Lua Minguante escrita por Mandy Blanche


Capítulo 7
Capítulo Seis


Notas iniciais do capítulo

Oii Pessoal!
Desculpem a demora,eu sei que dessa vez eu demorei muito, foram um mês e três dias sem postar´, só que eu realmente não tinha como fazer isso, minha conta ficou bloqueada por trinta dias e eu acabei não tendo como postar para vocês.
Os posts agora podem demorar um pouco já que agora é praticamente final de ano e eu tenho que me esforçar nas materias de exatas que não são a minha praia, mas eu sempre vou estar tentando postar o mais rapido possivel, já que eu também sou leitora e sei como é horrivel quando demoram para atualizar as fics que gostamos.
Eu escrevo os capitulo de pouquinho a pouquinho, as ideias não vem prontas na minha cabeça como acontece com muitas autoras, por isso algumas vezes eu demoro, então eu peço que a compreenção e paciencia de vocês.
Bom, chega de conversa eu só vim aqui para dizer isso e tambem dizer que estava com saudade de vocês!
Mas agora vamos ao capitulo.
Beijoos




Damon POV

– Serio que você não vai me contar para onde nos vamos? – perguntou Bella irritada

– Seríssimo. Você só vai ficar sabendo dos lugares para onde nós vamos, quando já estivermos no aeroporto – disse divertido

– Lugares? Isso quer dizer que são mais de um mesmo? – perguntou ela arregalando os olhos

– Esta no plural não está? – perguntei retoricamente irônico recebendo um tapinha no braço

Bella parecia que não iria sossegar enquanto não soubesse os lugares para onde eu a levaria, mas ela iria cansar de tanto perguntar, porque eu não diria nada.

– Mas Damm como eu vou arrumar uma mala mesmo que seja pequena se eu não sei para onde vou?

– Não se preocupe com isso, nós iremos resolver isso lá – disse sorrindo misteriosamente para ela

Eu estava animado, iria passar o feriado prolongado viajando pelas minhas cidades favoritas e iria levar minha melhor amiga, ou melhor dizendo minha Best, como nos apelidamos, - melhores amigos para sempre era muito brega – comigo.

Eu já não estava mais agüentando só ficar por aqui, essa cidade me trazia péssimas lembranças.

– Eu não sei o porquê, mas acho que não vou ficar feliz com esse seu “resolver” – disse desconfiada

Não ia mesmo, afinal ela odiava que gastassem dinheiro com ela, eu ate já poderia ver o ataque que ela ia dar quando ela soubesse que eu comprei as passagens dela e não queria nem imaginar o escândalo quando descobrisse que eu ia bancar todos os gastos dela, não ia adiantar nada eu falar para ela que eu tenho dinheiro guardado por mais de um século. - E eu te conheço o suficiente para ter certeza – disse calmo – Mas para te dar uma dica o lugar para onde nós vamos é bem quente.

– Obrigada pelo menos sei que não vou ter que andar como um esquimó – disse ela suspirando de alivio.

Nesse pouco tempo tinha percebido que ela não era uma das melhores fãs de chuva e de frio. Me pergunto como ela havia sobrevivido em uma das cidades mais chuvosas dos Estados Unidos, ai me lembro que ela detestava chuva mas havia se acostumado a isso porque tinha amado e entregado seu amor sem reserva nenhuma a um imbecil que não soube dar valor e quebrou seu coração.

Bem nós tínhamos isso em comum, a única diferença é que em vez de um imbecil eu havia me apaixonado por uma vadia mentirosa e manipuladora.

– Tem certeza de que é uma boa idéia? – perguntou ela de repente – Quero dizer... tem aquele problema com os vampiros da tumba?

– Os problemas vão ter que esperar o feriado acabar, então esqueça isso porque aconteça o que acontecer, quando nós voltarmos todos os nossos problemas, estarão nos esperando – disse suave, afinal ela se preocupava demais.

– Tudo bem – disse ela suspirando com o semblante preocupado

– Relaxa Izzie, vai tudo ficar bem – garanti parecendo bem mais confiante do que eu estava – Mas vamos indo que nós dois ainda vamos falar com a Jenna sobre a nossa viagem.

– Tudo bem. Acho que ela não vai criar problemas com isso – disse Bella

– Eu também acho que não, ela confia em você – disse calmo – Mas me espere aqui que eu vou me trocar e já volto – disse para ela, afinal eu ainda estava com a roupa que eu dormi

– Vai lá sim. Eu espero – disse Bella com um sorriso leve

– Ok – disse já subindo a escada para o andar de cima. Ia fazer isso rápido, pois quanto mais cedo falássemos com Jenna mais cedo iríamos sair deste fim de mundo.


Bella POV.

