jeans? Um pouco em duvida, lembrei-me que ele não estava muito arrumado, apenas casual (http://capricho.abril.com.br/imagem/311x527/zayn-malik-garoto-dia22042.jpg?v=111118122123) e resolvi segui-lo e vestir-me no mesmo modo. Troquei-me rapidamente e passei uma água no rosto. (http://www.polyvore.com/cgi/set?id=41438590). Passei uma fina camada de maquiagem no rosto e desci as escadas para encontrá-lo.

Entramos em seu carro de novo e ele seguia pelas ruas que aos poucos se tornavam conhecidas por mim. Eu já não aguentava de curiosidade quando Zayn parou seu carro em frente de um parque bem afastado da cidade, onde não tinha quase ninguém, apenas umas duas mães conversando enquanto cuidavam das crianças no balanço. Ele abriu o porta-malas e tirou uma cesta de piquenique, segurou na minha mão, e assim que o fez, um milhão de choques elétricos percorreram meu corpo. Seguiu me puxando em direção a umas árvores do parque, colocando a cesta no chão e sentando-se à sombra. Sentei em seu lado enquanto ele tirava uma toalha xadrez vermelha e branca de dentro da cesta. Não pude deixar de ver aquela cena sem rir.

- Sério? Você me trouxe pra um piquenique com direito até a toalha xadrez? – falei rindo.

- Porque, você não gostou? – ele disse fazendo cara de coitadinho.

- Não é isso, é claro que eu gostei, ninguém nunca fez isso por mim, mas é que é engraçado. – falei continuando a rir.

Nós ficamos comendo, rindo e conversando durante algum tempo; não posso deixar de falar que eu estava nas nuvens. Eu não tinha entendido o motivo pelo qual Zayn tinha feito aquilo tudo, mas isso pouco importava, eu estava amando aquilo tudo. Por mais que para ele parecesse algo banal que estava fazendo por uma amiga, ele não fazia ideia de quão aquele momento era importante pra mim. Ele não fazia ideia o quão ele era importante pra mim.