Aprendendo a Amar Você Swan Queen escrita por SQ Dark Angel


Capítulo 9
Cuidados Especiais


Notas iniciais do capítulo

Música do capítulo - Crazy in Love - SwanQueen video - https://www.youtube.com/watch?v=QRORAotBFEs



Crazy In Love

I look and stare so deep in your eyes
I touch on you more and more every time
When you leave I'm begging you not to go
Call your name two or three times in a row
Such a funny thing for me to try to explain
How I'm feeling and my pride is the one to blame

 

Olho profundamente em seus olhos
Eu toco você cada vez mais
Quando você vai embora, imploro para você não ir
Chamo seu nome várias vezes seguidas
É tão engraçado tentar explicar
Como eu estou me sentindo, a culpa é do meu orgulho

 

Hook e Bea caminhavam silenciosos em direção a pousada da vovó. Era fim de tarde e o dia começava a escurecer. Ele observava a loira pelo canto dos olhos. Estava curioso pela aparição repentina de uma desconhecida e mais ainda , uma desconhecida que era aliada de Regina.

Na ocasião que presenciou, notou que as coisas não estavam tão bem assim. Mas parece que agora, como sempre a Rainha havia recuperado o controle da situação .

Beatrice – Porque você está me olhando tanto?

Killian assustou-se por ser pego no flagra.

Hook – Desculpe. É que estou muito confuso com tudo isso. Você aparecendo , Emma machucada e Regina ajudando .. É muita coisa pra processar. Ele falava de maneira sincera

Realmente eram muitas coisas para compreender em pouco tempo .

A loira apenas ouviu o que ele disse e resolveu se desculpar.

Beatrice— A xerife , ela é sua namorada, não é ? Hook balançou a cabeça concordando. Bea suspirou e prosseguiu. — Sabe ,eu acabei levando essa história de vingança muito longe , interpretei errado algumas coisas e envolvi quem não tinha nada haver com meu assunto . Peço desculpas por tê-la ferido.

Hook expressou certo alívio e sorriu ligeiramente.

Hook – Certo, aceito suas desculpas. Até porque essa coisa de vingança, eu sei bem como é, já passei por isso. Ele falou calmamente. Mas então me diga, tem uma história tão significativa com nossa majestade?

Beatrice- Ah sim, a conheço há muito tempo. Tivemos um desencontro causado por sua mãe , Cora . Bea não conseguiu disfarçar a raiva que sentia por aquela mulher.

Hook – Cora ? Ela sempre foi estraga prazeres . Eu que o diga, já tive problemas com ela também. Mas vejo que agora se acertaram , não?

Beatrice — Eu e Regina fomos muito próximas , e foi isso que ela me lembrou a pouco . A considero como minha única família.. Eu estava cega pelo que passei , mas quando ela me libertou de minha maldição , percebi o quanto sou importante para ela. Bea sorriu timidamente.

Hook – Fico feliz então , que agora está tudo bem . Que está livre dessa maldição.

Os dois se aproximavam da entrada da pousada.

Hook – Vou arranjar um quarto para você Srta. ..?

Beatrice- Oh acabei esquecendo de me apresentar , sou Beatrice. E você é ?

Hook – Certo Beatrice , meu nome é Killian . Espere aqui que vou conversar com Granny .

Após alguns minutos Killian retornou com uma chave para Bea.

Hook – Estou no quarto 103 , consegui para você o 201 . Qualquer dúvida que você tiver , pode vir me procurar , sem problemas.

Beatrice – Obrigada Killian , mas por enquanto tenho que esperar . A Regina tem que acalmar o povo da cidade. Ela esboçou um pequeno sorriso. -Bem acho que vou indo.

Hook –  Ah ok então. Muito prazer Beatrice , tenha uma boa noite .

Beatrice – Mais uma vez , obrigada por me trazer até aqui , boa noite .

Dizendo isso os dois se despediram.

Bea entrou no quarto sorrindo, pensando o quanto achara aquele homem charmoso, pena que já estava comprometido.

—--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- -----

Regina ajudou Emma a chegar até sua Mercedes que estava estacionada do lado de fora das minas . Elas caminharam lentamente , a loira apoiava-se em Regina devido as dores que sentia pelo corpo, pareciam ter aumentado agora que se movimentava .

Ao chegar próxima ao carro , a morena abriu a porta do carona , voltou para Emma e disse :

Regina- Não posso curá-la ,pois a magia feita por Valquírias tem um feitiço de proteção, inquebrável. Emma suspirou. - Preciso que você faça um esforço agora , se não irá se machucar mais . Ia dizendo se aproximando da xerife. – Levante a perna .

