Recomeçando escrita por Bia Snow


Capítulo 17
Capítulo 18


Notas iniciais do capítulo

Oiiie meninas lindas do meu coração
Aqui é a Biah Everdeen Mellark
E aii o que acharam da minha parceira ???
Ela é otima né .. ainda bem que gostaram dela :D
BOM sei que estavam mortos de curiosidade por esse cap
Enjoy'



Me assusto com isso e logo depois sinto uma dor no meu ventre

- oh meu Deus Kat , você ta sangrando - ele diz desesperado e vem correndo ao meu encontro.

- Peeta, a nossa menina - digo chorando e aflita

-calma meu amor, consegue se levantar ?

- não , meu pé ta doendo muito - digo chorando

-Vem cá , vou te levar lá pra cima - digo e vejo que ele também tem lagrimas nos olhos

Ele me pega no colo e me leva pro andar de cima e corre comigo até nosso quarto

Quando chegamos no nosso quarto ele me coloca na cama com todo cuidado possível

-eu , eu vou chamar a sua mãe , um medico , já volto

- Vaii logo - digo entre a dor que mistura com a dor da torção do meu pé.

Ele não demora nem cinco minutos e volta com minha mãe e minha irmã muito afobada

- Filha , filha ta tudo bem meu amor ?

Minha mãe se pós ao meu lado e começou a me examinar

-mãe minha filha ... - digo chorosa

-calma querida , fica calma senão sua pressão sobe

-é maninha fica calma por favor - Prim pedia chorosa

Peeta andava de um lado pro outro pelo quarto até ouvir a campainha e voou pra atender

- filha me conta o que aconteceu

- eu me desequilibrei e cai mãe - minto , não quero dizer que cai por causa de Peeta - e meu pé também ta doendo muito

-calma que já vejo seu tornozelo

Ouço passos se aproximando e vozes

- eu chamei o Dr. Caius pra ver a Katniss

 -o sangramento já passou ? - o Doutor pergunta

- já sim , parece que se controlou , eu to medindo a pressão dela - minha mãe diz

- ok , me deixa examinar o bebê

Ele pega um aparelho de ultrassom na bolsa dele e coloca do lado da cama

Ele coloca o gel na minha barriga e passa o aparelho e consigo ouvir o coraçãozinho dela batendo

Alivio é o que sinto agora

- tá tudo bem com nossa filha doutor ? - Peeta pergunta

- está sim senhor Mellark, mas agora ela vai ter que ficar em repouso , porque sangramentos nesse estagio da gravidez são perigosos , o bebe pode nascer prematuro ou até mesmo você pode ter um aborto espontâneo , mas graças a Deus foi controlado e nada de ruim aconteceu nem a você e nem a pequena. E a pressão dela como tá Dr. Everdeen ?

- Tá alta Dr. Caius , mas também depois do susto que ela passou

-é, mas vou te dar um remédio pra controlar sua pressão , porque se ela continuar muito alta , você pode acabar tendo uma doença chamada eclampsia na hora do parto , então melhor prevenir , estão nada de comida com muito sal e nada de passar nervoso , e muito repouso , entendido ?

- sim doutor, mas uma coisa , eu acho que torci meu tornozelo , ta doendo muito

-oh sim , me deixa ver

Ele começa a examinar o meu tornozelo e doeu muito

-teve uma pequena torção , mas nada pra se preocupar, vou dar uns remédios pra dor e logo passa tudo bem ?

-tudo

-E Peeta não deixa essa mocinha abusar tudo bem

-pode deixa doutor , ela não fará nada

Ele sorri pra mim e eu retribuo

O doutor escreve a receita e diz

-Bom aqui está os remédios pra dor e pra pressão , esses aqui vocês compram na farmácia do distrito que com certeza tem

-Obrigada doutor – digo

-Dinada Sra Mellark , qualquer coisa só me chamarem, irei deixa-los a sós

-Eu vou indo também , querida qualquer coisa me chama , se cuida

-É maninha , cuida de você e da nossa menina – Prim me dá um beijo na bochecha e logo em seguida descem junto com o doutor

-Eu os acompanho até a porta – Peeta diz

Eles descem me deixando sozinha no quarto.

Sozinha não. Com minha garotinha , com minha Pearl

Fico acariciando minha bebê , mesmo eu sempre dizendo que não queria nunca ter filhos , eu a amo mais que tudo , e nada pode ocorrer com minha bebê.

