Elemental Warriors escrita por Yure


Capítulo 8
8 - Contato com o inimigo parte 2


Notas iniciais do capítulo

Nao tenho nada para falar para vocês exceto desejar uma Boa Leitura!!!!



O sol hoje estava fraco. Pra variar. Pelo menos eu não estava queimando. Estava fazendo algo mais perigoso. Eu não acredito que estava fazendo isso.

Eu estava em encontro. Um encontro com uma guerreira da aliança da escuridão. E enquanto eu estava morrendo de nervosismo ela estava toda alegre e contava das coisas legais que ela e seu irmão faziam e vários fatos sobre sua vida.

–- Ei, porque você está tão nervoso? – Ela perguntou. Porque eu estou nervoso... Será porque a minha inimiga mortal esta aqui do meu lado passeando comigo como se não fosse nada? Resolvi não falar nada. E nós continuamos nosso “encontro”.

Andamos pela praça toda, juntos conversando como um casal normal. Se ignorassem o fato de que eu e ela éramos inimigos. Eu classifiquei isso como um ataque surpresa a permaneci sempre atento a qualquer movimento suspeito que ela fizesse. Foram poucos, na verdade ela não fez nada suspeito era eu que estava ficando um pouco paranoico.

O sol já estava quase se pondo. E depois de fazer varias coisas divertidas, porem suspeitas pelo meu ponto de vista paranoico, nós nos sentamos no banco que eu acho que era o mesmo banco onde eu a encontrei.

–- Foi muito divertido Ethan. Você parece ser uma pessoa legal.

–- Você também parece apesar de... – Eu me cortei, mas ela parecia já saber o que eu ia dizer.

–- Eu te entendo. Bem não foi minha escolha entrar na Aliança. Mas eu renasci como a guerreira da Luz. E segundo minha mestra Aylin esse é meu destino como sua sucessora. Às vezes eu imagino com seria minha vida sendo uma adolescente normal sem ter que me envolver nisso tudo.

–- Eu acho que isso tudo, caos e destruição não combinam com você. Você não é uma garota má é somente uma garota normal. – eu disse e ela sorriu timidamente.

–- No começo eu ficava meio confusa. Aylin sempre me falou somente sobre reviver o guardião das trevas e coisas desse tipo. Eu sempre escutava tudo, mas nunca apoiei isso de coração. – O olhar dela parecia distante. – Eu... Eu ainda continuo não apoiando isso. Eu... – eu via lagrimas caindo de seus olhos.

–- Você está bem?

–- Sim, é que recentemente eu meio que... Meio que me apaixonei. E essa volta com você hoje no parque me mostrou um vislumbre de como seria se eu tivesse um namorado – Ela disse enquanto limpava as lagrimas do rosto com a mão. Eu pensei “O que?” Um membro da aliança da escuridão. A aliança que pretende destruir o mundo apaixonada? Tudo bem que ela não parecia tão má, mas mesmo assim. Eles pretendem destruir o mundo e ela sabia disso.

–- Isso realmente é muito estranho. E quanto ao plano de “destruição do mundo” que seus “superiores” estão envolvidos? – Eu disse fazendo sinal de aspas com os dedos.

–- Isso realmente é muito estranho, mas parece que apesar de tudo eu ainda sou uma garota. – Ela se levantou – Eu tenho que ir Ethan. Provavelmente quando nos encontrarmos de novo vamos lutar até morte. Então foi muito bom estar com você hoje. E adeus. – Ela brilhou em um flash de luz e desapareceu.

Durante duas semanas eu treinei com K, os outros líderes e também com os outros três guerreiros. E notei que essa não era a primeira vez em que nos reunimos quando descobri que Erick era o guerreiro do fogo com o apelido de Pyro. Eu ainda ficava triste quando pensava em Samantha e não estou dizendo que pensava nela, ela às vezes passava pela minha cabeça. Mas como alguém poderia suportar tudo isso e ainda sorrir?

–- Acorda! – K gritou e me acertou o rosto com algo que eu não pude decifrar o que era.

–- Seu estupido! Por que está me batendo?! Nós estamos descansando! – Eu gritava de volta.

–- Você esta muito distante esses dias, no que está pensando?

–- Não é do teu interesse o que eu estou pensando, seu desequilibrado. E com o que foi que você me acertou? – Eu abaixei o tom, mas mantive a raiva em minha voz.

–- Nao te interessa com o que eu te acertei seu garoto fraco. – Ele disse com tom de zombaria.

–- Vocês dois são uns idiotas – Erick falou – Parecem duas crianças brigando.

–- Vai... Ethan – Apple torcia. E Leah somente ria.

Depois de mais algumas horas de treino nós quatro fomos liberados e nossos “mestres” foram conversar sobre algo que K não quis me dizer. E eu não insisti em perguntar.

Nós fomos àquela famosa praça. Essa mesma que você está pensando. A praça onde os guerreiros da nova Aliança se reuniram pela primeira vez e a mesma praça onde eu tive meu breve “encontro” com a inimiga que foi mais legal comigo até hoje. Bem, essa era a praça que ficava mais perto da minha casa. E também ficava perto do ginásio abandonado, que na verdade não estava abandonado, só não estavam frequentando, pois estávamos de férias e nós o usávamos para treinar já que ninguém ia até lá.

Aquela praça já estava virando um segundo lar para mim. E tinha me deixado varias lembranças algumas agradáveis e outras meio tristes. Vocês já sabem a que lembrança estou me referindo. Por fim, eu decidi não irmos aquela praça e sim andarmos pela cidade. E eles também gostaram da ideia.

Mas como sempre meu dia não foi muito agradável. Eu achei que estava agradável até aquele momento, entretanto...

–- Samantha... – Leah disse enquanto olhava para uma sombra a frente que eu não conseguia ver direito graças a meu grande amigo, o sol.

–- Perigo – Apple disse vagarosamente como sempre fazia.

–- Meu dia já não estava bom – Erick reclamou e eu por um momento achei bom não ser o único há ter o dia sempre ruim. – Você pretende enfrentar nós quatro?!

Eu finalmente, depois de brigar com o sol por alguns momentos, consegui enxergar. Os olhos dela não pareciam àqueles olhos de quando nos encontramos. Aqueles olhos calmos e alegres. Esses pareciam os olhos que poderiam matar alguém a qualquer momento.

–- Não – Ela respondeu – Pretendo facilitar o trabalho do guardião das trevas mandando vocês para o outro mundo.



Notas finais do capítulo

Espero que tenham gostado. Deixem seu comentario pra me incentivar a continuar postando e voces continuarem lendo...



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Elemental Warriors" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.