A loira olhou-a estranhando aquele pedido .

Emma – Não estou entendendo como isso irá ajudar.

Regina – Pare de ser uma criança birrenta Swan e me obedeça. Coloque a perna para cima, vou carregá-la.

A xerife assustou-se com aquela afirmação , era isso mesmo , Regina iria levá-la no colo ?

Emma- Não Regina, calma eu posso ir devagar , de pé mesmo. Ao dizer isso ela tentou dar um passo sozinha e gemeu de dor. — Aii!

Regina – Para de ser teimosa ! Vamos levante a perna . Emma não viu outra saída a não ser fazer o que ela pedia.

 

'Cuz I know I don't understand,
Just how your love can do what no one else can

Got me looking so crazy right now, your love's
Got me looking so crazy right now.
Got me looking so crazy right now, your touch,
Got me looking so crazy right now.
Got me hoping you'll page me right now, your kiss
Got me hoping you'll save me right now
Looking so crazy in love's
Got me looking, got me looking so crazy in love

 

Me deixou com cara de louca agora, seu amor
Me deixou com cara de louca agora.
Me deixou com cara de louca agora, seu toque
Me deixou com cara de louca agora.
Me deixou esperando você me salvar, seu beijo
Me deixou esperando você me salvar
Tão loucamente apaixonada
Me deixou com cara, cara de loucamente apaixonada

 

Regina respirou fundo , colocou o braço de Emma em seu pescoço para que ela se apoiasse e segurou suas pernas . A loira não era pesada , mas a Rainha não estava acostumada a carregar peso, então esforçava-se ao máximo para não demonstrar fraqueza.

Emma sentiu um choque elétrico ao sentir os braços finos de Regina envolvendo seu corpo. A rainha caminhou lentamente, cerca de dez passos até o carro, e foi descendo gentilmente para colocar a loira sentada no banco do carona.

Regina – Tudo bem? Regina desceu com o corpo para colocar o cinto nela. Houve o momento em que seus olhares se encontraram, o tempo parecia ter congelado naquele instante.

Emma – Sim . Foi tudo que a loira conseguiu falar , seu coração estava saindo pela boca.

A morena deu a volta no carro e não conseguia parar de pensar na sensação de sentir o corpo de Emma tão próximo ao seu, chegou a sentir o calor da xerife. Ou seria seu próprio corpo reagindo aquela aproximação ?

A rainha dirigiu até a mansão e as duas não trocaram mais nenhuma palavra. Emma apoiou-se mais uma vez no ombro de Regina para caminhar e ambas entraram na casa. Regina depositou a loira no sofá da sala com todo o cuidado que podia .

Regina – Espere aqui , vou pegar o kit de primeiros socorros. Dizendo isso ela subiu em direção ao andar superior.

Emma estava admirada por todo aquele tratamento que Regina estava dando. Chegava a desconfiar de o porquê a rainha estar ajudando daquela forma. Nesse momento a loira conseguiu ver-se pela primeira vez após o ocorrido, por um espelho no centro da sala . Sua aparência era péssima. Tinha olheiras, seu rosto estava manchado de sangue , podia ver os roxos nos braços e seu cabelo estava bagunçado. Sentiu-se um tanto incomodada por estar naquelas condições na frente de Regina.

Logo em seguida a morena retornou a sala trazendo o kit médico. Depositou-o ao lado da xerife e disse:

Regina- Só vou esquentar um pouco d'água para passar nesse ferimento e já venho. Apontou para o supercílio da loira. Levantou-se em direção a cozinha.

Regina sentia uma sensação maravilhosa por ter salvado Emma, não conseguia explicar, mas sentia que finalmente estava retribuindo tudo o que a loira fez por ela no passado e ela fingia não ver.

Mas além de qualquer retribuição estava presente aquele sentimento novo. Que fazia sentir saudade, borboletas no estômago e seu coração acelerar de forma inesperada. Sensações que a loira estava causando a ela, mesmo a própria Regina sabendo que aquilo jamais se concretizaria. Afinal , Emma está com Hook.

Esperou a água aquecer e retornou a sala. Emma a olhava com admiração. Sentou-se ao lado da xerife. Pegou uma compressa e foi passando na água morna. Escorreu o excesso e depositou ligeiramente no supercílio da loira, passando devagar. Nenhuma palavra foi dita.

Regina tentava desviar o olhar e não demonstrar o quanto estava tensa com aquela aproximação, mas era inevitável não ver aquelas orbes esmeraldas a olhando tão profundamente. Ela tentava ser cuidadosa , para a água não escorrer pelo rosto da loira . Então inesperadamente Emma segurou sua mão, olhava de forma questionadora para ela.

