Foto de Helena de Troia
Helena de Troia
ID: 24627
Cadastro:
  • 29/09/2009

  • Hoje sou Helena.

    Meu codinome é: Saturno.

    Sou o sexto planeta do nosso sistema solar. Tenho ferro e níquel no meu interior. Tenho anéis ao meu redor. Sou grande e pouco denso.

    Sou símbolo de desafio e transformação. Mudança.

    Tenho também uma ligação à ambição e em alguns casos à morte por vias indiretas - já que sou também um deus romano que usou uma foice para castrar o próprio pai.

    No entanto sou pouco silenciosa, pouco grande e relativamente densa - os aneis eu conservaria, embora não os use.

    Eu apenas gosto de me re-inventar, de me sentir transformada a todo o momento. Isso se reflete no meu cabelo, no meu visual, em ideias, em visões de mundo, gostos, vontades de trabalho e no que eu escrevo. Nos homens, mulheres e travestis e não-binários que eu gosto, na vida que eu levo e até no tipo de comida que eu como.

    Sou contra qualquer tipo de normatividade. Sou contra também qualquer tipo de opressão. E sou contra também qualquer tipo de desrespeito pelo outro. Tento controlar a maldade que há mim e sempre desejar e propagar boas coisas aos outros - tento não ter nenhum tipo de preconceito. E por que digo isso? Digo isso principalmente por causa da escrita. Está relacionado à escrita, pois busco não boicotar qualquer coisa que eu leia. Eu sou do tipo de leitora que tenta puxar para cima, não para baixo. Igual ao teatro - sou a espectadora que sorri e torce pela peça mesmo quando não está convencida pelo desempenho dos atores ou pela encenação, ou mil outros elementos cênicos em si. Confesso que sofro do mal falta de tempo, no entanto. Por isso acabo lendo bem menos do que eu gostaria.

    Eu decidi não ferir ao mundo para não ferir a mim mesma.

    Sou bem cabeça aberta e adoro discutir sobre a vida - principalmente com quem tem opiniões diferentes das minhas. Sou bem incisiva no que acredito, mas, como disse: sou pura transformação. Sou aberta ao diálogo - desde que haja respeito.

    Portanto, se em minhas histórias há algo que x incomode profundamente - além de serem histórias gays, claro, porque neste mérito eu nem entraria sendo escritora de yaoi— venha conversar comigo. Sei que em meus escritos muito do meu posicionamento político fica exposto.

    Digo isso porque já divido minhas originais em duas fases de escrita (fingindo que sou uma grande artista da literatura nacional hahaha).

    Antes explicarei o porquê:

    Cresci num ambiente conservador, colégio religioso, tios fanáticos cristãos, sendo, antes de me assumir uma mulher trans - "um gay assumido" desde os 14 anos. Completamente alheia ao mundo, ao outro. Tinha sonhos de um mundo melhor - sempre tive - mas não sabia como, e nem entendia a arte e a política como meios de transformação e renovação (o que eu agora entendo, ou acredito, pelo menos). Eu era uma jovem precoce para alguns aspectos - mas totalmente atravancada para outros. Nunca tive amigos LGBTs - poucos virtuais, que se encontravam na mesma situação que eu. Filha única, super protegida pelo pai, mimada pela mãe… Estudei em colégio particular e quando as coisas apertaram de vez consegui bolsas. Era bem mais heteronormativa do que agora (mesmo sendo "gay assumido" desde os 14) e achava tudo que era de fora mais cool do que o que é nacional.

    Daí entrei numa universidade pública, num curso de artes. E foi aí que desmantelou - passei a ser um des-orgulho para papai em pouco tempo. Tornei-me de esquerda, pró-cotas, a favor da legalização da maconha, não mais contra o aborto - feminista, comunista, com vontades revolucionárias de mudar o mundo através das minhas atitudes e através do teatro e/ou qualquer outra linguagem performativa. Votei na Luciana Genro para presidente em 2014 e não fui na marcha do impheachment - pelo contrário, eu fugi dela, haha. Tornei-me atriz, né? Acho que o des-orgulho começa ai, rs. E, minha etapa mais recente de ser é... Não sou um garoto gay. Sou uma mulher transexual com tendência bissexuais, na realidade. Passei por um processo recente de descoberta e desconstruí tantas coisas em mim, que até a minha heeterossexualidade (mulher que gosta de homens) tem sido desconstruída.

    Entendi meu papel social e político como actante.

    E como eu disse, sou bem incisiva no que acredito - mas tento ser leve, leve o tempo todo. Sem ferir quem discorde e vá para o outro extremo em relação ao que acredito. Não é mais por um conflito direto que podemos mudar alguma coisa - embora sinta que esteja o tempo todo na contramão.

