Aprendendo a Amar Você Swan Queen escrita por SQ Dark Angel


Capítulo 2
Deixe me ajudar




 

 

 

Haviam passado 3 horas desde o ocorrido no Granny's , onde Regina culpara Emma por acabar com o seu final feliz por ter trazido a esposa morta "já não morta" de Robin para Storybrooke . Emma estava na casa de seus pais David e Mary Margaret juntamente com Henry e Hook. Ela contou para eles sobre o que houve , o retorno deles , a volta de Marian e o ataque de Regina. Snow foi a primeira a se manifestar:

Snow - Ela não pode culpar você Emma ! Você não sabia quem Marian era e ... mesmo que soubesse não a deixaria lá para morrer ! Ou deixaria ? Mary olhou com receio para a filha esperando a resposta.

Emma - Claro que não ! Eu não sabia que ela era esposa do Robin , mas se soubesse não deixaria aquela mulher inocente morrer lá ! Droga não podiamos ter trazido outra? Disse com frustração olhando para Hook que estava no canto do apartamento dos Charming olhando para ela .

Hook - Swan se acalme .. Regina irá culpar a todos, sendo que a culpa disso tudo é dela mesma . A xerife olhou espantada para ele.

Emma - Como assim a culpa é dela ?

Hook- É simples. Quem no passado havia realmente matado Marian ? (Emma o intrigada e compreendeu o que ele estava dizendo)

Emma - Mas ela mudou Killian ! Não é mais aquela mulher do passado , está diferente , talvez até guarde uma pequena parte dela por que, afinal , faz parte da história dela... mas ... (a loira franziu a testa e disse) Eu não tinha o direito de estragar o final feliz dela!

David olhou para a filha na tentativa de acalmá-la.

David - Filha você tem razão . Ela está diferente, mas isso não muda o que ela fez no passado .Querendo ou não ela está colhendo o que plantou agora .. Você apenas salvou uma pobre mulher que estava condenada a morte.. Disse tentando tranquilizar a xerife .

Emma bufou estava pensando no que fizera " não queria deixar Regina sem o seu amor verdadeiro , quer dizer , ela merecia ter o seu final feliz, assim como eu achava que estava tendo com Hook ".Após algum tempo a loira falou :

Emma - Gostaria de descansar um pouco agora , se não for problema ... Ela começou a levantar em direção ao quarto mas antes se direcionou a Hook : Nos vemos depois .. preciso ficar sozinha um pouco, tudo bem ?

Hook - Claro. Disse dando um sorriso fraco e se retirando do apartamento . Logo após Emma se direcionou para Henry que até então apenas observava a cena .

Emma - Henry você devia ir ver sua mãe .. Ver como ela está . Nessa situação você é uma das únicas pessoas que ela aceitará ver. Henry- Ta bem, vou ver como ela está mãe. Fica bem, ok? Eu sei que você tá sentindo culpa por isso que aconteceu mas não deve pensar dessa forma, você é a salvadora... Não esquece disso.
A xerife direcionou um sorriso fraco ao filho e subiu para o quarto descansar um pouco . 
—-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Robin ainda estava emocionado por ver sua esposa ali , viva , ao seu lado , eles caminhavam sorrindo e de mãos dadas , indo em direção ao acampamento montado na floresta onde estavam Roland e os seus outros companheiros . Ao chegar Robin enxergou seu filho próximo a barraca , cabisbaixo e com um semblante triste .

Robin - Filho ! Estou aqui . Disse olhando para o garoto que respondeu curioso ..

Roland - Papai onde está a tia Regina ? E quem é essa moça ? Apontou para Marian que o olhava com lágrimas nos olhos.

Robin - Roland .. Está é sua mãe ..

Dizendo isso o garoto correu para os braços de Marian com um sorriso enorme no rosto.

Roland - Mamãe ! Como você é linda ! Abraçaram-se forte até que a mulher se virou para Robin :

Marian - Quem é essa Regina ?

Robin - Você terá que sentar .. É uma longa história ..

—---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Na mansão Mills tudo estava calmo e escuro . A Rainha já havia bebido várias garrafas de sua cidra de maçã e já nem conseguia pensar direito de tanto beber. Estava no chão do banheiro, sentada , irreconhecível . Tinha grandes borrões por ter chorado incessantemente , e quem a visse neste momento jamais pensaria que ali estava a tão temida Evil Queen .

Em sua mente tudo girava , a cena anterior do Granny's se repetia como um replay automático e ela sempre terminava vendo a cara da salvadora . Regina estava ferida , sentia como se alguém tivesse esmagado seu coração e esse alguém seria Emma Swan . Aquela imbecil nunca fazia nada certo . A morena pensava " Tinha que ter sido ela Swan ? Por que você não salvou outra ? Parece até que gosta de acabar com minha paz e felicidade ".

