Saint Seiya: A batalha dos deuses escrita por Eleus


Capítulo 15
O rugido do leão




–Então não adianta? Eu não consigo sair de onde estou. Pareço andar em círculos. E essa presença que me ronda, por que não aparece de uma vez? Deve ser um dos gênios de Hermes. E essa floresta? – Se perguntava Igor de leão

Na floresta onde Igor estava não parecia existir nenhuma espécime de animal.

–Então parece que aquele que me vigia vai finalmente aparecer. Sinto que sua cosmo energia está cada vez mais ameaçadora.

–Então você é o cavaleiro de ouro de leão?

–Sim, e quem é você? Não acha que é muita audácia me seguir sem se mostrar?

–HAHAHAHA audácia? Você devia respeitar alguém mais poderoso que você cavaleiro. Deixarei que saiba meu nome somente por que acho errado alguém morrer sem saber que foi seu algoz. Eu sou Horcus de Terror, aquele que guia as almas até o reino de Hades.

–Você fala muito pra alguém que já está morto! Suas palavras não o farão mais forte!Tente me vencer! Eu, que sou chamado do mais orgulhoso entre os cavaleiros! Tome isso!

“Cápsula do poder”

O golpe de Igor cortou o ar a sua volta e abriu um espaço na atmosfera. Não foi o bastante. Horcus parou o golpe com uma das mãos.

–Esse seu golpe não chegou nem perto de me arranhar. Então esse é o poder dos cavaleiros de ouro? Isso é uma vergonha. Veja o que é poder de verdade!

“Tortura das almas”

Uma enorme esfera de cosmo foi arremessada da mão do gênio. Igor tentou para-la, mas foi em vão. Ela o arremessou para longe.

–Há! Então esse é o poder dos gênios de Hermes? É Formidável- disse Igor limpado o sangue que escorria da sua boca. - Você acha que meu ultimo golpe continha todo o meu poder? Eu usei o “capsula do poder” somente para testa-lo. Veja o verdadeiro poder de um cavaleiro de ouro!

“Rugido da fera”

O golpe de Igor demonstrou intenso poder. Novamente o ar foi rasgado, mas isso aconteceu numa velocidade tão elevada que o soco do cavaleiro se transformou num enorme golpe de cosmo que foi arremessado contra o inimigo. Mas nesse mesmo instante Horcus ergueu as duas mãos e parou novamente o golpe.

–Como? Como ele parou meu golpe com as mãos? Impossível nem mesmo os cavaleiros de ouro o fariam tão facilmente.

–Está surpreso cavaleiro? Eu já disse que vocês não são de nada. O meu golpe dessa vez o matará!

“Tortura das almas”

– Esse poder! O tamanho do golpe dele aumentou. Será que serei vencido? Não! O que estou dizendo? Eu que possuo o maior orgulho entre todos os cavaleiros falando besteira. Ouça-me Horcus, pararei seu golpe com minhas mãos assim como você fez com o meu!

–Tolo! Acha que tem poder pra isso? Então ai vai! AHHHH

Igor levantou as mãos e até conseguiu parar o golpe de Horcus, mas não foi por muito tempo. A intensidade do golpe novamente o arremessou para longe. Ferindo gravemente o cavaleiro de ouro.

–Não é possível! Mesmo com todo o meu poder ainda sim não consegui parar seu golpe? Será que ele é tão poderoso assim? Não, eu que não estou dando o meu melhor.

–Eu disse Igor, você não conseguirá me vencer! Então é verdade que as armaduras de ouro são extremamente poderosas. Sem ela você não estaria mais aqui.

–É verdade. Se não fosse minha armadura o poder de Horcus me atingiria em cheio! Mas eu não me darei por vencido!

–Já me cansei de você! Contra meu próximo golpe sua armadura não servirá de nada! Morra inseto!

“Espíritos sedentos”

Nesse momento o céu escureceu e uma fenda nele foi aberta. De lá começaram a sair almas, gritando de dor e agonia por estarem sofrendo dentro do poder de Horcus.

– O que é isso? O que são essas almas?

–Essas almas são de pessoas que cometeram pecado em vida e estão sofrendo no tártaro. Eu tenho poder para trazê-las até aqui e dar a ela o que mais querem. um corpo vivo! Vão meus espíritos se alimentem desse verme!

As almas foram então de encontro a Igor. Mordendo seu corpo e o puxando para o buraco aberto;

–Afastem-se de mim espíritos imundos! Argh! Eles estão ferindo meu corpo, mas não só ele, minha alma parece que está sofrendo. Esse golpe é terrível!

–Vamos! Não resista cavaleiro! Sua hora chegou! Apressem-se espíritos vocês ainda devorarão Atena hoje.

–Atena! Sim, eu preciso protegê-la! Horcus, não adianta! Esses seus espíritos não me vencerão! AAAA

O cosmo de Igor elevou-se. O calor em volta dele aumentou fazendo os espíritos recuarem.

–O cosmo dele está crescendo! O que ele pretende fazer nesse estado? Vamos cavaleiro aceite sua morte com honra!

–Honra? Quem é você pra falar comigo sobre honra? Usa esses espíritos atormentados em seu golpe. Você me dá nojo! Mas isso acaba agora! Meu cosmo elevou-se ao máximo! Você será destruído! Ouça o rugido do leão!

“Relâmpago de plasma”

–Não ache que será assim tão fácil! Morra!

“Espíritos sedentos”

Dessa vez milhares de espíritos foram à direção de Igor, mas o relâmpago de plasma os impediu de prosseguir. O golpe do leão parecia como milhões de feixes de luz rasgando tudo a sua volta.

– O que? Meus espíritos! Impossível! O golpe vem na minha direção! Aaaaaaaaaaaaaa

– Eu avisei gênio. Eu o derrotaria!

Depois dessa árdua batalha o cavaleiro de ouro continuou a caminhar tentando achar um caminho de volta. Parando no topo de uma colina.

–Esse pôr do sol é realmente lindo. Queria poder ter mais tempo para prestar atenção nas coisas simples a minha volta. Essa batalha foi difícil, mas esse é meu dever como cavaleiro! Devo sempre proteger Atena!

De repente uma espada negra cortou o ar atingindo Igor pelas costas. O poder dela era tão grande que conseguiu perfurar a armadura de ouro e atingir o seu coração.

–O que é isso? Argh! Que poder é esse? Que cosmo energia maligna!

–EU SABIA QUE NÃO PODIAMOS CONFIAR NESSES GÊNIOS. SÃO UMA GRANDE VERGONHA! MORRA MORTAL! ACEITE SEU DESTINO.

–Quem é você? Aaaargh.

–EU SOU FOBOS, O DEUS DO MEDO. QUE SEU ESPIRITO SOFRA DEPOIS DE SUA MORTE! HAHAHAHAHAHHA

–Atenaaaaaaaaaaaa

O cavaleiro de leão caiu imóvel no chão, enquanto que no alto o deus ria de sua morte.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Saint Seiya: A batalha dos deuses" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.