Damon tinha acabado de sumir da minha visão quando eu me perdi em devaneios. Estava preocupada, não conseguia tirar da cabeça que tinha pelo menos 25 vampiros vingativos soltos pela cidade. Eu podia imaginar bem o que eles podiam fazer se resolvessem sair para se divertir pela cidade, quantas mortes poderiam causar... Haveria muitas pessoas mortas. E pior do que isso era pensar que enquanto elas morriam, eu estaria por ai curtindo o feriado.

A culpa me consumia quando eu pensava que Jeremy, Jenna, Caroline e todos os outros podiam morrer enquanto que me divertia.

Fui tirada dos meus pensamentos trágicos pela voz de Stefan.

– Algum problema? – perguntou ele analisando minhas feições

– Nenhum – disse controlando minhas expressões

– Ok então... Onde está Damon? – indagou ele olhando em volta

– Ele subiu para se arrumar, mas ele vem logo – eu disse calma

– Na verdade eu gostaria de falar com você – disse ele com o olhar sereno

– Comigo? – perguntei surpresa

Não que nós não nos déssemos bem, mas Stefan apesar de muito gentil e justo era sempre mais reservado e serio.

– Sim com você – disse ele se sentando na poltrona de frente para o sofá que eu estava sentada

– Pode falar – disse calma apesar de estar muito surpresa

– E só vim aqui agradecer por tudo que você fez para meu irmão – disse ele com um olhar de gratidão

– Eu não fiz nada, então não precisa me agradecer – disse constrangida

– Sim, você fez sim! Porque toda a vez que eu olho para o Damon agora eu vejo um Damon totalmente diferente do que tinha chegado aqui – disse sorrindo

– Ele já era assim, esse jeito só estava escondido dentro dele mesmo – expliquei – Ele é assim, não que isso importe muito, afinal eu já era amiga dele antes das mudanças e não ligava para o jeito que ele era

– Eu sei e mesmo assim obrigado – disse ele sincero – Ele parece feliz quando esta perto de você.

– De nada – agradeci – Onde vão passar o feriado?

– Vou levar Elena para Paris – disse sorrindo – É a cidade do amor e eu não pensei em lugar melhor para levá-la

– Que romântico – eu disse. Então me ocorreu que talvez Stefan soubesse para onde Damon iria me levar. Como estava curiosa não resisti e perguntei – Sabe para onde Damon vai me levar? - Vocês vão viajar? –perguntou surpreso

–Você não sabia? – respondi com outra pergunta

– Não... Damon não costuma me contar muitas coisas – disse simplesmente

– Ah – eu disse

– Bem é só isso que eu queria dizer – disse se levantando – Ate mais tarde Bella

– Ate mais tarde Stefan

Deitei no sofá e comecei a pensar nos possíveis lugares para onde Damon poderia me levar. Talvez ele estivesse querendo me levar para Europa, e isso era inadmissível, imagine só! Não gostava nem de pensar na quantidade de dinheiro que ele poderia gastar só comprando minhas passagens, imagine com ele bancando todos os meus gastos.

– Vamos – disse Damon me dando um susto

– Ai Damm! Você me assustou – disse com a mão no peito

– Por que? Por acaso estava fazendo algo que não devia? – disse com um sorriso irônico

– É claro que não – disse indignada – Você sabe que eu nunca faço nada de errado – disse aparentando inocência

– Diga isso para quem não te conhece – disse gargalhando – Talvez eles acreditem Bella

– Engraçadinho – disse rindo com ele

~/x/~

– Deixa eu ver se eu entendi, você quer que eu deixe a Bella viajar com você sozinha – disse Jenna incrédula

Estávamos eu e Damon sentados no sofá em frente a Jenna enquanto Damon tentava convencê-la a deixar ele me levar para viajar para não-sei-lá-onde. E ela como o esperado estava relutando em permitir.

– Basicamente é isso sim – disse Damon nervoso

– Eu não sei – disse incerta

– Por favor, Jenna. Eu prometo que eu vou me cuidar – eu disse

– Sim Jenna, não há com que se preocupar, eu prometo cuidar de Bella e te ligar em qualquer emergência – disse serio.

Olhando para ele agora eu quase acreditava que ele era responsável. Quase.

– Ok. Mas você tem que prometer para mim que vai cuidar da minha sobrinha e que qualquer coisa vai me ligar – disse preocupada parecendo ainda meio incerta com ela mesma

– Tia Jenna você não precisa se preocupar eu sei cuidar de mim, não sou uma garota mentalmente desequilibrada – disse entediada

Foi como se eu não tivesse dito nada.

– Eu prometo. Vou protegê-la com minha própria vida – disse Damon.