Dizendo isso a Rainha adormeceu ali jogada no chão do banheiro. Passaram-se algumas horas até que ela foi lentamente despertando com as batidas da porta .

Henry- Mãe! Mãe ! Você está aí? Por favor responda ! Estou preocupado ... Tá tudo bem ?

Aos poucos Regina se deu conta de que havia dormido no chão do banheiro do seu quarto e colocou a mão na cabeça sentido uma dor insuportável . Se levantou e abriu a porta. Deparou-se com Henry a olhando assustado . Foi sentido uma vontade enorme de chorar e desabou nos braços do filho .

Henry - Hey calma .. Estou aqui calma .. Dizia enquanto era abraçado pela mãe . Passado alguns instantes o garoto a olhou e disse :

Henry - Deita um pouco , vou buscar algum chá e trago pra você .. Pode ser ?

Regina - Sim . Obrigada.

Henry saiu e ela ficou deitada na cama enxugando as lágrimas que teimavam em cair . Seu filho retornou trazendo uma xícara de chá de camomila e a entregou sentado no canto da cama.

Henry - Eu estou aqui mãe ! Eu sei que é um momento difícil mas vou estar sempre do seu lado .. A rainha ouviu aquilo emocionada.

Regina - Oh Henry ! Deu sua mão e o garoto a segurou - Obrigada por isso ..

Henry deu um pequeno sorriso e teve coragem de dizer :

Henry - Mãe .. Sabe .. a Emma .. ela não quis fazer isso pra te prejudicar , ela não sabia quem era Marian ...

Regina - Por favor Henry não a mencione pra mim ! Só isso que te peço ... Acho melhor você ir indo . Não está no horário da sua aula?

Regina perguntou com severidade o olhando .

Henry - Certo .. Você vai ficar bem mãe ?

Regina - Vou (mentiu a morena) Dizendo isso ele a abraçou e saiu para buscar sua mochila e ir a escola.

A rainha esperou Henry sair para novamente sua cabeça estar cheia de pensamentos sobre o ocorrido . Afinal será que ele tinha razão ? Swan não sabia quem era ela ? Mas a xerife não podia ter feito isso, com certeza ela tinha ideia de quem estava trazendo e justamente para acabar com ela. Essa loira realmente tem o sangue dos Charming .

Após algum tempo a Rainha resolveu tomar um banho de espuma em sua banheira para afastar todos esses pensamentos por um momento. Saiu do banho com os cabelos molhados enrolada na toalha, se direcionou para o guarda roupa escolher qual peça vestiria. Optou uma blusa bege e uma saia preta justa, bem como um sapato preto que ela se sentia confortável . Mal começou a descer as escadas e escutou batidas na porta da frente seguida de um chamado .

Emma -Regina sou eu ? Por favor vamos conversar ! Eu preciso que você entenda .. eu não tive a intenção . Juro que não faria algo para te fazer sofrer dessa forma. Acredite em mim!

Ouvindo aquela voz a rainha congelou , não queria vê-la nem ouvi-la mas lembrou do que Henry dissera mais cedo "ela não quis fazer isso pra te prejudicar" e logo desceu as escadas e abriu a porta .

Emma suspirou aliviada e quando viu Regina com os cabelos molhados e naquela roupa justa pensou "Deus , como ela está lin..espera Emma o que você está pensando, tá ficando maluca " a xerife arregalou os próprios olhos com tais pensamentos e esperou que a morena a deixasse entrar . Passaram um minuto se olhando sem dizer uma palavra, enquanto Emma tentava não pensar na beleza da rainha e enquanto Regina sentia vontade de agarrar o pescoço dela e fazê-la sofrer . Ficaram caladas até que a morena suspirou :

Regina - DROGA SWAN ! Qual o seu problema hein ? Não está cansada de acabar com minha felicidade? Nunca será suficiente para você ?

Emma olhou pensando no que ia dizer para tentar se explicar .

Emma - Regina eu juro que não sabia ! Eu quero que você seja feliz tanto quanto você quer ser ! A xerife se assustou com as próprias palavras porém era verdade ela queria que a morena fosse feliz, ela merecia .

Regina - Não parece isso , você acabou de estragar a minha chance de ser feliz com meu amor verdadeiro ! Regina começou a gritar nervosa estava querendo se entregar novamente para as lágrimas mas não queria demonstrar isso na frente da salvadora .

Emma - Regina eu sei que você não teve tempo ainda mas .. Você já conversou com Robin ? Você não sabe se ele vai ficar com ela .. e ... ele ama você não é ?

