Foto de Sexiest
Sexiest nível 1
ID: 594555
Cadastro:
  • 11/05/2015

  • Preocupo-me em sonhar, em não me conformar, e em continuar reclamando das coisas, porque enquanto eu fizer isso terei a certeza de que ainda estou viva.

    Tenho vergonha apenas de quando não sou eu mesma. Mostro-me, imponho-me. Não me contenho, nunca me contento. Sou sempre boa o suficiente para mim mesma. Choro, sorrio, sinto. Tudo.

    Provoco, discordo, desafio. Tenho minhas próprias opiniões. Não invento pretextos. Erro. Desculpo-me. Aceito e perdoo também. Nunca sou perfeita, mas sou sempre sincera.

    Chamo-me Adely e tenho 22 anos recém adquiridos. Baiana, com muito orgulho. Sou baixinha, de olhos e cabelos castanhos. Uma aspirante a escritora como quase qualquer outra, cheia de pretensões audaciosas. Com um atual caso grave de amor por uma playlist onde Ed Sheeran e Melanie Martinez se juntam num lindo romance melódico. Indo me formar muito em breve, se eu sobreviver a 'Elaboração de projetos'. Tenho duas irmãs mais novas completamente irritantes (♥), uma delas responsável por me fazer compartilhar minhas histórias (Valeu Ava!). 

    O meu nickname (Sexiest) é uma resenha interna, não uma descrição pretensiosa. Sou tão desastrada e desligada que 'mais sexy' é a ultima coisa que me acusariam de ser. 

    Gosto de todo tipo de livro, e tô sempre lendo alguma coisa. Sempre mesmo. Então, se tiver afim de conversar e trocar algumas figurinhas sobre livros lidos, eu sou a sua pessoa. Adoro receber sugestões de leitura também, fica a dica ;) 

    Tô sempre na correria para alguma coisa, mas o meu tempo no Nyah! é sagrado, então, também tô sempre por aqui. Escrevo algumas coisas originais, que eu tento deixar o melhor possível. Amo quando as pessoas me deixam comentários, e respondo com todo amor do mundo apenas para agradecer o carinho especial da pessoa que tirou um tempo de vida para ler e comentar algo que eu escrevi.

     Atualmente dedicando minhas ideias a:

    Texas Hot Guys: In Love With you. 

    Touch-me Only Like You Do

    Fault of Boys- Cameron

    que somente provam o quanto eu concordo com Lord Byron, que disse certa vez: 

    É mais fácil morrer por uma mulher do que viver com ela.

     Malditamente correto.