Você, ele e eu escrita por AmlidArlequina


Capítulo 13
Decidido


Notas iniciais do capítulo

Gente, desculpa a sumida. Estou as voltas com a editora. Meu livro finalmente ficou pronto e está a venda. Dá uma olhada no meu perfil e me add no skoob.
Volto logo com muito mais.
Bjuxxx



Pov's Tony

A dor de ouvir aquelas palavras de Steve me tontearam e quase me levaram de encontro ao chão. Era forte demais para que eu conseguisse me sentir fraco demais para ficar diante dele e fingir que estava tudo bem porque não estava. Eu sabia. Eu sentia.

A minha dor era porque eu havia acreditado em Steve como eu nunca havia acreditado em ninguém na minha vida. Steve era a única pessoa de quem eu nunca esperaria uma decepção daquelas, a única pessoa que eu realmente amei na vida.

Aquela dor no peito e a sensação de fraqueza foram tão fortes que eu simplesmente corri para o mais longe que aquele avião me permitia, a cabine do piloto. Natasha veio logo atrás de mim.

Eu estava me sentindo tão perdido que eu simplesmente não sabia o que fazer da minha vida a partir daquele momento que mesmo vendo o quanto minha mão sangrava e balançava devido a gravidade do corte, eu não sentia dor. Meu peito doía muito mais.

— Logo logo vocês se acalmam e vai ficar tudo bem ! - Disse Natasha que cuidava do meu corte.

— Eu tenho nojo desse cara ! - Falei e eu realmente estava sentindo nojo do homem que eu amava, do pai do meu filho, aliás ele teve tempo suficiente para me contar aquilo, e também porque o cara havia se deitado com meu pai.

— Não tem nojo não, só está magoado ! - Disse ela.

— Lembre que eu já sei quem você é e que a sua magia não funciona mais comigo ! - Falei e ela me olhou nos olhos com certa mágoa, mas sendo a russa que era logo se fez de durona.

Tudo girou e se não fossem seus reflexos, eu haveria vomitado nela. Eu simplesmente não fui capaz de me controlar.

— Desculpa ! - falei.

— Não se preocupe. Eu limpo ! - Disse ela forçando um quase sorriso.

Enquanto ela se afastava para apanhar algo com o que pudesse limpar o chão eu pude ver Steve parado na porta, mas me virei para a frente. Natasha limpou o chão e assim que o fez, saiu e fechou a porta atrás de si. 

— Eu vou ficar aqui e chorar bastante, acho que eu nunca admiti isso pra ninguém, então, isso morre aqui, ok ? - Questionei fazendo o piloto olhar pra mim.

Ele não disse nada, apenas meneou a cabeça positivamente enquanto seus lábios formavam uma linha fina, e isso foi o melhor que ele poderia fazer. Palavras desnecessárias não precisavam ser ditas assim como eu precisava chorar.

Foram quase oito horas de voo até chegarmos, e o que mais me machucou não foi ter chorado na frente daquele homem nem nada do tipo, mas foi ter passado todo aquele tempo ali, chorando e sofrendo e por mais que eu quisesse quebrar aqueles malditos dentes perfeitos de Steve, eu queria que ele tivesse ido atrás de mim, que tivesse tentado brigar, se explicar, mas Steve nem mesmo abriu aquela porta, enquanto eu me acabava de chorar, ele poderia muito estar lá, cuidado do Bucky que estava quebrado. Isso doeu demais.

— Senhor Stark. Senhor Stark !- disse o piloto em um tom de voz mais doce do que eu acho que ele deveria ter usado, mesmo que estivesse falando com um gravido que passou as últimas horas chorando abraçado a barriga - Senhor Stark, chegamos a S.H.I.E.L.D. !

— Obrigado ! - Respondi passando as mãos mais uma vez em minha barriga antes de me levantar.

 

Steve não havia realmente se preocupado comigo, muito menos com nosso filho, tendo me visto vomitar e sabendo que eu estava chorando por ele, ele estava mais preocupado com o amor dele do passado. Eu iria criar meu filho sozinho. Eu estava decidido.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Você, ele e eu" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.