The Shield escrita por MariSpoladorMoreira, Sandy


Capítulo 49
Capítulo 48: Pé na Estrada.


Notas iniciais do capítulo

Meninaaas chegamos.
Bem eu amei todos os comentários. OBG mesmo, mesmo gente. ♥
Boom voltamos agora só semana que vem. Que todas tenham um feliz natal, que curtam muito a festa. E até lá.
Beiijãão ;***
Sandyy
---
Boa noite meninas!
Viemos antes novamente, por causa do Natal! hehe' Agora, só semana que vem, como Dyy disse aqui em cima!
Obrigada pelos reviews do capítulo anterior, bem vindas leitoras novas!
Esperamos que gostem!
FELIZ NATAL! Muita paz, amor, união, e felicidade com suas famílias!
Máh.




Edward Pov

Com a proximidade da viagem Lisa estava super empolgada, saia todo santo dia. Hoje de manhã ela havia pedido para ir para casa de meus pais. Eu a levei para assim ela rir, brincar e se divertir.

Já era 19h48min e nada dela chegar. Liguei para casa de meus pais e nada. Escutei a companhia tocar.

- Olá Eddie.

- Emmett, o que aconteceu com Lisa?- Lisa estava dormindo em seus braços. -Não são nem oito horas ainda, e ela dormindo?

- Ah, nós fomos ao shopping, brincamos na piscina... Ela se cansou!

- Emmett com esse frio vocês ficaram na piscina?

- Edward, está tudo bem com ela.

- Ok me dê minha filha antes que você acorde os gêmeos...

- Eles nem estão aqui perto!

- É mas a sua voz é alta demais...

- Ah bro, qual é? Vamos sentar e tomar uma cerveja? – ele sorriu.

- Ahn, não. Boa noite Emmett. – fechei a porta.

- Cretino... – escutei ele esbravejar, e sair andando.

- Nossa! – encontrei Bella sorrindo no corredor – Já dormindo?

- Sim, achei muito estranho... Emmett disse que eles brincaram e andaram o dia todo, ela deve estar cansada...

- Deve ser. Coloque-a na cama para mim?

- Claro amor... – sorri.

- Estarei no quarto, meus pés estão um pouco inchados ainda, vou colocá-los para cima.

- Certo, os meninos estão dormindo?

- Como anjos... – trocamos um selinho, e eu levei Lisa até seu quarto.

Coloquei uma camisola em Lisa, e beijei sua testa. Fiquei admirando-a um pouco, e depois fui ver meus garotos, que realmente dormiam, calmos...

(***)

Os gêmeos acordavam de três em três horas para mamarem, era uma cena tão linda, Bella os olhava tão admirada, era contagiante... Eu ficava babando no modo como eles se conectavam. Cada um em sua posição, quietinhos, mamando, era perfeito. Meus lindos bebês. Bella já não sentia mais dores, mas obviamente seu corpo ainda estava inchado. Tínhamos deitado há pouco tempo depois da segunda mamada dos bebês. Eu estava naquela fase entre o sono e mente em alerta, Bella já ressonava pesadamente ao meu lado, estava cansada...

- Amorzinho? Eddie? Ed? Papai?- escutei uma voz suplicante ao lado da cama.

- Oi Lisa- olhei – tentei na verdade- pra ela.- O que foi pequena?

- Eu não to legal amorzinho. - levantei na mesma hora, levando-a para a sala acendendo as luzes, ela estava um pouco pálida.

- Oh princesa, conta para o papai o que está acontecendo?

- Não sei, minha barriguinha está doendo. E aquelas pintinhas engraçadinhas voltaram.

- Aquelas do camarão?

- É essas mesmo. Me ajuda amorzinho tá doendo.

- Mas primeiro tenho que saber o que você tem. O que você comeu hoje?

- Um sanduiche que o titio Emm fez para mim.

- Onde estava sua vó?

- Ela saiu com a Tia Rose e a Tia Alice, para comprar umas coisas para a viagem de amanhã. Vovô Charlie, vovô Carlisle e o Tio Jasper foram para o hospital e eu fiquei com o tio Emm.