Emma – Porque está me ajudando Regina ?

Era uma pergunta simples , mas a morena não estava preparada para dizer toda a verdade, ela sabia das consequências, sabia que Emma nunca a pertenceria.

Regina – Você é importante pra mim, Srta. Swan, faz parte da minha família . E eu protejo aquilo que me importa.  Aquilo que é meu.. Emma sentiu um arrepio ao ouvir aquela frase e a firmeza na voz de Regina.

Ela voltou a passar a compressa pelo rosto da loira, tentando desviar o foco da conversa, agora a xerife já estava com o rosto limpo. A morena pegou o kit de primeiros socorros e segurou um tipo de creme cicatrizante que auxiliaria nos roxos que estavam nos braços da xerife. Passou o creme nas duas mãos e colocou sobre o braço direito da loira.

 

Got me looking so crazy right now, your love's
Got me looking so crazy right now.
Got me looking so crazy right now, your touch,
Got me looking so crazy right now.
Got me hoping you'll save me right now, your kiss
Got me hoping you'll save me right now
Looking so crazy in love's
Got me looking, got me looking so crazy in love

 

Me deixou com cara de louca agora, seu amor
Me deixou com cara de louca agora.
Me deixou com cara de louca agora, seu toque
Me deixou com cara de louca agora.
Me deixou esperando você me salvar, seu beijo
Me deixou esperando você me salvar
Tão loucamente apaixonada
Me deixou com cara, cara de loucamente apaixonada

 

As duas estavam sentindo suas magias em contato e aquela sensação era maravilhosa. O toque entre elas fez com que um pouco da energia de uma fosse para a outra e vice-versa. Regina seguia passando o creme nos braços da salvadora com todo o cuidado que tinha. A loira deixava escapar alguns gemidos de dor , mas a verdade era que ela já se sentia muito melhor, só não queria que a massagem parasse.

Regina – Então como se sente ? Perguntou tentando transparecer calma mas parecia que seu coração iria explodir no peito.

Emma – Muito melhor. As dores quase sumiram.

Regina sorriu timidamente com aquela informação . Ela fechou o kit médico e voltou-se para a loira.

Regina- Certo, está surtindo efeito. Em algumas horas você não sentirá mais dor. Esse creme é para contusões e dores musculares. Eu costumava passar em Henry quando se machucava.

Finalmente ela teve coragem de encarar novamente a xerife a sua frente. Seus olhos se conectaram, e assim ficaram por longos segundos, nem sequer piscavam. A morena sentia um formigamento pelo corpo, estava perdendo o resto de autocontrole que possuía. Sabia o que poderia acontecer, sentia o desejo, e elas estavam muito próximas.

Os olhos verdes miravam os escuros da mesma maneira, intensamente. Regina foi se aproximando de Emma lentamente, já conseguia ver seu rosto com mais detalhes e a loira via a intenção do ato da morena. O coração de ambas estava interligado. Regina levantou a mão e a direcionou para o rosto da xerife , retirou uma mecha loira que insistia em cair para frente no rosto de Emma.

 

 

Elas se aproximavam devagar, sem desgrudar os olhos um segundo sequer, e a morena resolveu que o momento era aquele . Aproximou o rosto de Emma ao seu, segurou seus cabelos com uma das mãos e a puxou. Quando iam tocar-se, um movimento brusco vindo da porta da frente da mansão fez com que as duas se afastassem rapidamente. Henry entrou correndo pela sala em direção as duas mulheres.

Henry – MÃAAE !!!

O garoto correu em direção a Emma e a abraçou fortemente. A xerife retribuiu o abraço emocionada por ver seu filho novamente. Ele sorriu largamente para as duas e abraçou sua mãe morena. Logo em seguida Snow,com Neal em seus braços e Charming entraram aflitos e fizeram o mesmo que ele , abraçaram Emma.

Charming – Emma ! Você não imagina como procuramos por você nessa cidade . Sorriu olhando para a filha.

Snow – Estamos aliviados por ver que você está bem filha .. Mas afinal o que aconteceu ? Você estava na delegacia , desaparece de forma misteriosa e agora reaparece aqui na casa de Regina? Ela não deixou de lado o desconforto de ver Emma ali sozinha com sua ex madrasta.

Regina — Hey ,ey acalmem-se ! Houve um mal entendido com uma velha amiga minha, mas que já foi resolvido. Emma responderá todas estas questões após descansar, hoje ela ficará aqui na mansão pois ainda não está totalmente recuperada. Emma sorriu ao ouvir a morena falar seu nome e insistir em ter sua presença.

