Comentários em Meu Pequeno Monstrinho

Marcondes

25/02/2016 às 22:36 • Capítulo Único
O que acha que precisa ser melhorado?
A história é excelente, não precisa de ajustes ou melhorias.

O que mais gostou no capítulo?
A fofura da narrativa, além da linguagem bem simples e agradável.

Essa é uma história bem fofa e otimista, Ane. Gostei da simplicidade do enredo, bem como do enlaço dos acontecimentos até o final levemente catártico e inspirador.
Reparei aqui que o seu texto está bem mais simples nesse texto, todavia muito expressiva e crível, pois ela expõe muito bem o crescimento da personagem, mas ao mesmo tempo demonstra o seu amor as suas raízes e memórias mais doces.
Parabéns!
 


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Muito Obrigada, Marcondes! :3 Tô toda boba com esse comentário.
É uma história bem fofinha e infantil mesmo. E que dão valor as memórias infantis. Assim como uma vez me respondeu o Ronaldo, o Gato Galático, criador do Cueio: Todas as pessoas que são voltadas a artes mantém muito da sua parte infantil consigo. Porque são coisas simples assim que nos mantém criativos! Acho que a ideia do conto é essa: Manter sempre seu lado infantil.
Eu fico muito feliz que tenha gostado, mesmo sendo simples. Magus é só amor nessa vida! Sapocaco mais lindo! haha
Beijos! :3


Jeniffer

01/03/2016 às 07:39 • Capítulo Único
 Oi, Ane! *---* 
Que história mais fofinha!! ~vomitando arco-íris~
Primeiro, deixa eu dizer que eu fiquei lendo Magnus o tempo todo, só porque eu amo o Magnus de TMI... E comecei a cantar na minha cabeça: "Meu amigo da escola é um sapocaco, caco, caco, caco!" HAHAHAHAHA
Agora vamos à parte séria... Eu gostei muito que você explorou a personagem adulta, pois no começo da leitura achei que seria apenas uma história sobre uma criança e seu amigo imaginário.
Ledo engano. Mas, eu deveria saber, né Ane? Deveria saber que você iria muito além disso... Achei incrível o modo como você explorou esta transição entre a infância e a vida adulta, e colocou alguns problemas bem reais na personagem. Além de mostrar o quanto isso afeta alguém que depende de sua imaginação...
Achei tão fofo o final! Tão bonito e singelo, o modo como o mesmo amigo imaginário vai ajudar o menino, assim como ajudou a mãe dele! *O*
Amei sua história, Ane! Parabéns, você é incrível! ♥


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá, Jen! :3
Essas confusões de nome né? Acontece com todo mundo. hahaha E nem preciso dizer que eu amei a musiquinha. =D
Acho que todo mundo pensou que seria uma história sobre uma criança e um amigo imaginário. Até eu! Acabei alterando enquanto escrevia. Deixei a coisa fluir sabe?
E essas coisas que vocês falam e eu nem sei como faço. Só faço! Achei que usei uma transição até bem simples, achei até que ficaria confuso. :3
Eu também amei esse final. Magus é só amor na vida! Todos querem um Magus de companhia.
Ain, Jen, obrigada por todos os elogios e por esse comentário lindo! Incrível é você, moça!
Beijos! :3


Srta Pezzino

01/03/2016 às 20:22 • Capítulo Único
O que acha que precisa ser melhorado?
Revisão básica de vírgulas, letras comidas (vez) e falta de um "que", acho, só revisãozinha mesmo.

O que mais gostou no capítulo?
Fofura que não acaba mais, metatexto

Olá, Ane.
Eu acho que essa foi a melhor trama que você fez para o café até agora, senti imensa fofura e também um pequeno aperto no coração das lembranças que a infância podem nos causar (a propósito, a música que estou ouvindo não tem nada a ver com sua estória, nada, mas ainda assim, não deixei de ficar surpresa como casou em algumas partes).
 Achei interessante a jogada do metatexto, da criação de uma trama dentro de outra trama e envolvendo dois pólos: a ficção em alter ego infante e a realização dentro da vida da protagonista, achei ótimo. Não tenho nem o que acrescentar além de ter sentido que a história conseguiu encher de quentura o coração. Parabéns. ♥