- Só um minuto princesa. – liguei para o energúmeno do meu irmão.

- Pelo amor de Deus são três da manhã. – ralhou o retardado.

- Emmett o que tinha no sanduiche que você deu a Lisa?

- O que?

- Responde logo. O sanduíche... O que tinha nele?

- Ah... Pão, leite condensado, requeijão, batata palha, milho, ervilha, tomate, alface, salsicha, uva passa, maionese, ketchup, mostarda, bacon, ovo, geléia de morango, doce de leite, coco ralado, queijo parmesão, azeitonas verdes e pretas... Ah e tem o patê de camarão, uma delícia. Dá pra acrescentar pepinos também, mas depende. Hoje não tinha aqui... Anotou tudo ou quer que repita? – falou o puto, na maior tranquilidade.

- Como você dá isso para uma criança comer Emmett?

- Qual é? Eu como isso sempre! – talvez seja isso que afeta o cérebro dele...

- Não vou nem te responder. – desliguei na cara dele, realmente Lisa tinha que passar mal com essa gororoba. – Lisa o papai já sabe o que você tem... - quando cheguei perto dela ela estava verde, só me olhou e vomitou tudo o chão. Pelo menos agora ela melhoraria, botou todo o ‘lixo’ para fora do corpo.

- Desculpa! Eu sei que a mamãe não pode limpar mais eu não aguentei segurar... Desculpe papai... – ela estava mais pálida ainda.

- Que isso amor, o papai limpa. Vá tomar um banho, já vou lá te ajudar... Vou fazer algo leve para você comer ok?

- Tá bom... – ela subiu devagar, e eu fui atrás.

Entramos em seu arrumado banheiro rapidamente. Liguei uma água morna e dei banho na minha princesa, que relaxou um pouco. Peguei um pijama limpo e a vesti. Voltamos para a cozinha, e eu fiz uma coisa leve para ela.

- Prontinho Eddie, já comi tudo. – eu havia dado a ela um bom prato de cereal quentinho.

- Pronto princesa, papai já limpou o chão você já comeu agora cama, porque agente ainda vai viaja.

- Papai?

- Sim?

- Posso... Dormir com você? Não me deixe sozinha!

- Claro princesa, venha...

Apagamos tudo no andar de baixo e voltamos para cama. Coloquei Lisa ao meu lado, e ela me abraçou, dormindo em seguida...

(***)

- Bom dia amor- escutei Bella sussurrar.

- Bom Dia.

- Como Lisa veio parar aqui?

- Ela passou mal com um sanduiche que Emmett fez ontem. Mas já está tudo bem... – bocejei preguiçosamente.

- Porque não me chamou?

- Bella, não precisava. Estava tudo sob controle, e você estava cansada, e iria amamentar logo. Agora, vamos levantar que temos que colocar tudo no carro antes das sete...

- Claro, bom dia amor... – ela sorriu e me beijou.

- Bom dia meu anjo...

Em pouco tempo, tomamos um rápido café, Bella terminou de arrumar as coisas, nos arrumamos, arrumamos as crianças e carregamos o carro.

Lisa ainda dormia quando a coloquei no carro de Charlie. Meu coração de pai babão se odiou por ter um carro pequeno, e Lisa não tinha idade suficiente para ir na frente. Meu próximo projeto era comprar um carro novo, bem maior para que toda nossa pequena –grande- família coubesse. Charlie foi na frente, guiando outros quatro carros.

A viagem de três horas foi relativamente tranquila... A princípio, quis cancelar tudo, afinal, os meninos eram muito pequenos para viajarem, mas todos me convenceram que seria seguro e bom. Eles mamaram duas vezes no trajeto, e dormiram na maior parte do tempo. Vi Bella cochilar também, mas conversamos muito, rimos. Eu já estava com saudades da minha pequena.

Fomos recompensados já na chegada... A vista era maravilhosa, a casa, perfeita. Tinha tudo que precisaríamos para passar um ano novo inesquecível. Os quartos já estavam prontos para nossa estadia, e agora, seria só curtir, e esperar pela entrada do ano novo, todos nós, juntos.