Snow- Nós agradecemos sua ajuda Regina mas podemos assumir a partir daqui , Emma claramente precisa de hospital e ..

Regina — Nada disso "Branca". Entendo as razões de quererem leva-la, porém saibam que seus machucados podem piorar através de movimentos e eu já cuidei para que ela não sinta dor. E além disso sei muito bem do interrogatório que irão realizar assim que tiverem chance. Então acreditem em mim, tudo que ela precisa no momento é descansar . Regina mantinha a pose de saber o que era melhor para curar os ferimentos da loira, tentando disfarçar a real vontade que tinha para Emma permanecer na mansão aos seus cuidados.

Charming - Querida , acho que ela tem razão. Emma dever ter passado por muitas coisas hoje e precisa descansar. Será o melhor a fazer por enquanto. Snow olhou para o marido concordando um pouco contrariada.

Snow – Certo . Emma qualquer coisa que você precise , qualquer uma , basta ligar pra mim ou seu pai. Abraçou mais uma vez a loira.

Charming- Tenha uma boa noite filha e qualquer coisa , já sabe! Plantou um beijo em sua cabeça.

Os dois despediram-se dela e dos demais e saíram da mansão.

Henry não escondia sua alegria de ter sua mãe loira de volta , estava estampado em seu rosto a felicidade.

Henry – Mãe ,muito obrigada por ter salvo Emma ! Ele disse olhando para a rainha e depositou um beijo em sua bochecha em forma de agradecimento. Regina se sentiu completa naquele momento , com Henry e Emma ao seu lado.

Regina - Eu apenas retribui algo que já deveria ter feito Henry. Falou tentando desviar a atenção de Emma dos seus olhos que diziam que ela estava mentindo naquela frase.

Henry- Ah qual é mãe? Eu sei que aí no fundo você fez isso porque se preocupa com a Emma... Mas fica tranquila eu sei que não vai admitir isso em voz alta.

Regina - Chega de conversa querido, hora do jantar, suba e tome um banho que logo irei preparar a comida.  Disse retirando o foco da conversa sobre o resgate da loira.

O garoto subiu até seu quarto deixando as duas mulheres em um silêncio constrangedor.

Emma foi a primeira a pronunciar-se.

Emma - Acho que eu também preciso de um banho. Se você não se importar claro. Disse para a morena tentando fugir daquelas orbes escuras que tanto lhe encaravam.

Regina- Sem problemas, depois do dia que você passou hoje nada melhor que um banho para relaxar um pouco. O banheiro aqui de baixo fica na segunda porta a esquerda. 

Emma levantou-se na direção apontada por Regina e foi se deslocando para o banheiro, ao passar pela morena a mesma segurou delicadamente o braço da outra causando fogos de artifício em seu interior.

Regina- Swan.. Disse quase sussurrando.  O Henry tem razão. Sobre hoje, eu realmente estava preocupada com você. Falou sem encarar diretamente a outra.

Emma - Eu sei. Tem coisas que eu percebo em seu olhar Regina. Meu super poder nunca falha com você. Sorriu timidamente indo na direção apontada.

A morena suspirou e disse que arrumaria o jantar , enquanto Henry e Emma tomariam banho.

O garoto se dirigiu para o andar superior enquanto a loira foi para o banheiro no primeiro andar. Regina esquecera de levar a toalha de banho para Emma secar-se e foi buscar em seu quarto. Caminhou lentamente pelo corredor, em direção ao banheiro em que ela estava ,carregando a tolha de banho.

Ao aproximar-se do local , notou a porta semiaberta , empurrou devagar entrando no ambiente distraída.

Regina- Srta. Swan esqueci de trazer sua ..

A morena congelou ao ver a loira naquele instante. Deixou a toalha cair no chão do banheiro . Emma a encarava assustada, colocando a mão rapidamente pelo corpo. Ela estava nua..

Got me looking so crazy right now, your touch,
Got me looking so crazy right now.
Got me hoping you'll page me right now, your kiss
Got me hoping you'll save me right now
Looking so crazy in love's
Got me looking, got me looking so crazy in love

Me deixou com cara de louca agora, seu toque
Me deixou com cara de louca agora.
Me deixou esperando você me salvar, seu beijo
Me deixou esperando você me salvar
Tão loucamente apaixonada
Me deixou com cara, cara de loucamente apaixonada



Notas finais do capítulo

Não me matem rs



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Aprendendo a Amar Você Swan Queen" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.