Deschain

25/08/2015 às 19:31 • Aluno novo na área
Eu terminei de ler o capítulo e estou meio em choque. Precisei fechar a boca, embora não saiba desde quando ela se abriu. Acho que muito provavelmente com a "arma laser". Não, certeza que foi com a "arma laser".
Eu li a sinopse e pensei que essa história era a que tinha mais potencial entre todas que li hoje. Nenhuma que li fez muito meu estilo, muito menos essa, mas algo na sua descrição já me fez abrir um sorriso de lado. "Oras, eu sei o que esse cara vai fazer, não sou muito fã de comédia nonsense, mas por que não?".
É, por que não?
A nota inicial meio que confirmou o que eu já pensava. É alguém que gosta de escrever, escreve bem e está mesmo profundamente ligado com essa história de comédia nonsense. Não vou negar que tinha um pouquinho de preconceito nesse pensamento, achei um desperdício, mas quem sou eu pra julgar as escolhas alheias?
Primeira linha: "Diário de Lucas".
"Ah, não... Pelo amor de Deus, não!", pensei com meus botões. Tenho meus problemas com esse tipo de narrativa, causado por anos e anos de horrores gramáticos e plots tensas. "Diário? Por que fazer isso com o leitor? Por que não optar pela narrativa em primeira pessoa convencional?", ainda me questiono sobre isso. Ao meu ver, é um pouco estranho alguém reproduzir com precisão diálogos que aconteceram durante o dia em um diário, horas depois. Mas, novamente, quem sou eu para julgar?
Então começa o show. Eu sou do tipo que pensa que só existem dois tipos de pessoas que escrevem histórias com vários personagens: aqueles que não sabem escrever e aqueles que sabem demais. Graças a Deus você está na segunda categoria, eu ficaria FULA DA VIDA se você estragasse ainda mais a história (depois de escrever como forma de um maldito diário - opinião minha, não leve a sério). São tantos personagens em um capítulo só que deixaria qualquer um confuso, mas de um jeito meio mágico, você conseguiu atribuir características próprias a cada um deles.
Eu sinceramente não sei qual é o meu favorito. Para a falar a verdade, acho que não gravei metade dos nomes, mas quem se importa? Vou ter bastante tempo para isso. Acompanhando com certeza! E quem sabe, depois dessa lista enorme de fics, eu não passe no seu perfil para olhar suas outras histórias....
Como não poderia faltar, gosto de comentar a escrita. Cara, você escreve bem. E o maneiro é ver que você não apela para rebuscamento e encheção de linguiça, também não é daqueles de dizer só o essencial e sair comendo pontuação, transição e todo o resto. Tempo, acho que é isso. Você tem o tempo certo. É, estou totalmente encantada com essa loucura enorme que você criou, mas fazer o quê?
Uma observação final: "viemos nos inscrever"*, não sei se a Helena errou de propósito, mas se não foi, fica aí (se foi, não me importo de pagar de babaca, depois de ver o "Gary Evans Stewart Globes" não tem como alguém se importar em ser muito babaca).
Eu disse que era uma observação final, mas tenho mais uma, o link que você colocou na sua nota final não está funcionando. Dê seus pulos e arrange isso.
O resto você já deve saber:
Continue escrevendo. Amei. Adorei a fic. Posta mais. Atualiza logo. E o que mais for de praxe em comentários.


Resposta do Autor [R Freitas]: Boa noite, como vai?
Nossa, já faz um tempo que não recebia um review tão milagroso. Tô querendo chorar aqui por causa da felicidade. Pois bem, vou tentar produzir uma resposta a altura.
Pois bem, sempre gostei muito de histórias com um humor bem nonsense, pastelão ou mesmo tosca. Não é a toa que um de meus desenhos animados favoritos seja Du, Dudu e Edu. Às vezes é bom vencer seus preconceitos. Eu mesmo não sou muito fã de yaoi e yuri, mas vez ou outra eu encontro histórias com esses gêneros que são muito boas, e nesses casos vale a pena dar uma conferida.
Mas afinal, por que cargas d'água eu comecei esse texto com "Diário de Fulano" quando eu podia usar a narrativa em primeira pessoa convencional? Na verdade, eu nem uso muito a narrativa em primeira pessoa. Se você lesse as outras fics e fanfics que publiquei no Nyah, veria uma predominância na narrativa em terceira pessoa. Então por que usar diários?
Elementar! Tempos atrás eu li um livro muito bacana, clássico da literatura mundial, chamado "Drácula - O vampiro da noite", e o primeiro capítulo começa justamente com a expressão: "Diário de Jonathan Harker (anotado em taquigrafia)". E o livro é cheio de diários e relatos de diferentes personagens, onde cada um descreve os acontecimentos da trama com grande precisão.
Pois é, nem toda história que começa com "Diário de Beltrano" precisa ser necessariamente um texto traumático. O que acontece é que eu gostei tanto da narrativa do livro do Drácula que pensei que seria uma boa ideia usá-la em pelo menos uma fic minha. E é por isso que a história começa com "Diário de Lucas Monteiro".
Bem, deixe-me ver o que mais posso responder aqui.
Administrar uma história com muitos personagens não é uma tarefa fácil. Eu mesmo me pergunto como consigo fazer isso, e de vez em quando preciso reler o texto que escrevi para não me perder. Mas é assim mesmo, cada um tem seu método.
"E quem sabe, depois dessa lista enorme de fics, eu não passe no seu perfil para olhar suas outras histórias...."
Senhora, se esse dia chegar eu ficaria muito contente. Não vou apressá-la, é claro, esperarei nem que isso leve um milhão de anos.
Agradeço pelos elogios a minha escrita. Nem sei se mereço isso, eu apenas vou no Word ou no Google Drive, abro uma nova guia para acessar o Priberam Dicionário, e escrevo do jeito simples que tanto gosto. Desde que o grupo do Nyah surgiu, me sentia deslocado de vez em quando ao ver tópicos que defendiam com unhas e dentes a escrita rebuscada e poética. Não, eu não tenho nada contra esses tipos de autores. Eu entendo que eles se sentem bem escrevendo de um jeito pomposo e formal, da mesma forma que me sinto bem escrevendo de uma forma tão simplória. Acho que minha experiência de vida com o estilo mais rebuscado não é das melhores.
Com relação à observação final: às vezes Helena erra de propósito, às vezes eu erro sem querer querendo. Mas eu juro por Thor, filho de Odin, que tento escrever bons textos e evito ser desleixado. E não se preocupe, não dá pra ser mais babaca que o Gary Evans.
Agora, esse aviso do link me surpreendeu. Da última vez que testei tava funcionando direitinho. Mas vou ver o que posso fazer.
Ufa, consegui escrever a resposta. Fique ligada pois o próximo capítulo deve sair em breve.
Mais uma vez, obrigado pelo review e até a próxima.