Regina - Talvez ele não ame suficiente (a morena disse num fio de voz que fez Emma se aproximar para poder ouvir melhor ) É a esposa dele .. quer dizer .. imagina você amar alguém e deixá-lo ir porque você não pode mais ficar junto a ele .. e um belo dia esse alguém aparece bem a frente de seus olhos .. Regina dizia isso lembrando-se do dia que viu novamente Daniel , ficou tão emocionada que não pensava em outra coisa a não ser feliz com ele e logo depois percebeu que aquele lugar não pertencia a ele, suas palavras sempre se repetiam em sua mente " Então ame outra vez ! "

Emma - Eu sinto muito Regina - A salvadora lembrava-se da história , ali estava a origem da raiva da Rainha pela sua mãe Mary Margaret .A morena se direcionou para o sofá da sala,precisava sentar estava abalada , Emma a seguiu e sentaram-se a uma certa distância segura uma da outra .

Regina - Eu não entendo, realmente não entendo como isso é possível. Ela ia dizendo, perdendo o controle mesmo na presença da loira e deixando as lágrimas correrem livremente pelo seu rosto. A xerife reparou, lhe partia o coração ver a mãe de seu filho naquele estado , ainda mais sendo culpa da própria Emma aquela situação. Ela tomou coragem olhou para a morena e disse :

Emma - Hey.. Não fique assim .. Vai ficar tudo bem. Foi se aproximando no sofá até estar lado a lado com a Rainha. Não aguentava ficar vendo Regina daquele jeito sem fazer nada e então teve uma atitude inesperada , colocou uma de suas mãos próxima ao rosto de Regina enxugando algumas lágrimas que caiam e disse tentando parecer calma com aquela proximidade e não demonstrar o quanto seu coração tinha acelerado .

Emma - Eu quero te ajudar Regina .. A morena a fitou com lágrimas nos olhos, perdida em sua tristeza e querendo parece forte respondeu :

Regina - Eu não preciso de sua ajuda Swan... Disse com a voz trêmula. A xerife a olhou naquele estado e então pensou em algo inusitado para acalmá-la .

Emma - Venha aqui . Você não tem que ser durona sempre nem deixar essa armadura blindar até seus conflitos internos. Disse olhando para a morena que tentava absorver aquelas palavras da outra . Apontou para o canto do sofá , se levantou e sentou esperando a morena . Regina a olhou espantada e disse :

Regina - O que você está fazendo?

Emma- Apenas ... olha se você quiser pode chorar o quanto precisar Regina .. Apenas fique aqui que eu não direi isso a ninguémNão vou te julgar, prometo. Disse apontado para onde estava. Regina a olhou admirada pela sua atitude e respondeu :

Regina - Como posso confiar em você novamente ? A olhou com expressão de tristeza e a salvadora olhou profundamente naquelas íris castanho escuras e disse :

Emma - Não quero te prejudicar .. Apenas confie .. Dizendo isso a loira bateu com as mãos do seu lado fazendo sinal para a Rainha se aproximar. Lentamente Regina foi indo em sua direção e quando estavam lado a lado ..

Regina - E então .. A morena estava nervosa com aquela proximidade e sentia um arrepio ao olhar aqueles olhos verdes esmeralda a encarando .

Emma - Encosta aqui , não vou fazer nada .. Apenas vou ficar aqui com você .. Se você quiser . A salvadora deu um pequeno sorriso e esperou acreditando que a qualquer momento Regina a mandaria para bem longe ou jogaria um bola de fogo nela , porém surpreendentemente a morena disse cabisbaixa:

Regina - Aqui ? Apontou para as pernas da xerife. Emma a olhou feliz por ela ter aceitado .

Emma - Sim .. aqui . E dizendo isso Regina encostou sua cabeça nas pernas da xerife deitando no sofá . Passado alguns instantes começou a chorar constantemente com as mãos nos olhos em um sofrimento interminável. A xerife sentia seu coração doer ao ver aquela cena porém estava ali para ajudá-la e resolveu passar a mão em sua testa tentando amenizar aquela dor da morena. Aos poucos o choro de Regina foi cessando sendo substituído pelos silêncio e pela respiração aos poucos se normalizando . Emma a olhava admirando aquela mulher, era uma das primeiras vezes que a via tão frágil , e a salvadora sentiu o impulso de a partir daquele momento fazê-la feliz , da maneira que fosse necessária. Sentindo a mão da xerife em seu rosto a rainha se sentiu segura , aos poucos foi fechando os olhos e adormeceu ali ... no colo de Emma Swan .



Notas finais do capítulo

Comentem PLS



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Aprendendo a Amar Você Swan Queen" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.