Poucos minutos se passaram e Peeta já estava aqui ao meu lado novamente

-Você me deu um susto minha linda – ele diz enquanto acaricia minha barriga e afaga meus cabelos

-mas agora ta tudo bem

-graças a Deus, não aguentaria que nada de ruim acontecesse com nenhuma de vocês meu amor

-eu também não aguentaria que nada acontecesse com a nossa Pearl meu amor

- e nem com você Kat, eu não viveria sem você minha vida

-eu também não viveria sem você Peeta, nunca se esqueça disso viu , haja o que houve você promete que nunca irá me deixar , que nunca vai me abandonar aqui , por favor , me promete Peeta, promete pra mim que nunca vai me deixar , me promete , me promete - peço chorando , porque tenho certeza que se ele soubesse do ocorrido de mais cedo ele se cuparia até a morte e não duvido nada que ele preferia me deixar ao colocar a minha vida em risco , mas ele não sabe que eu amo ele muito e não conseguiria criar a nossa menina sem ele.

- que isso meu amor, eu nunca nesse mundo deixaria você minha princesa

-eu sei , mas me promete mesmo assim , por favor ..

- eu prometo minha linda, eu nunca vou te abandonar

Sorrio e encosto meus lábios no dele , passando todo aquele sentimento de insegurança pelo nosso beijo , eu amo demais aquele homem e não consigo mais viver sem ele.

Ficamos nos beijando e trocando caricias por um tempo até que ele diz

-Amor eu vou dar uma ligada pra Madge

-ligar pra Madge ? Por quê ?

-pra eu poder ir na farmácia comprar seus remédios , mas to com medo de deixar você aqui sozinha , por isso vou ligar pra ela e vê se ela pode vim ficar aqui com você

-ah sim , mas liga daqui , não quero me separar de você

-Kat , você ta estranha ... Aconteceu alguma coisa que você não me contou ?

-tenho - digo desviando o olhar , sei que sou uma péssima mentirosa - só quero ficar grudadinha com meu marido - digo me aconchegando em seus braços

- oh minha dengosa , ta eu ligo daqui

Ele pega o telefone e disca o numero de Mad

-Madge ? Aqui é Peeta - pausa - eu to bem sim , mas a Kat não muito , por isso te liguei , queria saber se você não poderia vim aqui em casa e ficar com ela enquanto eu vou na farmácia comprar os remédios - pausa - então você pode ? - pausa - então eu te espero , muito obrigado Mad, beijo

-Ela vem então ?

- vem sim, daqui a pouco ela aparece por ai, ai eu vou comprar seus remédios

-tudo bem , a dor ta menor

-seu pé ainda dói ?

-um pouco

-eu vou comprar o spray que o doutor passou pra dor e os comprimidos , se vai ver , daqui a pouco estará novinha em folha

- tomara né

X x x X

Meia hora depois Madge chegou em casa toda afobada e preocupada

-oh amiga , ta tudo bem ? Ta melhor ? Me conta tudo

-bom vou deixar vocês duas conversarem e eu vou indo lá comprar os remédios da minha linda ... - ele me da um beijo e sai pela porta nos deixando sozinhas

- então amiga , o que aconteceu ?

Será que conto pra ela ? Será que conto pra ela sobre o flash do Peeta ?

- foi nada demais Mad, eu me desequilibrei e cai, ai torci meu tornozelo e aconteceu o que aconteceu

Digo omitindo o fato pelo qual me desequilibrei

-você ? Katniss Everdeen se desequilibrando ? Conta outra né Kat , agora me conta o real motivo

Bufo, não consigo esconder nada dela.

- ok , não consigo esconder nada de você mesmo né, então , o Peeta tinha ido até o porão pegar alguma coisa e então eu ouvi um barulho e fui ver o que era ,... Era os quadro Mad, aqueles malditos quadro que ele pintou anos atrás , ele teve uns daqueles flashes e quando eu cheguei perto dele , ele me empurrou com força e eu acabei caindo .. Ai você já sabe o que aconteceu

-resumindo , foi por causa do empurrão que ele te deu que ocorreu o sangramento

-eu não gosto de pensar assim ..

- mas Kat ...

Antes dela termina ele diz

-Fu-u-ui e-eu que fiz isso com você Kat ? - ele me pergunta e posso ver dor nos olhos dele e algumas lágrimas caindo pelo seu lindo rosto

-Peeta - sussurro



Notas finais do capítulo

E aiiiiii ???????
O que será que irá acontecer agora que ele sabe a verdade
Haha só a Caele irá dizer
Rumo aos 100 reviewa *-*
E que tal mais uma recomendação na fic ??
Só tem uma que é da linda da HeleenaaRodrigues , deixem pessoal ..
Bom até mais
Beeijos



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Recomeçando" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.