Mila Karenina

08/09/2015 às 12:06 • Aluno novo na área

Que história gostosa de se ler! Sem erros e com total sentido em tudo.
Amei tudo mesmo e vou acompanhar >
Não tenho muito o que dizer, apenas que quando tiver tempo aparecerei novamente rsrs
XOXO


Resposta do Autor [R Freitas]: Ora ora, a autora de Heróis Urbanos por aqui.
Primeiro, fico grato em ler seu comentário por aqui. Estou super feliz, de verdade.
Depois, fico mais contente em saber que gostou da minha fic e vai acompanhá-la. Espero que se divirta bastante.
Até a próxima.


Shelley

15/11/2015 às 20:12 • Aluno novo na área
Vi um post seu no grupo do Facebook e decidi ler a sua fic! Olá, moço
Essa capa foi desenhada por você? Estou perguntando porque a sua capa de perfil aqui no Nyah também é um desenho (não me julgue por stalkear autores .-.) Achei digno
Eu adorei a sinopse AHOEHOIHOAHOE
Agora vou ler esse capítulo e comentar (que é o que eu deveria estar fazendo desde o começo desse review)
MORRI *-* você cumprimentou os leitores dizendo "olá jovens padawans" eu achava que só eu falava essas coisas (mentira, não achava, mas é bom conhecer gente que fala assim do mesmo jeito)
"Ursos com metralhadoras" esse parece ser um filme divo c: esse nome aí é muito inspirador...
Espera aí, o que eu perdi? (rimou) Esse povo todo já existia em outra história? Eita ferrou-se
De acordo com estudos feitos por mim mesma, quando os diretores chegam na sala nunca é um bom sinal! A DISCÓRDIA SERÁ INICIADA COM ESSE AVISO DE ESCOLHA DE PRESIDENTE DO GRÊMIO ESTUDANTIL!
Essa história me lembrou que, no ano retrasado, eu fui a representante da classe (que é mais ou menos que nem presidente do grêmio estudantil, só que pior) e sabe o que eu fiz? Vários nada ;-;
Lucas, cai nessa não que é roubada! Não segue os conselhos da Helena! Esses negócios de presidente/representante não fazem bem pra alma...
O Urbano vai ser a cara da riqueza
Na hora em que eles encontraram a Jéssica e o Fausto eu imaginei a Jéssica do Canal das Bee (não sei se você assiste) e o Faustão AHOEHOIHOAHOE acho que foi uma das melhores coisas que eu já imaginei
Eu juro que tentei achar estranho, mas se alguém me desejasse "bom dia" quando eu estivesse em um péssimo dia, seria bem capaz de eu tirar uma arma laser e sair atirando por aí
Tô morrendo de rir aqui com os pensamentos do Lucas, sério mesmo, essa história devia virar um desenho animado!!
CHOCADA! Helena, minha filha, você não perde as esperanças mesmo c:
PARA TUDO QUE É HORA DE EU CONTAR UMA HISTÓRIA DA MINHA VIDA AQUI (porque eu lembrei dela com a chegada do Gary) foi tipo assim: estava eu saindo da escola, quando, de repente, eu ouço uma menina dizendo pra amiga dela: "aquele menino é muito gato, olha lá" e eu, como a pessoa curiosa que sou, olhei na direção que ela mandou. E o que eu vi? Um bando de meninas reunidas e não deu pra ver o menino porque elas estavam fazendo uma minimultidão em volta dele HUEHUEHUE não sei porque eu ri tanto nesse dia, mas juro que foi engraçado...
Ok, agora eu já posso continuar
Não gostei do Gary! Tô contigo, Helena! MOSTRA SUA FORÇA BRASIL!!! AMARRA O AMOR NA CHUTEIRA!! Não pera...
OXE! Nessa descrição que o Urbano fez só faltou dizer que o cara sabe assoviar e chupar cana!
Tadinho do Adriano ;-;
Até o próximo capítulo


Resposta do Autor [R Freitas]: Olá, como vai? Chegou aquela hora do dia que todos amam: a hora de responder os comentários. YAY ( leia com a voz da Fluttershy)
Nossa, que comentário maravilindo é esse? Sério, to quase chorando de alegria aqui. E como todos sabem, comentários como esse merecem respostas míticas, então vou fazer um esforço aqui.
Entonces, você adivinhou. Eu mesmo desenhei essa capa. Na verdade, desenhei boa parte das capas das minhas histórias.
Sim, chamar a galera do Nyah de padawans é uma de minhas manias. Eu também gosto do: "Olá mestres pokémons, como vão?"
Sim, essa turminha aí apareceu em outras histórias minhas. Na verdade, quase todas as minhas originais se passam no mesmo universo. Mas não te preocupa, que vc pode ler essa fic aqui sem precisar ler outros textos meus. A propósito, se você tiver interesse em ler minhas outras fics, fique a vontade.
"Não segue os conselhos da Helena"
Sei não, acho que já é um pouco tarde pra dar esse conselho.
Jessica do canal da bee, definitivamente não conheço, e não tenho o menor interesse em conhecer. Sorry :p
Mas o Faustão, esse sim é inconfundível. Aliás, vc não foi a primeira leitora que imaginou o Faustão qd o Fausto apareceu. E vc também não foi a primeira a dizer que minhas fics deviam de ser um desenho animado. Eu mesmo imaginei e confesso: seria irado.
Pera, essa sua historinha é seria? De verdade? Por que se for, a arte acabou de imitar a vida por aqui. Hehe
Realmente, não da pra gostar do Gary. Nem sei o que essas garotas enxergam nele.
Bem, acho que é isso. Respondi tudo o que podia responder. Valeu mesmo pelo review. Vou imprimir e mandar emoldurar. Hehehehehehe
Até!!!


Bicha Desconhecida

03/12/2017 às 16:33 • Aluno novo na área
Aaah! Odeio semideuses. Torcendo pra Helena pisar na cara dele.