Não sei por que, se foi pelo os olhar dele ou a intensidade com que ele tinha dito, mas essas palavras soaram tão verdadeiras que eu senti meu coração se acelerar e senti o habitual sentimento do carinho que eu sentia por Damon me tomando de novo.

Mas desta vez foi diferente. Foi mais intenso e suave. Diferente. E eu tive a certeza que apesar de qualquer coisa que acontecesse, eu também daria a minha vida por ele.

– Então sem problemas – disse sorrindo levemente – Espero que aproveite a viagem querida – disse carinhosa

– Acho que eu vou sim – disse animada – Mas agora eu tenho que fazer minha mala

– Tudo bem – disse Jenna. Então se virou para Damon e se despediu – Ate mais tarde Damon

– Ate Jenna. – disse simpático. Virou-se para mim e disse – Vou vir com Stefan vir pegar você e Elena para ir para o aeroporto.Esteja pronta as seis da tarde.

Então ele veio ate mim me deu um abraço e um beijo na testa que foi tão doce que eu suspirei. O que estava acontecendo comigo?Eu não devia ficar tão nervosa assim. Ele era meu melhor amigo afinal.

– Ate mais tarde Is. – disse sorrindo

– Ate mais D – eu disse

Mas o diabos estava acontecendo comigo afinal?O que quer que esteja acontecendo comigo tinha que acabar. Damon me conhecia se eu começasse a ter essas reações estranhas toda vez que ele me tocasse ele ia perceber.

E isso não seria nem um pouco bom.

~/x/~


– Estou ansiosa – disse Elena sorrindo enquanto nós esperávamos Stefan e Damon chegarem, no quarto – Nem acredito que ele vai me levar para conhecer Paris.

– Tire fotos eu quero ver – disse sorrindo

Eu também deveria agradecer a Stefan, afinal Elena estava feliz e eu tenho certeza que ela não estaria assim sem ele.

– Pode deixar! Vou tirar fotos e trazer presentes – disse sorrindo e pulando para me abraçar

– Nem pensar! Nada de presentes – exclamei – Já basta Damon estar planejando gastar não sei quanto comigo. Vocês sabem que eu me sinto realmente mal com isso – expliquei constrangida

– Tudo bem, prometo então que só trago uma lembrançinha – disse sorrindo

– Ok – me rendi sabendo que isso era o melhor que eu iria conseguir

Ela ia falar mais alguma coisa, mas nós duas ouvimos campainha e Jenna indo abrir a porta. Então pegamos nossas malas e descemos.

– Estão lindas – elogiou Jenna que estava nos esperando na escada


– Obrigada Jenna – dissemos juntas e fomos em direção a sala

Jeremy também estava na sala conversando com Damon e Stefan. Os três olharam para nós quando entramos.

– Temos que ir – disse Stefan – Se não perdemos o avião

Dito isso Elena abraçou o irmão enquanto eu me despedia de Jenna

– Se cuide e me ligue se houver qualquer problema – disse ela me abraçando apertado

– Você também se cuide e pode deixar que qualquer coisa eu ligo – garanti a ela

– Então vai antes que se atrasem – disse ela – Boa viagem e aproveite o feriado

– Obrigada, tenha um bom feriado você também – disse a ela

– Obrigada Bells – disse me dando um beijo no rosto e indo se despedir de Elena enquanto eu me despedia de Jeremy

– Se cuide Jer – disse o abraçando

– Você também prima e aproveite o feriado – disse sorrindo

– Você também e qualquer coisa ligue – disse retribuindo o sorrido

– Pode deixar. Agora vai porque vocês vão acabar perdendo o vôo desse jeito – disse rindo

– Ta bom. Não faça besteiras – disse saindo de casa e pude escutar ele rindo

Damon já havia guardado minhas malas dentro do carro e estava sentado no banco de trás.Eu sentei ao seu lado e Elena entrou na frente .

– Preparada Bella? – perguntou Damon divertido

– Espero que sim – disse sorrindo enquanto Elena e Stefan riam

– Não se preocupe Bella. As vezes pode não parecer mais Damon tem bom senso – disse Stefan brincando fazendo nós rirmos inclusive Damon

O resto da viagem ate o aeroporto se passou rapidamente, acho que porque Stefan não parecia costumar respeitar os limites de velocidade. A musica estava ligada e Stefan e Elena pareceram querer relaxar.E eu inutilmente tentei fazer Damon me contar de novo os lugares para os quais íamos.

– Chegamos – disse Stefan ao estacionar no aeroporto

Depois de despacharmos as malas e eu tentar descobrir para onde viajaria pelo horário do vôo, o que foi inútil já que mais de quatro vôos saiam naquele mesmo horário o que causou boas gargalhadas em Damon, nós quatro resolvemos comer um pouco já que agora só nos restava esperar para embarcar.