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Falta uma revisão, eu sei. Farei isso com mais calma. Relendo hoje, peguei algumas coisas. Mas, acho que isso é normal né? Visto que eu mesma revisei.
É verdade! Essa história é uma fofura que não acaba mais. E que coisa da música ter encaixado. ahah Coisa da vida isso!
Acho que foi a trama mais simples que montei para um conto do Café. E também coloquei um pouco de mim nessa protagonista. Eu sou extremamente ligada ao meu lado infantil ainda. E dou valor a todas essas pequenas memórias!
Agradeço o comentário e todos esses elogios. Vocês tão me deixando sem graça sabia? haha
Beijos! :3


Winston

02/03/2016 às 12:42 • Capítulo Único
Que lindo... tão fofinho e mágico e tranquilo, to até mais calma agora de tão bonitinho que foi tudo isso. Foi tudo contado de uma forma tão natural e real que nem parece que era de mentira, a parte dela trabalhando e desenhando o amigo imaginário de infância, tão bonito isso! E contando pro filho depois, e ele brincando com o Magus, E O MAGUS AGRADECENDO A ELA COM UMA VOZINHA FOFA DE MONSTRINHO! Tá sendo difícil me acalmar, mas tudo bem.
To muito feliz de ter lido seu conto, sério mesmo, que coisa mais maravilhosa! Escreva mais coisas assim, por favor ♥


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Seu comentário é tão fofinho como Magus! Sério! Tô morrendo de amores aqui.
Acho que apesar da história ser curta consegui captar alguma magia. A saudade da infância, as inspirações, um monte de coisas. Muitos dos meus pensamentos estão nessa história.
Realmente, a parte mais fofinha é o Magus agradecendo. Até eu fiquei doida quando escrevi. Quase atravessei universos para abraçar o monstrinho.
Eu fico muito feliz que tenha gosta e tenha achado maravilhosa. Foi uma one fofinha e amorzinho mesmo.
Eu nunca vou parar de escrever coisas assim, pode deixar! =D
Agradeço o seu comentário, fez meu dia mais feliz. Beijos! :3


ACarolRM

02/03/2016 às 22:02 • Capítulo Único
Ois!
Eu estou realmente in love com essa one. Ela ficou tão fofinha que deu vontade de apertar *-* mas não quero estragar o pc (meu amor por ele é maior uahsuhashauh)
Eu achei muito legal essa coisa fofa, enquanto o resto fez algo mais creepy. Eu realmente adorei!
Obrigada por escrever e por participar do Café com Letra! Amadorei :3


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá! :3
Essa one é só fofura e amor mesmo. Pode só apertar o Magus mesmo viu? haha (Quem não ama o seu pc né?)
Eu fiz mais infantil e fofinho porque foi justamente isso que estava na minha cabeça quando dei a sugestão do tema.
Fico feliz que tenha gostado tanto da one quanto escrever pro Café. E eu que agradeço por ter lido!
Beijos :3


Leandro Gonçalves Nero

06/03/2016 às 15:35 • Capítulo Único
QUE HISTÓRIA FOFA!
Toda a narrativa me fez ficar nostálgico acerca das minhas vivências da infância, onde a imaginação fluía sem dificuldades. O Magus representa o positivismo - que ela reviu em sua vida após resgatá-lo de suas lembranças - e a inocência dos tempos de criança. 
Até a próxima, beijos!


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá! :3
Acho que essa one carrega toda a nostálgica que eu tenho ao lembrar da minha infância. Eu sinto saudade! Não tinha preocupação nem nada.
Magus carrega a inocência e o positivismo mesmo, tenho que concordar com você. E também a imaginação! Ela é a mais importante.
A fofura dessa história é por conta do Magus lindo, maravilhoso!
Obrigada o comentário. Fez meu dia mais feliz! Beijos!


BloodWyve

14/03/2016 às 17:18 • Capítulo Único
Isso realmente me acertou bem no fundo do coração, pois eu tinha um migo imaginário que era um dragãozinho. Foi algo incrível ter o Esmeralda comigo. 
Simplesmente adorei, sério. E eu me identifiquei tanto, porque eu desenho e bem, eu desenho o Esmeralda com frequência, ele com certeza seria contado para um filho meu.


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Acho que esse conto tocou em nossas crianças interiores. :3
Eu fico muito feliz que você lembrou da Esmeralda. Nunca ia suspeitar que alguém se verei tanto assim nessa história.
Muito obrigada por esse comentário muito amorzinho! (Quero conhecer a Esmeralda.)
Beijos! :3


Lorde Barão

26/03/2016 às 11:38 • Capítulo Único
Eu não vou chorar. Eu não vou chorar. Eu não vou chorar.
BUUUAAAAAAAAAAAA!!! E pensar que os médicos disseram que não sairia nenhuma lágrima do meu olho de vidro (plot twist: não tenho olhos de vidro).
Essa história, é tipo assim, um daqueles quadrinhos do Monstro, do Fábio Coala (tomara que vc conheça o Mentirinhas), só que em forma de texto. Só trocar o Magus pelo Monstro. Por isso que gostei tanto.
Agora licença que vou terminar de chorar ali no canto.