Resposta do Autor [Lorde Barão]: Ora, ora, você chegou até aqui.
Lembro que me diverti muito escrevendo essa fic, embora ela seja cheia de momentos tensos.
Estranho você dizer isso.
O Gary pode ser perfeito e tals, mas ele não é um semideus.
Curiosamente, semideuses existem de fato no universo dessas fics, e Helena meio que compra briga com um deles. E apanha feio.
E vou parar por aqui senão vou entregar um spoiler do tamanho da trilogia de filmes Senhor dos Aneis.
Tchau


Deschain

26/08/2015 às 11:26 • Reunião na casa do Lorenzo
Eu não sei o que dizer dessa história, mesmo. É cada coisa nessa plot que deixa a pessoa "wut?" que nem tem como dizer muito a respeito.
Cosme é um personagem maneiro, legal que seja temido e fortão e ao mesmo tempo todo sério e profissional, o contrário da Helena que só é uma irritadinha estressada. Eu tenho muita pena do Lucas nessa história toda: ele é o único são no meio de malucos, não sei como não pira de vez.
Enquanto lia senti falta de algumas pontuações, principalmente separando vocativos, mas foi o único problema mesmo que percebi no texto. Sua escrita é maneira, mas esses verbos no pretérito mais que perfeito me incomodaram um pouquinho, destoaram do resto da narrativa... Ou eu só estou sendo chata porque acabei de acordar e você me colocou para ler verbos nesse tipo de conjugação, que eu não sou, particularmente, uma fã.
Se você tirou esse estilo de "diário" do livro do Bram Stoker, então é mais um motivo para querer te apedrejar: aquele livro é TÃO enormemente horrível. Travado, maçante. Como é questão de opinião, vou guardar minhas pedrinhas para um momento mais oportuno, mas que eu realmente tenho trauma com esse tipo de narração, tenho.
Comparado com o outro capítulo eu achei que esse aqui teve menos "ação", colocou como um capítulo de transição ou só fez essa separação para o capítulo 1 não ficar muito comprido?
De resto você já sabe: Continue escrevendo. Gostei do capítulo. Posta mais. Atualiza!! E outras coisas mais.


Resposta do Autor [R Freitas]: Bem, o que posso fazer? Nas minhas comédias, o nonsense não tem limites.
Hmmm, vejo que está identificando as características marcantes de cada personagem. E esse Lucas foi criado especialmente para esse propósito: sofrer nas mãos de seus colegas insanos.
Ok, um alerta sobre pontuações. Meio que temia esse tipo de coisa. Vou arranjar tão logo eu consulte um livro de Gramática (ou mesmo um site sobre o assunto).
Com relação aos verbos do pretérito mais que perfeito, acho que você tem motivos para reclamar. Tipo, quem tá narrando a história é um garoto que acabou de entrar na adolescência, é mais fácil ele usar uma expressão mais informal. Agora imagina se eu preferisse escrever de um jeito mais rebuscado.
Mas confesso: eu meio que fiquei surpreso com esse ódio ao livro do Drácula. Meu, é um clássico da literatura mundial. Mas você tem razão, gosto é gosto, e pessoas podem simplesmente desgostar de um clássico (até porque, não é todo mundo que se amarra nos clássicos do Trovadorismo de Portugal). Mas eu não me arrependo de escrever com diários, porque estou dando uma chance a um estilo de narrativa que não costumo usar, e isso é tudo o que importa.
Bem, pode-se dizer que esse seja um capítulo de transição. E acho que vou terminar por aqui. Até a próxima.


Shelley

15/11/2015 às 21:49 • Reunião na casa do Lorenzo
Aqui estou eu pra comentar de novo essa maravilhosidade (tá certo isso? não né?) de história! Vamo que vamo!
AHOEHOIHOAHOE Amo a Helena ♥
Quando nós achamos que não existe resposta errada, vem um Lorenzo da vida pra provar o contrário
As vezes dá dó do Lucas, ele é obrigado a lidar com esse povo doido todo dia... Eu me identifico um pouco, mas aí eu lembro que eu sou tão zuada quanto os meus amigos... Aí a vida segue, né? .-. E já aproveito pra criar a nova hashtag #somostodoszuados
Quando a Helena disse que arrumou uma "ajudinha extra" eu juro que imaginei uns marombas encurralando o Marcos nas quebradas da vida
JÁ SEI! O COSME, NA VERDADE, É UM VAMPIRO DO ESPAÇO QUE VEIO DE UMA DIMENSÃO PARALELA EM BUSCA DE CABELO HUMANO PRA UM EXPERIMENTO MALÉGNO! Altas teorias conspiratórias aqui, maaaas isso me deu umas ideias muito loucas
O que ele ia fazer com o pé-de-cabra eu não sei, mas eu ainda estou me perguntando como ele enfiou uma ferramenta dessas no sapato...
Com um cartaz desses eu votaria nela AHOEHOIHOAHOE
Quando o Cosme disse "elementar" eu já comecei a imaginar o cara com aquelas roupas no estilo Sherlock Holmes e uma lupa na mão
GENTE DO CÉU! A MONITORA GOSTA DO LORENZO?? QUE DOIDERA! É nessas horas que eu me considero uma garota de sorte porque na escola onde eu estudo, o único monitor que fala comigo é um cara que atrapalha o nosso almoço com o boneco do Majin Boo (PS: o boneco é legal, mas o inspetor é meio chato)
Cheguei a conclusão de que o Cosme tem roupas estilo armário de Nárnia porque só isso explica como ele leva um pé-de-cabra e um cabide desse jeito
EU JÁ NÃO SEI MAIS SE O COSME É UM VAMPIRO, UM NINJA, UM VAMPIRO-NINJA OU UMA FRAMBOESA! TÁ TUDO TÃO CONFUSO!
Até o próximo capítulo!!!


Resposta do Autor [R Freitas]: Bem, apenas queria responder aquele comentário do primeiro capítulo, mas já que estou aqui, vou aproveitar.
Lorenzo é mestre em dar respostas erradas, mas ele não faz por mal. Ele sempre foi meio bobinho.
Sim, a vida do Lucas é uma droga. Tem que suportar esses bando de louco todos os dias. O garoto vive num verdadeiro hospício.
Não, vai ter Marombas pra dar um jeito na concorrência. A mesada da Helena não deixa. HUEHUEHUE
Calma, não vamos criar headcanons malucos por aqui. Pelo menos, ainda não. Poxa, só porque ele é misterioso, aparece e some do nada e carrega qualquer coisa dentro da vestimenta? Daqui a pouco você vai parecer a Sticks do Sonic Boom: teorias conspiratórias por todos os cantos.
Há, nisso o Cosme tinha razão. Se na próxima eleição pra presidente me aparecer um candidato decepando a cabeça de um dragão ao vivo no Jornal Nacional, meu irmão, votava no cara na hora.
Yep, vc leu direitinho: a monitora ta gamada no Lorenzo. E essa historinha que cê contou me interessou por causa do boneco do Majin Boo. Quero um também.
Se você ficou confusa com o Cosme agora, pode ir se acostumando. A tendência aqui é piorar.
OK, acho que posso encerrar por aqui. Valeu pelos reviews divosos. Até a próxima!!