Damon POV.

– E já volto – disse Bella – Vou ao banheiro

– Ta bom – eu disse

Bella estava impossível, mas era divertido a ver tentando descobrir para onde iríamos.

– Posso falar com você? – fui surpreendido pela voz de Elena

– Claro que pode cunhadinha – falei daquele jeito que só eu consigo

– Eu só queria te dizer que eu não respondo por mim se alguma coisa acontecer a minha prima nessa viagem – disse seria

– Eu não vou fazer nada com ela – disse irritado – Eu nunca a machucaria

– Eu estou contando com isso – disse ela se virando e seguindo para onde Stefan estava

Elena não iria confiar em mim tão facilmente, eu a entendia afinal os danos que eu causei não foram poucos, mas eu estava mudando. Eu não só aparentava como também sentia isso e eu nunca causaria danos a garota que havia contribuído para isso.

– Voltei – disse Bella. Então ela olhou para mim e perguntou – Aconteceu alguma coisa?

– Não – disse tentando aparentar calma – Esta tudo bem. Por quê?

– Você parece irritado – disse me avaliando

– Não é nada não – disse mais calmo

– Ok – disse desistindo

Eu estava irritado, mas não era com Elena. Era comigo mesmo, porque não importava o que eu fizesse eu nunca mereceria o carinho que Bella me dava.Ela era tão boa e eu já havia feito tantas coisas ruins que apesar de estar tentando me redimir eu nunca chegaria a merecer sua amizade.

– Passageiros do vôo 236584 com destino a Paris, dirijam-se ao portão B

– Passageiros do vôo 326644 com destino a Capital de Washington dirijam-se ao portão D

– Passageiros do vôo 665482 com destino a Los Angeles dirijam-se ao portão E

– Passageiros do vôo 564236 com destino a Suíça dirijam-se ao portão A

– Passageiro do vôo 236541 com destino a Las Vegas dirijam-se ao portão C

Tive meus devaneios interrompidos por causa dos anúncios dos vôos. Aposto que agora Bella estava trabalhando mentalmente para descobrir o nosso lugar de destino. Tinha que dizer que essa mulher que anunciou os vôos tinha um fôlego admirável. Duvidava que Bella tivesse conseguido decorar os lugares e seus respectivos portões de embarque.

Pelo menos era com isso que eu contava


Bella POV.

Incrível!Se Damon não tivesse passado a maioria todo o tempo comigo aqui no aeroporto, eu teria certeza de que ele havia manipulado a mulher que anunciou os vôos. Não era possível alguém falar tão rápido!

– Vamos – disse Damon divertido percebendo meus planos frustrados

Nós embarcamos por um dos portões que eu não me preocupei em olhar depois de termos nos despedido de Elena e Stefan que também tinham que embarcar em seu vôo para Paris.

– Ansiosa? – perguntou Damon quando já estávamos voando

– Muito – respondi em quanto tamborilava os dedos em minha perna

– Isso é bom. Nós vamos aproveitar muito – disse divertido, com o que eu não sei

– Preciso ter medo? – perguntei fingindo estar temerosa

– Nem um pouco. Nesse feriado você vai descobrir o que é diversão. – disse rindo – E a propósito... você é uma péssima atriz, estou te avisando para você nunca tentar essa carreira.

– Você não é o primeiro a dizer isso – disse rindo – E pode deixar que ser atriz não esta nos meus planos

– Agora é melhor descansar – aconselhou misterioso – Você vai precisar

Eu resolvi não fazer perguntas e seguir seu conselho. E fiquei surpresa ao notar como estava com sono. Fechei os olhos e dormi o resto do vôo.

Não sabia quanto tempo tinha durado o vôo, eu só acordei com Damon me cutucando. Olhei para fora e notei que estava de noite e que o lugar onde estávamos era muito iluminado.

Já tínhamos pousado, eu ainda estava meio grogue de sono Damon parecia exultante de alegria enquanto eu ainda estava meio perdida e lutava para me localizar no meio de muitas pessoas que andavam pelos corredores do aeroporto.

Só quando estávamos fora do aeroporto que eu me lembrei de perguntar.

– Aonde estamos? – perguntei olhando em volta que era muito iluminado

– Ora!Pensei que não ia perguntar – disse brincando – Não tem idéia?

– Nem um pouco... – ia falar mais alguma coisa mais fui interrompida por um turista que gritou enquanto entrava no taxi

– VIVA AS FÉRIAS!

Que foi seguido por Damon que gritou:

– BEM VINDA A LOS ANGELES BELLA



Notas finais do capítulo

Bella: http://www.polyvore.com/lm_bella_aeroporto/set?id=23683361
Elena: http://www.polyvore.com/lm_elena_aeroporto/set?id=23682709