The Girl Of Cutting escrita por Fafa Moraes


Capítulo 7
My paranoia and accidents


Notas iniciais do capítulo

Mais um pra vocês hoje! Boa leitura!




Acordei, minha cabeça estava doando muito, mais que droga era essa? Eu olhei para o meu quarto, estava todo bagunçado, um caos, meu primeiro instinto depois disso foi olhar para os meus braços...dois novos cortes, que eu não me lembrava de fazer. Não lembrava de absolutamente nada do que tinha acontecido naquela noite, o ultimo acontecimento que eu lembrava era de sair da escola....mas, pra onde eu fui?

Levantei da cama como que por um impulso:

- Mãe? Jhon ? Lucas? Alguém?

Não tinha ninguém em casa, o que me assustou...fui correndo descer as escadas, a casa lá em baixo também estava uma bagunça...que furacão tinha passado por lá? Por um minuto pensei bem, quase queimando meu cérebro para lembrar  o que tinha acontecido... Que furacão? Furacão Alicia  Montgomery.  Lembrei, finalmente lembrei do que tinha acontecido... eu saí enfurecida da escola, fui em um bar, bebi todas, e destrui meio-mundo.

Até que foi legal eu ter feito isso...

Me arrumei para ir pra escola, mas, dessa vez diferente, coloquei uma blusa de mangas curtas, do AC/DC, eles já sabem que eu me corto mesmo...Já que a minha mãe não estava em casa, peguei o carro dela e fui com ele para a escola.

Chegando lá, a vadia Ashley já estava a minha espera pra me zuar, cansada, estou simplesmente cansada disso:

- Hmm, que lindo...a garotinha dos cortes mostrando os machucadinhos "acidentais" em uma camisa ridicula...

- Ashley, faz um favor?  Vai pro inferno, pelo menos eu não me visto como uma vadia, pelo amor de Deus...

- Idiota, continue sendo a estranha do colégio, não preciso da sua opiniãozinha sem graça, ser você já deve ser castigo de mais hahaha...

Ela foi embora, me deu uma certa vontade de matá-la nesse momento...mas, calma Alicia, um passo de cada vez...primeiro cortes em sí mesma, depois pense em assassinatos...

Adivinhem quem eu ví vindo exatamente na minha direção? O professor Fox!

- Oi, ali...

- Oi! Gostou do meu novo visual?

- Continua linda como sempre...

- Todos já sabem que eu me corto mesmo...

- Verdade...Eu vi a Ashley morrendo de raiva, o que você disse pra ela?

- Não sei, talvez eu tenha mandado a filinha de satã para o lugar dela...

- Hmm...Eu te liguei ontem a noite, porque não me atendeu?

- Digamos que eu estava meio inconciente...Efeitos da vodka.

- Desde quando você bebe?

- Desde quando você respira?

- Hmm, gostando muito dessa nova versão da minha aluna favorita... - ele me deu um beijo, começando pelo meu pescoço, até chegar a minha boca, era quente e frio ao mesmo tempo, era perfeito....ele segurava a minha cintura como se me conhecece por completo... -

- Me beijando na frente de todo mundo?

- Porque não? Cancei de fingir, não quero mais esconder...você realmente é o amor da minha vida, Alicia.

- Você também é o amor da minha vida...

Justo quando iriamos nos beijar de novo, o sinal tocou, eu fiquei com vontade de matar o infeliz que planejou o horário das aulas, mas, infelzimente eu teria que ir até as aulas, e ele que dar aulas.

Todos, absolutamente todos ficavam olhando para os meus cortes, que droga! Princinpalmente um dos mais recentes, que era grande e ainda sangrava um pouco, na hora do intervalo foi que tudo ficou mais sério...

A filha da mãe chamada Ashley esbarrou em mim com a sua bandeja, exatamente no meu braço mais machucado, e, adivinhem! Dois cortes abriram novamente e começaram a sangrar:

- ASHLEY! VIU O QUE VOCÊ FEZ?!! - mostrei meu braço pra ela - JÁ VOU AVISANDO, SE EU PRECISAR DE OUTRA TRANSFUSÃO DE SANGUE VOCÊ VAI PAGAR!

Ela ficou congelada, olhando para o meu braço que sangrava...

- Alôou? Ashley? Tá viva?...

Ela desmaiou, simplesmente desmaiou, caiu no chão... era só o que me faltava, a garota provoca, quando acontece, ela ainda desmaia!

Todos ficaram em volta da Ashley, algumas pessoas ajudaram ela e a levaram para enfermaria, e agora, quem era a culpada?! Eu é claro! Aquela vaca ainda me paga! Ela esbarra em mim, faz meus cortes se abrirem, e ainda se finge de coitadinha desmaiando, tudo bem, que foi de verdade, mas, mesmo assim, foi ela que provocou!

Eu, por obrigação, tive que ir na enfermaria é claro..

- Como a vac...Como a Ashley está? - perguntei a enfermeira -

- Ela está acordando, como tudo aconteceu?

- Ela esbarrou em mim no intervalo, meus cortes se abriram, estavam sangrando, ela viu e, desmaiou...

-Hm, ela deve ter fobia a sangue...agora deixe-me ver seus cortes, fazer uns curativos...

- Ok... - mostrei meu braço pra ela, realmente, já tinha me acostumado totalmente com a dor -

- Ótimo, prontinho, bem melhor, eles não vão sangrar mais...

- Obrigada!

A Ashley acordou...

- Enfermeira! O que essa psicopata faz aqui?!! Tire ela daqui agora, foi ela que provocou o desmaio!

- Eu? Eu coisissima nenhuma! Vai mentir assim lá no inferno, Ashley! Ou melhor: foda-se! Você esbarra em mim, abre os cortes de novo e a culpa ainda é minha?

- É, é claro que é! Se você não fosse uma suicida nada disso teria acontecido!

- Bom, meninas, vou deixar vocês conversarem... - a enfermeira saiu -

- Tchau, Ashley, tenho mais o que fazer do que aguentar seus ataques medonhos...

- Você ainda me paga, Alicia! Você me paga!

Fiquei com aquelas palavras na cabeça, o que aquela vaca estava querendo dizer com isso?



Notas finais do capítulo

Reviews?



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "The Girl Of Cutting" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.