Shelley

18/11/2015 às 20:38 • Dialogando com a monitora
E AQUI ESTOU EU NOVAMENTE PRA DEIXAR MAIS UM REVIEW (desculpa, eu nunca sei começar comentários ;-;)
MARRAPAZ! Eles são muito formais! Eles escrevem bonito nos bilhetes e cobram pra espionar .-. Quanta classe
De onde você tira esses nomes e sobrenomes? Eles são superdiferente e, se você for reparar, os meus personagens não tem nome porque eu não sei como chamar os coitados ;-;
AHOEHOIHOAHOE A Yakira fez mesmo um clone tipo o Naruto? To morta de rir com esse último bilhete dela kkk
Marcos nem se acha ¬¬ kkk
COSME, SEU TENEBROSO! Você sabe convencer os outros coleguinhas! Que rei da manipulação!
"Superioridade superior" AHOEHOIHOAHOE eu ri tanto com isso, você não faz nem ideia
Cosme sorrateiro... O cara bolou um plano supermalégno pro Marcos achar que tá parecendo um herói. E o cara acreditou!
As minhas suspeitas de que a Helena é bipolar aumentam em cada capítulo
Senhor, que momento tsunderê foi esse que eu acabei de ler? Helena gosta do Lorenzo? É isso mesmo, produção? Errei feio? Errei rude? SÃO TANTAS QUESTÕES *---*
O GARY É O ESCOLHIDO DE UMA PROFECIA? QUE PLOT TWIST DOIDO FOI ESSE QUE EU PRESENCIEI?
Só eu achei a Barbara fofa? Ela parecia estar preocupada de verdade com o Lorezo :3 mas eu também não vou esquecer que eles foram tomar um lanchinho enquanto os amigos dele estavam no castigo...
Senhor! As pernas do Lorenzo são mágicas ou o quê? Todas as meninas ficaram estranhas depois de conversarem com ele... .-. quero pernas mágicas também, posso ter?
OXE! O cara matou um dragão com uma espada sagrada antes de a aula começar? Tá de parabéns, meu filho
Essa cena da cabeça mágica voadora foi maravilhosa ♥
E, do nada, chegou uma limusine huehuehue comédia nonsense sempre me faz rir
Até o próximo capítulo


Resposta do Autor [R Freitas]: Que coincidência, eu mesmo não sei começar respostas. HUEHUEHUE
Belê, vambora com isso!
Ta pensando o que, hein? Bilhetes are serius negócios! Disse o pensador Joel Santana. HUEHUEHUE
De onde tiro os nomes e sobrenomes? Boa pergunta. Alguns dos nomes dos personagens eu tirei de um livro de nomes de bebês que se perdeu já faz uns anos. Felizmente, eu anotei esses nomes num caderno que mantenho até hoje numa das minhas gavetas. Outros nomes eu tirei do site Behind the name. Os sobrenomes são, quase sempre, contribuição do Behind the Surname.
Sim, Yakira pode fazer clones porque ela é uma ninja (ou kunoichi, sei lá). As fics que envolvem esses personagens tem dessas.
Então, já percebeu qual o estilo do Cosme, né? Espere até ler o final da eleição (é surpresa, então não vou dar altos spoilers).
Helena gosta do Lorenzo? Será? Mas ei, temos que verificar como essa pergunta é feita. Existem várias formas de gostar de alguém, certo? Certissimo! E considerando que esse quarteto se conhece já faz um tempo (não sei se cê sabe, mas eles são amigos já faz alguns anos), então sim, Helena gosta do Lorenzo. Ele é parça dela e ela é parça dele. Agora, se você estiver falando de outros sentidos da palavra gostar, saiba que isso ta além da minha alçada. Sorry (claro que, se você quiser shippar os personagens, quem sou eu pra impedir?)
Bem, se você ta achando o Gary muito overpower, popular na escola, boas notas, astro nos esportes e o escolhido da profecia, saiba que foi proposital. Como bem avisei, ele é uma paródia dos Gary Stus. Essas coisas são normais.
Se vc achou a Barbara fofa nesse capítulo, saiba que foi porque o Lorenzo tava presente. Diante de outros alunos da escola, ela é mandona e cruel. Por que vc acha que Lorenzo foi o único que não foi castigado no flashback do Lucas?
As mina pira nas pernas do Lorenzo. HUEHUEHUE
Sim, o garoto tem pernas bonitas, isso é cânon. Mas não são todas as garotas que sabem aprecia-las (elas não sabem o que tão perdendo, hehehehehehe).
Belê, acho que vou encerrar por aqui. Foi muito divertido ler e responder esse review, mas chegou a hora do tchau.
Até o próximo capítulo!!



Shelley

22/11/2015 às 14:19 • O temível Lorde Schadenfreude
Eu demorei pra fazer esse review, né? Huehuehue, foi mal.
Maaaas, como diz o nosso amigo Roberto Carlos, EU VOLTEEEEEI E AGORA É PRA FICAAAAARR! PORQUE AQUII, AQUI É O MEU LUGAAAAA!
O título desse capítulo eu li assim: "O temível Lorde de nome complicado"
É melhor ficar sem saber o que ficções shota são, uma vez que você descobre isso não tem mais volta .-.
"Você vai ser a Gabi" melhor frase. Apenas.
Depois de interpretar a Gabi, acho que o meu respeito pelo Lorenzo aumentou muito. E só o meu mesmo, porque os amigos vão zoar o coitado pro resto da vida...
Essa história do coelho assado me lembrou uma coisa: uma vez eu estava conversando com a minha amiga e ela estava bem triste e, quando eu perguntei o motivo, ela disse que era porque ela estava viajando e a família pediu pra moça que trabalhava na casa dela cuidar do coelho de estimação deles e, quando eles voltaram, a moça tinha comido o coelho! CRUEL!
Coitado do Lucas, sempre que ele fala alguma coisa, mandam o coitado calar a boca e depois falam exatamente a mesma coisa ;-; a vida dele é sofrida
AHOEHOIHOAHOE Gorilas Cyborgs Nazistas, tô rindo e não é pouco.
Cara, que coincidência! Antes de ler esse capítulo eu estava escrevendo uma cena de luta entre dois robôs gigantes! .-.
Eu também queria saber como o Cosme entrou na casa do Lorenzo. Opa! Sinto uma teoria conspiratória chegando... Eu acho que Cosme, o trevoso, estava voando em sua firebolt, quando encontrou uma lagartixa roxa gigante voadora e teve que lutar com ela, depois de uma batalha épica com chá de menta, explosões e tudo que eles tinham direito, Cosme caiu da vassoura diretamente na chaminé da casa do Lorenzo ao estilo Papai Noel.
O Urbano tem razão, eu não sei como o Gary pode ficar mais ousado... Talvez com um cocar...
AHOEHOIHOAHOE É sério isso produção? Cosme quer ser notado pela Helena-senpai? Mas até que faz bastante sentido... Todo Gary Stu se apaixona pela garota que não gosta dele no começo.
Só li os relatos do Cosme e já comecei a shippar... É sério, você não pode falar essas coisas perto de mim que eu já imagino altos yaois .-.
Yakira e seus kage bunshins... Com elas ninguém pode. Porque essa é a única explicação pro fato de que ela stalkeou o Lorenzo e descobriu umas paradas doidas no mesmo dia.
MEU DEUS DO CÉU! QUAIS SERÃO OS VERDADEIROS PLANOS DO COSME? TERÃO ELES ALGO A VER COM O LORENZO? (tenho que parar com isso) SERÁ QUE ELE É MESMO UM VAMPIRO MUITO LOUCO?
É impossível não amar a Kira kkk só esse e-mail dela já me fez rir
Até o próximo capítulo


