A Little More: Oh Shit! escrita por LideColafati


Capítulo 1
I Dont Blame You


Notas iniciais do capítulo

Aviso: O sobrenome de Samantha e James é baseado na família Belmonth, de Castlevania (um jogo), que são caçadores de vampiros. ( Não tenho vida social, então games são meus únicos amigos! =/ )
Espero que gostem! =D



POV Sam


Droga! Que legal, olha onde você veio parar Samantha! Atras de uma lata de lixo, num beco! Tudo porque você não concordou com Brendon! Tudo por isso! E agora ele... Oh God! James!

Meu nome é Samantha Belmonth, na verdade, é Samantha August Belmonth, mas August é nome de homem... Então só Samantha Belmonth. Odeio vampiros! Na verdade, odeio só dois: Beckett, o clã dos vampiros, e Urie, ou Brendon, como eu chamo, o servo de Beckett.

Beckett pediu para mim entrar no "seu lado do jogo". Mas não aceitei, por isso, mandou Brendon, meu ex-melhor amigo, atras de James, meu irmão de 5 anos. E adivinha o que Beckett fez com ele? Ele o transformou em mais um dos seus malditos vampiros! Maldito não, James não é maldito... Mas Beckett vai ter que fazer ele voltar ao normal...


POV Pete


– ÓTIMO! ESTAMOS PRESOS AGORA! - Gritei

– Só tem um modo de sair... - Falou Gerard.

Gerard estava preso conosco. Foi pego algumas horas depois de nós. Ele era humano. Acho que de "não-humano" só havia eu naquela sela.

– Arrebentar as grades? - Patrick perguntou

– Exatamente... Elas não estão bem presas...

Joe levantou e balançou as grades. Elas estavam frágeis.

– É... Estão muito mal colocadas... - Afirmou Joe

– Então está esperando o que Drácula? - Disse Andy, sem passiência.

– Me chamou de que? - ODEIO quando me chamam assim

– Desconte sua raiva na grade, e não em mim!

Foi o que eu fiz. Um chute, não muito forte, para um vampiro.

A grade caiu no chão e corri até a entrada. Patrick, Joe e Andy foram pegar suas armas. Gerard me acompanhou.

– E agora gênio? - Perguntei para Gerard, enquanto uns sete policiais vinham em nossa direção.

– Acaba com eles! Você é um vampiro!

– Eles também são!

– Então... Sei lá!

Parti pra cima deles. A porta estava aberta. Corri até lá fora... E... AI!

POV Sam


Parecia que estava rolando uma bela pancadaria na delegacia. Corri até a porta e trombei com um cara.

– Quer fazer o favor de sair de cima de mim? - Gritei

Ele avia caido exatamente em cima de mim. Podia sentir sua respiração em meu pescoço... Ele era frio. E... Estava me cheirando?

OH FUCK! ELE ERA UM VAMPIRO!

Empurrei ele longe, mas ele, mesmo de pé, corria atras de mim, que me arrastava tentando fugir.

– Pelo amor de Deus! Não me morda! Não quero virar mais uma... Já chega o que Beckett fez...

– Beckett? - Disse ele. Parando no lugar. - O que ele fez?

– Por que eu contaria pra você? Com certeza você é aliado dele!

– Pete! Vamos pra casa! Eles danificaram todas as... - Disse um homem de cabelo enrrolado e olhos verdes.

– O que foi Joe? - Disse um outro, de cabelos lisos e óculos.

Os dois olharam pra mim surpresos. E logo depois chegaram mais dois. Um de cabelo alaranjado, e outro baixinho de boné.

– Como você sobreviveu? - Perguntou o de cabelos alaranjados

– Você também é vampiro é? - Perguntei

– Não, ele não é vampiro, o único vampiro é o Pete... - Disse o Baixinho.

– Pete? Ah! Claro! O doido que caiu em cima de mim...

– Você ainda não respondeu. - Falou o tal "Pete"

– Acho que você deve saber que Beckett estava me protegendo até algumas horas...

– O QUE? - O de cabelo liso falou

– É... Ele queria que eu ficasse ao lado dele... Mas não quis, então ele me ameasou, e agora tenho pouco tempo para salvar meu irmão.

– Pouco tempo? Mesmo? Acho que se nós não conseguirmos, vai ser noite para sempre... - Falou Joe

Me levantei e estiquei minha mão para Pete.

– Sou Samantha... - ele esticou o braço

– Sou Pete... E aquele de boné é o Patrick, o do óculos é o Andy, o Joe é o de cabelo enrrolado e Gerard é o de cabelo laranja.

– Ela vem com a gente? - Perguntou Patrick

– Ela não tem onde ficar... Tem que treinar... E então vem sim... Com certesa Beckett queria ela por algum motivo... - Afirmou Pete



Notas finais do capítulo

Pequeno, mas já é um começo!
Reviews?