Quase humano escrita por Arisusagi


Capítulo 15
Ventilador


Notas iniciais do capítulo

#ProtectAsahi2k17



Não havia nenhuma outra explicação para o desaparecimento da ferida em sua barriga, nem para aquele grito que deixou todos paralisados.

Asahi era um ajin.

― E agora…? ― Ele abraçou os joelhos contra o peito. ― O que eu faço?

O que acontecia com os ajins? Eles eram levados pelo governo, disso ele sabia, mas e depois? Será que aquela história de experimentos era verdade?

E se o governo descobrisse? Ele passaria o resto da vida preso em um laboratório, passando por todo tipo de experimento?

― Asahi, calma, respira. ― Ele só percebeu que não estava respirando direito quando Nishinoya segurou sua mãos. ― Acho que ninguém mais sabe disso. Se ninguém souber, vai ficar tudo bem.

Nishinoya se levantou e o puxou, ajudando-o a ficar de pé. Asahi vestiu seu casaco para cobrir as manchas de sangue da camisa, e os dois caminharam juntos até a casa dele.

Chegando lá, Asahi segurou o portão aberto, convidando-o silenciosamente para entrar.

Ele destrancou a porta e tirou os sapatos, sem nem anunciar que estava entrando. Dava para ouvir o ventilador ligado, e os passos apressados de sua mãe indo até a porta.

― Asahi… !

― Mãe… Eu sou um ajin.



Notas finais do capítulo

Chega em casa e "oi mãe sou imortal"



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Quase humano" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.