Resposta do Autor [Arucard Manson]: Boa tarde Bonni B, como vai?
Curiosidade sobre o nome complicado: Schadenfreude é uma palavra alemã que designa o sentimento de alegria ou satisfação perante o infortúnio de terceiros. Em resumo, é quando você se alegra quando um fulano qualquer se fode.
"É melhor ficar sem saber o que ficções shota são, uma vez que você descobre isso não tem mais volta" Nunca li palavras tão verdadeiras.
Nah, acho difícil os amigos do Lorenzo o zoarem por ter interpretado a Gabi. Acredite em mim, isso é relativamente comum pra eles.
Sério, essa história do coelho foi cruel. Tô quase desmaiando aqui.
A vida do Lucas não é das melhores. Ser o único sério do grupo de amigos é o fim da picada.
Opa, você disse que tava escrevendo uma cena de luta entre dois robôs gigantes? Que honra ganhar uma prévia do próximo capítulo da sua fic.
Sua teorias são absurdas, mas considerando o Cosme, eu meio que tô levando elas em conta. Por favor, continue com esses headcanons.
Hmmmm, já tá shippando, né? Finalmente, depois de longos dois anos escrevendo histórias com a turma de Helena, eu consegui. Fiz uma leitora shippar dois personagens que criei. Zerei a vida.
Yakira é stalkeadora de carteirinha, além de ser mestra dos trotes na escola.
Quais são as verdadeiras intenções do Cosme? Sinto muito, mas ele não quer um compromisso muito sério com o Lorenzo. Sorry
Até a próxima!!


Shelley

22/11/2015 às 22:30 • Tomates
GENTE, PARA TUDO! PARA O MUNDO QUE EU QUERO DESCER! O Lucas é vidente e eu não tava sabendo? Porque eu acho que ele acertou em todas as previsões pra entrevista com os candidatos.
Quando o povo ouviu o grito de socorro do Gary, eu já comecei a criar altas teorias envolvendo dragões espaciais, marmotas e pudim, mas no final tinha sido só um soco da Helena. Eu ri.
Mas danou-se pra Helena. O povo da escola vai odiar ela? Pelo menos, eu ainda acho que a Kira e a Barbara não vão mudar a opinião delas sobre as pernas do Lorenzo... Se bem que ela corre o risco de ser expulsa, né? Tipo.. Ela quebrou todos os ossos do garoto.
Na hora em que o Gary deu aquele grito, eu imaginei como naquelas cenas de filmes que a filmagem da câmera é afastada até as montanhas e um pássaro voa dali.
"Uma barba grisalha que metia respeito nos desbarbados" melhor definição AHOEHOIHOAHOE
"Gary me ama tanto que ele bate em mim durante nossos encontros e me obriga a fazer coisas que considero degradantes para minha pessoa. Ele é um anjo" OXE! '-' tô até sem palavras aqui...
Que diretor doido! Tô chocada aqui... Mas quem não faria de tudo pra poder tacar tomate nos amigos (e inimigos)?
É nessas horas de treta que eu me pergunto: "onde está o Cosme?" Aposto que ele tá voando de vassoura e caindo em chaminés...
Quando eu falo eu também fico gesticulando muito com as mãos e braços, que nem o Lorenzo falando com a Barbara. As minhas amigas sempre falam que parece que eu vou bater nelas... Mas eu não faço isso, sou da paz.
Eu fico impressionada com o raciocínio desse povo: ela está sendo atacada por tomates=ela vai virar um tomate AHOEHOIHOAHOE só eles pra falar uma coisa dessas.
Você sabe que a coisa tá ficando séria quando até o Lucas se comove com essas doideras...
Podia ter sido qualquer um anunciando que quem chegasse por último seria um ovo podre, mas foi o empresário rico, sério e poderoso que nem está lá de verdade pra tomar o sorvete. E é por essas e outras que eu amo essa fic.
Olha aí o Cosme, o trevoso, aparecendo do nada de novo... Eu nunca sei como esse cara faz isso...
Tô contigo, Lucas! O Cosme dá arrepios em todos nós (mas isso não me impede de shippar ele com outras pessoas c:)
EU FALEI QUE O LUCAS ERA VIDENTE! ELE TAMBÉM PREVIU QUE A NOTÍCIA SERIA SOBRE O GARY! TÔ AVISANDO SOBRE ESSE RAPAZINHO!
"Uma vadia invejosa maltrapilha" Eu juro que pensei que iam falar "recocada" que nem a MC Melody kkk
"O show só acaba depois de cantarem a última canção" isso parece uma legenda bonita de fotos do Facebook. Nunca pensei que o Lorenzo poderia ser a nova Clarisse Lispector.
Nossa, acho que depois de ler esse capítulo, a minha sanidade (que já não é das melhores) voou pra terra dos unicórnios alados e pôneis pelados.
Até o próximo capítulo


Resposta do Autor [Arucard Manson]: OK, uma última resposta antes de cumprir com meu exílio afastado do Nyah.
Não é que o Lucas seja vidente, ele só enxerga o óbvio.
Eita, mas a Helena se meteu numa confusão do tamanho do universo. Só mesmo a Barbara e a Yakira continuariam a apoia-la, pois essas duas são umas pervertidas pelas pernas do Lorenzo, ops, eu quis dizer, são leais e votariam em Helena independente das circunstâncias.
Vc imaginou uma cena onde a câmera se afasta até as montanhas? Na minha cabeça, foi até o espaço sideral.
Quem é o Cristian Grey na frente do Gary Evans? Hehehehehehe
Lorenzo tem uma boa dose de sangue italiano correndo nas veias dele, por isso ele fica gesticulando em momentos de desespero, como esse em que Helena foi soterrada por tomates.
Claro que o empresário foi o primeiro a apostar corrida pelo soverte. Sovertes até serius negócios, já disse o Joel Santana. HUEHUEHUE
Se vc acha que esse capítulo bagunçou com sua sanidade, espere até ler o próximo. Helena vai dar uma reviravolta nunca antes vista. E isso é tudo o que posso dizer.
Até a próxima!!!