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá!
Por favor, não chore. É uma história feliz. Magus te dá uma abraço para te acalmar. Vem, Magus!
Não conhecia o Mentirinhas, acabei de acessar aqui e eu simplesmente amei só pela página que abriu. Lembrou justamente a foto que usei como a capa desse conto. É dava bichinho mais fofo que o outro.
Fico feliz que tenha gostado e se emocionado com a história.
Beijos! :3


Lui

30/03/2016 às 18:23 • Capítulo Único
O que acha que precisa ser melhorado?
Sempre pode melhorar, mas não consegui encontrar nenhum erro.

O que mais gostou no capítulo?
Tudo! Absolutamente tudo! Mas principalmente o final e a lágrima que quase escorreu.

Mano... Eu QUASE chorei, aqui. Nunca tive um amigo imaginário, talvez pelo simples fato de eu ter nascido na "era da tecnologia", mas seu conto mexeu comigo como se eu tivesse tido um. Eu amei a forma que você escreve, e aparentemente suas ideias são sempre incríveis! Além de tudo, suas personagens são extremamente bem desenvolvidas. Isso tudo fez com que seu texto ficasse incrível! É merecido que você tenha cem, mil, ou até dez mil comentários!


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá! Seu comentário fez meu dia mais feliz. Sério! :3
Acho que esse conto mexe com as pessoas por conta de nos fazer lembrar da infância, que é uma época tão pura e cheia de imaginação da vida. Quem tem o lado artístico sempre tem o lado infantil junto consigo.
Tem gente que diz que minhas ideias são realmente diferentes e incríveis. Eu só acho que faço o meu normal. Mas, agradeço o elogio! (Não estou sendo ingrata. Só acho engraçado como vocês exageram ao comentar e isso é muito amorzinho.)
Muito obrigada pelo seu comentário e me perdoe quase ter te feito chorar, era para ser uma história feliz! Beijos! :3


The Stolen Girl

03/04/2016 às 11:00 • Capítulo Único
Finalmente tive a decência de começar a ler as histórias dessa coletânea. Preciso dizer que seu conto ficou muito fofo sahushau Amigos imaginários mexem comigo e, enquanto lia, me lembrei do filme Divertida Mente, em que Bing Bong é o amigo que nunca se esqueceu daquela que o imaginou (confesso que chorei quando ele foi finalmente esquecido, se sacrificando para ajudar a Riley). Acho que a infância deve mesmo ser lembrada, então parabéns pela ideia e o desenvolvimento dela, ficou tudo uma graça ♥


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá! Eu que tenho que tomar vergonha na cara e ler as outras também. Eu li algumas, mas sempre começo pelas menores e vou para as maiores. =D
Eu escrevi um infantil, porque foi com essa ideia que sugeri o tema. (Sim foi sugestão minha mesmo!) Era um post com desenhos de crianças recriados por artistas. Achei tão legal! :3
Nem me fala do Bing Bong, também chorei na parte do filme em que ele "morre". Cara, foi um baque muito forte! Melhor personagem do filme junto com a tristeza. =D
E concordo com você, a infância sempre deve ser lembrada. Acho que faço isso até demais. Trabalhar com qualquer tipo de arte nos faz ser muito ligados ao nosso lado infantil. Sou uma criança grande, como costumo dizer.
Muito obrigada por todos os elogios! Magus agradece! Beijos! :3


