Muito Mais Que Uma Simples Amizade. escrita por Iz Maslow


Capítulo 37
Make you love me again


Notas iniciais do capítulo

Hey... Little Pandaaaas.
Demorei?
Creio que nao... Aaaah.
Avisos: meu belissimo irmao deixou meu not cair... O qie aconteceu? Nao esta mais funcionando e nao sei quando irao resolver issk.
To postando pelo cel... Acho que sera assim por enquanto.
O ultimo capitulo teve mais de 40 visualizaçoes e menos de 10 comentarios... Querem mmqusa de volta ao hiatus?
Se nao... Melhor comentar u.u
so postei esse pq ja estava pronto... E tava louuuca pra postar...
Espero que gostem!
Eeee... O pov e da Juh... Horas apos o passeio com o Jay.
Boa leitura!




Ja estava quase dormindo quando escuto alguém batendo na porta, levanto-me e vou até a mesma a abrindo e encontrando com James.

– Ahn... Oi James?! - disse ainda sonolenta.

– Oi... Desculpa te acordar... É que... Precisava conversar com você. - Ele disse e me analisou dos pés a cabeça, o que me fez corar levemente ao lembrar do modo como estava vestida, camisola branca transparente que ia na altura de minhas coxas, rendada no busto e roupas intimas por baixo.

– Tudo bem... Mas tinha que ser agora?! - disse um pouco timida e lhe dei espaço para entrar, o mesmo entrou e sentou-se na cama me observando.

– Nao pude deixar pra depois... Te acordei?! - questionou confuso.

– Nao... So que... Sei la... - me enrolei com a resposta enquanto o observava, ele estava apenas de bermuda e cabelos levemente bagunçados, ele sorriu e o repreendi com olhar que ele prontamente ignorou. - Mas entao... Sobre o que quer conversar?! - disse seria ja imaginando do que se tratava.

– Quero conversar sobre nós... E o que aconteceu hoje. - disse no mesmo tom sem quebrar o contato visual.

Andei um pouco e passei a mao pelos cabelos. - Nao existe "nós" James. - respirei fundo. - E o que aconteceu hoje foi por impulso... Pela "emoçao" do momento...

– Nao! Nao foi... E voce sabe. - me virei de frente para ele que ja estava de pe e a poucos metros de distancia. - Foi verdadeiro, houve desejo... E amor por ambos os lados. - continuou e se aproximou mais nos deixando frente a frente.

– James... - comecei baixo mas ele me interrompeu.

– Apenas me escute... Por favor...- pediu e assenti me dando por vencida.

– Nao tente esconder... Sei que ainda me ama, e eu nunca deixei de te amar... Sei que ficou magoada pelo que fiz... Mas podemos tentar novamente, eu posso concertar todos meus erros... Principalmente o namoro com a Ashley, que nao passa de um contrato. - o olhei surpresa e ele assentiu concordando e desviou o olhar para o chao. - Nao vou negar que tentei usar isso pra te esquecer... Mas eu nao consigo. - continuou e voltou a olhar em meus olhos. - So depende de voce... Se voce permitir eu prometo que vou fazer tudo certo dessa vez... Eu preciso de voce Julia.
– Nao sei James... E se nao terminar com ela?! Se nao conseguir cumprir todas essas promessas?! Tenho medo de me magoar novamente... E nada ser como o esperado. - disse sincera o olhando.

– Mas a vida é assim... Nao sabemos se sera como esperamos... Porem podemos tentar. - ele se aproximou e segurou minha cintura com uma das maos e com a outra acariciou meu rosto. - So preciso de uma chance para te provar que posso faze-la voltar a me amar... Sem medo.

Suspirei e peguei meu colar, o mesmo que James havia me dado e que ate entao estava escondido para dentro de minha camisola o deixando a mostra, James ao ver sorriu, com certeza lembrando de nossa promessa no momento em que me dera o pingente com a metade de um coraçao, que enquanto amasse James usaria o mesmo.