Shelley

27/11/2015 às 20:09 • O debate
Antes de comentar sobre o capítulo, eu vou falar sobre as notas iniciais... Porque sim...
Eita sô, eu me lembro da manutenção (dias difíceis)
Ás vezes eu tenho vontade de estudar exatas por causa desses negócios de computação, design gráfico e altos paranauês tecnológico... Mas não sou boa pra essas coisas não, sou péssima em exatas ;-;
PRONTO! Agora já posso falar sobre o capítulo!
Maldito Cosme, que não escreve as coisas no caderno só pra me deixar aqui no suspense... Mas não ia ter a mesma graça, né? Então deixa quieto...
YAKIRA É UMA NINJA! SÓ PODE!
Maaaaas... Eu tô sentindo as teorias conspiratórias sobre "o que tem nesse pacote que a Kira entregou pro Cosme?" chegando... Talvez seja um dinossauro compacto. Talvez seja um King Kong reduzido. Talvez seja um pozinho de miojo sabor galinha. São tantas opções -.-'
Gente... Deu até dó da Helena. O povão raivoso cercou a casa dela, eita!
Coitado do Lucas, sempre é ele que se ferra no final.
Cosme sempre tem uma muda de roupas pra todo mundo! Que incrível, eu quero uma também!
Que doideira! A escola deles tem uma sala de tênis de mesa e um dojo!! (eu não sei jogar ping pong e também não manjo das artes marciais, não sei porque me empolguei tanto)
Essa parte das apresentações me lembrou uma história (eu sempre me lembro de uma história zuada da minha vida, já reparou?) foi tipo assim: quando eu era menor, eu participei de um concurso de fantasias da escola e me vesti de "comeu morreu", que é o tiozinho que vende bala na frente da escola. Na hora de apresentarem as participantes, a coisa foi assim: "GABRIELA VESTIDA DE BRANCA DE NEVE, PALMAS PRA ELA! BEATRIZ VESTIDA DE PEQUENA SEREIA, PALMAS PRA ELA! JULIA VESTIDA DE CINDERELA, PALMAS PRA ELA! ecomeumorreu.
Esses agás com alguns os, as e is formaram uma das melhores risadas que eu já li!
Na hora em que a Helena apontou o indicador pra cara do Gary, eu já imaginei ele falando: "não aponta esse dedo pra mim!"
Essa conversa no auditório que deu tédio nos carinhas foi engraçada porque eu passei por uma situação parecida hoje... Que, basicamente, foi dormir no auditório enquanto os amigos ensaiavam pra uma peça de teatro sobre a AIDS
AHOEHOIHOAHOEHOIHOAHOE Tem strogonoff no nome do colégio! To rindo e não é pouco!
HELENA, SUA LINDA, LOUCA, FEITICEIRA! Que discurso foi esse? Arrasou. Só digo isso.
Que plot twist! .-. Gary estava bem durante esse tempo todo? CHOQUEI!
SENTIRAM ESSE CLIMA, POVÃO? (com quem mais eu tô falando pra ter escrito isso aí no plural?) SHIPPEI! Vou até inventar um nome... HELUCAS! Sou uma shipper e não posso ser controlada, desculpa aí por esses surtos que surgem do nada.
Até o próximo capítulo!


Resposta do Autor [Arucard Manson]: Ahh, ainda me lembro da última manutenção que teve por aqui. O pessoal pirou, perdeu legal a sanidade.
Computação é um bicho de sete cabeças. Até eu que sou das exatas não vou muito com a cara de computação. Me contento com um MATLAB.
Agora que vc notou que Yakira é uma ninja?
Bem, sinto te desapontar, mas não foi Kira quem entregou o pen drive pro Cosme. Foi uma outra personagem que planejo apresentar numa futura fic.
E como era de se esperar, tretas aconteceram, e foi Lucas quem pagou o pato.
Ta pensando o que? Cosme ta preparado pra tudo.
"Que doideira! A escola deles tem uma sala de tênis de mesa e um dojo!" Sério que cê se empolgou com isso? Minha antiga escola tinha essas coisas na quadra, então não achei que seria grande coisa.
Hehehehehehe. Não basta o Marcos ser superior, ele ainda é dono de uma das melhores risadas.
E nesse capítulo, vimos que Helena manja nos discursos. E Gary é um baita de um mentiroso.
Bélicas? Quaquaquaqua!! Melhor nome de shipp ever!! Anotação mental: criar mais climas entre os personagens.
Nos vemos no próximo capítulo!!