Connor Hawke

04/04/2016 às 13:41 • Capítulo Único
Amei essa história! Ela é muito fofa e mágica!
Cara, a transição da vida de uma criança, passando pela adolescência, e então a vida adulta está ótima. Sabe, isso me lembra uma frase do Walt Disney que fala algo assim, que não importa o que aconteça, você nunca deve perder o arco-íris que você tem dentro de si. A sua fic meio que representa isso, e eu amei a sua fic. Eu gostaria de brincar com o Magus.^^
O tempo passa, as coisas mudam, isso é inevitável. Mas, como Walt Disney dizia, nós temos que manter o arco-íris que temos de cada um de nós sempre brilhando, pois isso nos torna mágicos e especiais, isso nos torna únicos. Nós mudamos como um reflexo do tempo que passa vorazmente, e tentamos acompanhá-lo, pois se pararmos de correr, o tempo corre mais rápido que nós, e nosso fim chega. Por isso, nós devemos amadurecer sem perder a nossa magia. Para isso, creio eu, que nós devemos aproveitar cada momento, cada oportunidade, para que tenhamos uma vida duradoura e muito prazerosa.
Amanhã é sempre um novo dia, um novo dia para refletirmos sobre nossas ações, um novo dia para refazê-las, nós nunca devemos deixar que nossos problemas nos corrompa, pois é assim que a nossa luz se apaga e convidamos a escuridão para entrar em nossas almas e corromper nossas vidas.
Eu demorei um pouco para ler essa sua One, mas agora está lida.
Tenha um ótimo dia! Você tem uma escrita realmente mágica, continue assim.
PS: Detectei só um errinho: "Com o achei mais nojento"
Com o que eu achei mais nojento.


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Muito Obrigada! Estou sorrindo de orelha a orelha com seu comentário. :3
Admito ter feito uma transição tão simples, pelo menos para mim pareceu assim. E eu tenho que concordar com esse pensamento do Walt Disney que eu nem conhecia. É exatamente o que eu falo: Nunca deixe a criança dentro de você morrer. 
Acho que todos nós gostaríamos que brincar com o Magus. Porque ele é fofinho! haha 
Posso tatuar esse seu comentário na testa? É isso o que eu penso. Por que não conheci o Walt? *chora* Sem problemas quanto a demora para ler, o que importa que é você leu não é? E comentou, o que é melhor ainda.
Já corrigi seu apontamento. Aquela coisinha que sempre passa na revisão.
Agradeço de coração o comentário! Beijos! :3


Siegrfried

11/04/2016 às 20:43 • Capítulo Único
O que mais gostou no capítulo?
Amigo imaginário ♥

Acho tão legal essa coisa de amigo imaginário. Já tive alguns também e era bem divertido brincar com eles.
Magus, o nome ficou tão criativo!
Ah, quando se fala da apresentação do menino para o Magus, faltou um que ali em: "Digamos que ele seja um Sapocaco!".
Abração e obrigado por mais uma história!


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Eu não lembro de ter tido amigo imaginário não. São memórias distantes para mim!
Magus é só amor na vida. Também gostei do nome dele.
Farei a correção do trecho agora. Impressionante como sempre passa algo na revisão.
Obrigada por ter comentado e eu sei que você gostou! Beijos! :3


Bruna Becker

18/06/2016 às 20:07 • Capítulo Único
O que mais gostou no capítulo?
Do Sapocaco, claro!

Adorei a história, ficou muito fofa!


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Fico muito feliz que gostou!
Sapocaco é só amor! :3
Beijos!


Talita Braga

25/07/2016 às 12:49 • Capítulo Único
Aaaaaaah, quem não teve um amigo imaginário nessa vida não é? Como sou a diferentona, tive quatro de uma vez. Na solidão de casa (sou filha única), nós nos divertíamos pra caramba. Mas a gente vai crescendo, vai deixando que a realidade grotesca nos pegue e perdemos o caminho colorido da imaginação. Entretanto, haverão outras gerações de crianças, as quais continuarão com o legado. Muito legal! Adorei bastante sua história. Beijos da Tatá.


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Olá! =D
Eu não me lembro se tive uma amigo imaginário ou não, mas me falavam que eu sempre parecia conversar com alguém (na verdade, é assim até hoje. haha), então não sei.
Caramba, quatro? Moça, é quase uma quadrilha de amigos imaginários. Devia ser divertido demais! haha
A vida vai dando umas "porradas", mas acho que é sempre válido manter o lado colorido vivo dentro de você. Como escritora sei bem o que é isso!
Muito feliz que tenha gostado! Beijos! :3


Dreamer N

30/11/2016 às 21:09 • Capítulo Único
Awn, que coisa mais fofa. Quero abraçar o Magus ♥
Isso é que não deixar a criança dentro de você morrer! Me lembrei do meu cavalo Nicolas... que saudade. *-*


Resposta do Autor [ZodiacAne]: Halo! =D (Again. ahah)
Magus é só amor nessa vida! Todos ama! :3
Acho que quem trabalha com algo artístico nunca deixa o lado criança morrer. Acho que é nossa parte mais criativa de fato.
Você tinha um cavalo? Que legal! (Sou sagita, gosto de cavalos sabe? haha)
Obrigada pelo comentário!  Beijos! :3