– Eu nunca deixei de te amar Jay... So tens que me provar que posso confiar em voce novamente.

– E eu vou fazer isso... O que mais quero é que tudo entre nos volte a ser como antes... E ate melhor.

Ele sorriu e se aproximou colando nossos labios dando inicio a um beijo calmo que logo se intensificou ficando mais necessitado, o retribuia sentindo meu corpo extremecer com nosso contato tao proximo, minhas maos que estavam em seus ombros subiram ate sua nuca e cabelos o puxando e aprofundando mais o beijo e como reaçao o senti me puxar mais pela cintura pressionando ainda mais nossos corpos, paramos o beijo e ele começou a distribuir beijos calmos e umidos por meu pescoço, inclinei a cabeça para o lado o sentindo, com minha boca semi aberta revelando minha respiraçao descontrola como reaçao, puxei levemente seus cabelos e ele começou a acariciar lentamente meu corpo por baixo do tecido, o que me fez o desejar e querer mais cada toque seu.
Sabia no que isso levaria, mas assim como James tambem queria aquilo e que fosse com ele.

James parou de distribuir o beijo e se afastou o suficiente para que pudesse manter o contato visual.

– Tem certeza que quer isso? - questionou receoso.

– Sim... Quero que seja com voce. - disse timida e ele sorriu me dando um selinho demorado.

– Nao se preocupe... Farei o possivel para seja inesquecivel...

– Sei que vai... - sussurrei.

Ele beijou meu ombro abaixando a alça de minha camisola a tirando em seguida e nos beijamos novamente enquanto me guiava ate a cama nos deitando e ficando por cima de mim, parando o beijo e se afastando um pouco me observando e dando um sorriso, um sorriso sexy mas que ao mesmo tempo me passava confiança.
No momento estava apenas de calcinha e ele voltou a me beijar depois fazendo uma trilha de beijos lentamente por meu pescoço descendo por minha barriga enquanto tirava a ultima peça de roupa que vestia, apos tira-la e jogar a algum lugar que nao me importei levou minhas maos ate a barra e o botao de sua bermuda, o despi analisando James apenas de cueca boxer por alguns segundos ate tira-la tambem, corei um pouco e o olhei timida que por sua vez apenas acenou levemente com a cabeça e me deu um selinho.

– Eu te amo, princesa. - susurrou enquanto acariciava meu corpo com uma de suas maos e com a outra mais especificamente minha intimidade.

– Tambem te amo, Jay. - respondi baixo e suspirei sentindo suas caricias.

– Pronta?! - questionou cuidadoso e assenti.

Senti preencher-me lentamente e soltei um gemido alto que o mesmo calou com um beijo, eu acariciava suas costas enquanto James se movimentava calmamente aumentando a velocidade aos poucos, enquanto acariciava e beijava meu corpo.

James é o unico que me proporciona sentimentos inesplicaveis, nao apenas nesse momento intimo, mas, tambem em outros momentos e que jamais foram sentidos por mim em relaçao a qualquer um antes - nao que eu ja tenha tido varios namorados ou me entregado de tal forma à alguem que nao tenha sido ele ate entao -.
James me fazia sentir unica... E a cada toque, cada beijo, cada jura de amor, poderia perceber que haviam verdades em cada palavra proferida em nossa conversa anterior e que nao faria me arrepender de ter me entregado de todas formas possiveis e tao repentinamente.



Notas finais do capítulo

Goooostaram? Espero que sim... Nao narrei muita coisa no hot pra nao ficar vulgar... Ate pq era a primeira vez dela... U.u E por que tava sem inspiraçao para essa cena.
Ignorem os erros nao deu para revisar.
uuuuuh... Apartir daqui a fic melhora bastante!
Alias... Nao tem previsao para postar o proximo... Mas se fizerem por merecer... Me esforço e posto novamente pelo cel.

Comeeeentem!



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Muito Mais Que Uma Simples Amizade." morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.