Shelley

02/12/2015 às 23:56 • Mar de sangue
Antes de começar a escrever o comentário, eu preciso te contar a minha maravilhosa história de superação:
Era uma vez Fernanda, que leu o capítulo 7 inteiro da sua fic e escreveu um comentário maravilhoso e construtivo (ou talvez nem tanto), então, quando ela foi enviar o review, algo deu errado e ele foi apagado! ;-;
Mas tudo bem, vou ler de novo e comento o que eu conseguir lembrar.
Pronto, já posso começar! UHU!
Como quebrar as esperanças de uma shipper (baseado nas suas experiências):
1- Faça um personagem usar uma roupa de marinheiro que valorize as suas pernas
2- Faça outro personagem tirar fotos dele escondido, isso faz a shipper achar que as fotos são para ele
3- Faça esse mesmo personagem entregar as fotos pra uma outra pessoa como pagamento ;-;
Fui iludida. Nunca pensei que seria trouxa. Fui trouxa.
Não entendi o que esse "e não é!?" quis dizer, mas pra mim ele já concordou, se casou e adotou dois filhos e um cachorro com o Lorenzo. Porque eu não perco as esperanças. A pergunta que fica no ar é: como eu pensei por todos esses anos que não seria trouxa?
Quando li essa conversa entre a Kira e o Cosme, me deu uma raiva louca. E não foi porque eu entendi todos os planos do Cosme que nem a Kira, mas sim porque os dois tiveram esse raciocínio rápido e ela conseguiu entender tudo sem explicações e eu fiquei aqui, sem entender nada.
AHOEHOIHOAHOE Deu treta com esse robô aí, hein?
MARRAPAZ! A população mundial restante também estava votando? Inesperado... Ou foi só a sabotagem do Cosme e da Kira? ... Eu acho que isso é mais provável.
HUEHUEHUEHUEHUE Essa foi a única vez em que eu vi o Marcos falando um pouco de outra pessoa que não seja ele e, quando o miserável resolveu fazer isso, ele ferra com a vida do "amigo".
"Seu pinguim" = melhor xingamento que a Helena poderia ter usado nessa situação.
Agora acabou de vez com as esperanças de Corenzo ser canon ;-;
ETANÓIS! O Cosme fez tudo isso pra brincar de Deus? MINHAS SUSPEITAS ESTAVAM CERTAS! ELE É UM VAMPIRO TREVOSO QUE BRILHA NO SOL E FAZ MAGIA UTILIZANDO AGRIÃO, PIPOCA, SAL-GROSSO E COUVE-FLOR QUE EU SEI! Ok... Na verdade não, mas que ele foi malvado, isso ele foi. Mas eu tenho que admitir que o cara foi esperto.
E quem diria que o Gary faria isso no final, né? Mesmo assim, não ajudou nada porque ele já não é mais tão popular, mas na primeira vez que li, achei que ele fosse fazer alguma coisa.
E, finalmente, nós pudemos ver o Gary se ferrando (um pouco mais)
Dessa vez, antes de enviar o capítulo, vou dar um ctrl+c aqui, acho que fiquei traumatizada...
Até o próximo!


Resposta do Autor [Arucard Manson]: AAAAAWWWW YEEEEAAAAHHHHH!
Hoje é sexta-feira, dia de responder os comentários pendentes. Nesse caso, o seu comentário.
Sabe, não tem filha da putisse maior do que ter o review apagado ao tentar envia-lo. Sério, quando isso acontece eu tenho vontade de virar o Hulk pra quebrar tudo.
Ta, mas vamos deixar o rancor de lado e seguir em frente.
Olha, vc não sabe a satisfação que to sentindo aqui. Não apenas consegui uma fã que shippa meus personagens, como também consegui destruir os sonhos e esperanças dessa fã. MHUAMHUAMHUA!!
Ta, foi mal se eu fui um pouco sádico aqui, mas veja pelo lado bom. Tivemos uns momentos Barbarenzo por aqui, sem contar que Herenzo mostrou ter algum potencial. Mas se a sua tristeza foi por eu ter afundado um shipp yaoi, fique tranquila que num futuro vou criar novas histórias com tensões românticas entre garotos só pra vc, belê? Ótimo, em frente.
Bem, foi meio óbvio que a eleição foi sabotada. Tipo, os resultados são absurdos demais. Muito mais gente teria votado no Marcos. Hehehehehehe!!
"Seu pinguim" = melhor xingamento que a Helena poderia ter usado nessa situação.
Ta pensando o que? Helena tem os melhores insultos.
Curiosidade sobre o Cosme: minhas principais fontes de inspiração para cria-lo foram o Kyoya, do Ouran Host Club, e Rússia, do Hetalia. Não é a toa que ele é tão trevoso.
E essa foi a queda de Gary Evans Stewart Globes.
Bem, foi divertido ler o seu review, e foi mais divertido ainda respondê-lo. Mal vejo a hora de ler sua reação ao ler o epílogo (e outras fics minhas, por que não?)
Nos vemos na proxima!!


biscuit de riz

13/11/2015 às 09:37 • Epílogo
Amei, amei, amei!
Bom, de fato nunca tive muito amor por histórias nesse estilo colegial, mas sem dúvidas essa superou as minha expectativas. Essa história é muito, boa! Ótima ♥ Tive prazer em lê-la desde o primeiro capítulo. Genial como cada capítulo é escrito, as descrições, cenas, gramatica, não deixa a desejar em nada. Fanfic sensacional ♥


Resposta do Autor [R Freitas]: Bom dia SeaWave, como vai?
Olha, eu meio que já estava sem esperanças em receber novos comentários nessa fic, mas seu review alegrou meu dia com um belo raio de sol.
Agradeço por ter acompanhado a fic e pelos elogios também.
Até!!


Metal_Will

08/12/2015 às 21:36 • Epílogo
Opa. Como vai? Finalmente tirei um dia para ler essa história até o final (já que vi algo fazendo referência ao arco do grêmio estudantil de This Is My Gang! e pensei "Preciso ver essa história até o fim!"). Sei que devia ler mais fics ao invés de só escrever meus capítulos e deixar lá (e provavelmente por isso não tenho muitos leitores, afinal, ninguém me conhece), mas a falta de tempo é complicada.
Mas voltemos à sua história. Adorei seus personagens. Acho que já li uma outra fic com alguns deles e lembro que gostei bastante. Pelo que entendi você cria várias histórias separadas com personagens de um mesmo universo. É um método interessante (e não acumula centenas de capítulos como as minhas histórias), mas talvez eu precisasse de alguns pré-requisitos para acompanhar a história com mais cuidado. São várias delas, mas não sei muito bem qual é a ordem que devo lê-las (se tiver uma listinha agradeço. Hauhauha). Voltando aos personagens, achei a Helena uma líder bem carismática. É verdade que ela é bem mais esquentada que o Wilson (comparações com TIMG são inevitáveis para mim, perdão), mas seria interessante imaginar o que aconteceria se a turma dela se encontrasse com a NERD (será que o tecido do multiverso da ficção suportaria isso sem ser destruído?). No mais, foi uma fic bem divertida. As cenas de comédia ficaram ótimas e realmente dá para se sentir como se estivesse assistindo um cartoon. É mais ou menos esse espírito que eu queria passar nas minhas fics de comédia também.
Ah, sim. Eu nunca assisti Star Trek, mas agora entendi a referência sobre Defesa Chewbacca que você citou no último review. Vou guardar essa, quem sabe seja útil? Hhauahuha.
Bem, eu teria mais o que falar, mas o tempo é curto. Desculpe por comentar apenas no último capítulo, mas acabei lendo sem parar e quando vi chegou ao final. Isso acontece. Mas espero pegar uma outra história com mais calma e ler capítulo por capítulo revisando como se deve.
E, por fim, agradeço pela propaganda nesse final. Fico feliz que minha fic tenha rendido um fã fiel.
Parabéns pela história e nos vemos por aí nesse mundo do Miau!Fanfiction. Até mais! =)


Resposta do Autor [Arucard Manson]: Minha nossa! O Metal_Will comentou na minha fic. Ninguém sai. Tá, vamo deixar de zoas e ir direto aos negócios.
Compreendo essa sua falta de tempo para o Nyah. Recentemente ando atarefado com os estudos na universidade. Ainda bem que tirei um tempinho pra responder. Hehehehe!!
Não me surpreendo que você escolheu essa belezinha pra ler. Na verdade, gostaria de agradecer mais uma vez pelo arco do Grêmio Estudantil de This is My Gang. Foi uma fonte de inspiração muito valiosa.
Oh sim, com relação aos personagens: Com exceção de Metal Ikarus, fic criada para o desafio de Julho e Agosto que teve no Nyah, todas as minhas originais acontecem no mesmo universo, e quase sempre os personagens são os mesmos. De fato, uma boa parcela dos personagens que apareceram em Uma história para o jornal da escola retornam para essa fic. Com relação à ordem de leitura das fics, eu mesmo não acho muito necessário isso. Tipo, minhas histórias, pelo menos por enquanto, funcionam como episódios de um cartoon: Não há exatamente uma ordem para acompanhar os episódios. O máximo que pode acontecer é um personagem de uma fic referenciar acontecimentos passados de uma outra história, mas nada muito preocupante. Mesmo assim, se você estiver interessado em uma ordem, aqui vai umas recomendações:
1)Leia "Cereal sabor amizade" antes de "Gizelda, a galinha";
2)Leia "A altura de Alex Taylor" antes de "O estranho ser que veio da televisão".
Cabulando aula é a fic que introduz Helena e sua turma principal, mas se quiser deixá-la por último, não me importo (até porque, é a fic mais comprida e pode levar um tempo para lê-la).
Como você é um cara muito ocupado, compreenderei caso demore muuuiiiiiiiito para ler outra história minha.
Olha, você me deu uma boa ideia pra criar um crossover doidão aqui: as gangues colidem. N.E.R.D. vs equipe da Helena. Uma superprodução dos estúdios Disney, dirigido por Peter Jackson e produzido por Steven Spielberg.
Ok, falando sério agora, imagino mais ou menos como seria se as gangues colidissem. Provavelmente, Wilson tentaria convencer Helena a fundar uma filial da N.E.R.D. e fracassaria miseravelmente, enquanto que Lucas e Daniel se entenderiam porque são os únicos normais de seus respectivos grupos. Pois é, já disse isso antes e volto a repetir:
Realmente, a internet tem esse lado mágico: às vezes você acha alguém com gostos parecidos e no Nyah isso não é exceção.
Bem, foi divertido, mas acho que vou parar a resposta por aqui. Nos veremos na próxima, em algum lugar no maravilhoso mundo do Miau! Fanfiction (o legado da Karina).
Até!!


Shelley

11/12/2015 às 19:19 • Epílogo
Peraí, deixa eu me preparar psicológicamente aqui! Por que as fics boas acabam tão cedo??
A Helena, o Lucas e o urbano estavam vestindo uniformes de marinheiros... Mas e o Lorenzo? Tinha ficado tão bem nele!
Sabe como eu imagino essa cabeça vermelha? Como a cabeça de um daqueles bebês de Apenas um Show (não sei se você assiste) só que vermelha... Por algum motivo, isso faz todo o sentido na minha cabeça.
Agora que o Urbano disse essas coisas, eu também queria ser famosa pra ganhar fanfics sobre mim :3 se eu fosse famosa, certeza que eu criaria um perfil fake em algum site de fanfics e escreveria altas aventuras sobre mim! Pra você ver o nível em que eu cheguei...
Naquela hora em que o Lucas descreve a Yakira eu me identifiquei tanto... Com ela, claro.
Poxa vida! A Helena procurou o Lorenzo até no céu? Agora eu tô aqui imaginando como seria o Lorenzo chegando lá voando de carona com o nosso querido Papai Noel naquele trenó cheio de renas. Ia ser muito louco!
AHOEHOIHOAHOEHOIHOAHOEIHIAHEOHA Ele tá com a roupa que o Cosme entregou! Por essa eu não esperava .-.
Nossa! Eu imaginei o final tipo assim... Com os dois correndo até o horizonte e a tela ficando preta até só sobrar um círculo em volta dos dois, então ele se fecha e fim. Tipo eu desenho animado.
VOCÊ BRINCOU COM OS MEUS SENTIMENTOS NESSA BAGAÇA! CORENZO TINHA QUE SER REAL! HELUCAS TAMBÉM! Acho que nunca escrevi tanto em caps lock como agora.
Eu preciso ler outra fic sua, porque não pode acabar assim! YAY! Viva o poder da amizade! Eu acho que vi uma one-shot sobre a Kira e yaoi e me interessei. Vou procurar por ela, pode esperar o meu review ali.
Até a próxima fanfic!


Resposta do Autor [Arucard Manson]: Calma, calma. As aventuras da turma de Helena referentes às eleições do Grêmio Estudantil acabaram, mas ainda há outras histórias doidas sobre eles no meu perfil. Fique a vontade para explorar.
Bem, existem basicamente dois tipos de uniformes de marinheiro: aqueles que valorizam as pernocas e aqueles sem graça com calça comprida. Claro que Helena, Lucas e Urbano estavam vestindo o segundo tipo.
Sério que você imagina a cabeça de um daqueles bebês gigantes do Apenas um Show? Bem, sinto te desapontar, mas eu, o autor, imagino uma cabeça mais adulta, como aquela cabeçorra flutuante do Coragem o Cão Covarde (só que vermelha).
Quem nunca quis ganhar uma fic? Pensando bem, acho que seria meio tenso ler certas ficções de fãs a respeito da minha pessoa. Melhor deixa quieto.
E tivemos mais Lorenzo com shorts, para a alegria das fãs. YAY!
Que coincidência, eu também imaginei os dois correndo até o horizonte enquanto a tela fica preta.
Puts, você realmente gostou de Corenzo (e Helucas). Bem, só muito recentemente eu decidi fazer esse lance com shipps e tals, então, nas minhas futuras histórias, eu irei criar (e afundar) mais shipps. Então, não fique triste com Corenzo. Sei que futuramente você encontrará outro navio tão lindo quanto.
Opa, já escolheu outra fic minha pra comentar? Melhor eu dar uma olhada.
Até!!!