    Grandes mudanças vem de pequenas faíscas. E pra mim essas faíscas só são alcançadas hoje em dia com arte - e todos os tipos. Cinema, teatro, dança, literatura, performance, desenho, pintura, música, palhaço, circo, instalação, escultura, etc, etc

    Então concluindo o raciocínio, divido minhas histórias nestes dois momentos da minha vida. O jovenzinho gay e a jovem mulher transexual, não mais alienada. O adolescente e a mulher.

    Succubus, e Só ódio ou algo a mais? se enquadram mais na primeira fase. Aonde expresso muitos desejos e sonhos de adolescente que eu tinha. Acho tão gostoso lê-las porque me deparo com um “eu” tão diferente de mim, mas que ainda sou eu. As duas estão entre minhas histórias mais famosinhas. Têm até indicação e tudo, mas elas estão CHEIAS DE COISAS PROBLEMÁTICAS!!! City of Lust estava nesta fase, mas com ela eu bati de frente - precisei adequá-la ao segundo momento da vida porque ela fala de jovens universitários - o momento pelo qual estive passando. A primeira versão, de 2010, era bem mais pra lá do que pra cá. Mas agora, já reescrita, ela se enquadra no segundo momento da autora, (mais ou menos, mas sim, mais pro segundo) rs. É minha história mais popular. Especial de Natal é um especial para Succubus e Só ódio ou algo a mais?.

    City of Lust: Love Games é QUASE expressão pura desse segundo momento que me encontro. Existe uma personagem que é praticamente um avatar meu e através dela manifesto muito do que penso - embora coloque outras personagens com pensamentos diferentes que não são antagonistas - mas sim outros protagonistas. É uma história que explora - ou pelo menos tenta - mais de vinte personagens. É uma doidera - mas eu super recomendo. Minha história que mais gosto.

    City of Lust: Us é a pura expressão do meu novo momento. E ainda a escrevo com uma grande amigo minha, Like Sakura. Nela eu tento ampliar cada vez mais o yaoi, digamos. Yaoi é relacionamento afetivo entre homens, ou seja, de uma natureza gay. Eu quero ampliar as questões gays para questões LGBT como um todo, e dividir minhas questões, dúvidas, reflexões, posicionamentos e tudo mais com leitores e leitoras.

    Minha única história que se encontrava em hiatus para sempre cansou e me deu uns tapas na cara. Sonhei com ela, ou algo do tipo, e a completei em somente um dia (ok. Faltavam dois capítulos). É Again, e ela se enquadra com certeza no primeiro momento. Menos seu último capítulo que escrevi cinco anos depois e - inevitavelmente - ele foi contagiado por quem me tornei.

    Red Haired será a próxima história a sair do hiatus (Love Games passou por um de dois anos - já que eu estava reescrevendo city of lust e depois ela própria). Eu também editarei muito do que foi escrito, porque trata de jovens nesta fase da vida também - a que estou passando agora. De qualquer forma, ela já começou sendo algo como "período de transição".

    4:48, Antônio. Volta… fez parte do DeLiPa 4. Migas começou como parte do DeLipa5. O que é DeLiPa? São os desafios da panelinha da limonada. Mas o que é a panelinha?

    — “A Panelinha da Limonada foi criada em 2 de outubro de 2014, como um braço extra-oficial da Sociedade do Betas, Leitores e Autores do Nyah. Apesar de a SBLAN ser subordinada à Liga dos Betas, a Panelinha é um grupo independente. Existimos como um santuário onde fãs de Yaoi e Lemon podem existir em paz, harmonia e putaria, longe dos olhos inquisidores da bancada conservadora.” - Retirado do perfil no Nyah, este aqui: http://fanfiction.com.br/u/527218/

    Confesso que sou uma novata lá (falando agora de março/2015), mas estou achando um lugar realmente encantador, hahaha. (Para entender melhor como funcionam os DeLiPas, é só acessar o perfil linkado acima).

    4:48 e Migas são minhas histórias mais recentes. Não começava uma história nova desde 2011. Então foi muito importante ter conhecido a panelinha e começar a escrever para os desafios. Ambas as histórias são untadas no que acredito hoje em dia (Isso em 2015/16 ainda, rs). Expressão pura de medos e desejos meus. Talvez daqui cinco anos eu esteja falando sobre um terceiro momento de escrita, hahaha, e falando do quão ultrapassada ela são em relação ao que acredito! E tudo bem se isso acontecer, aceito a transitoriedade das coisas. Enfim, desenvolvi muito carinho por estas duas histórias. Uma permanecerá como oneshot, mas Migas promete se desenvolver para além de desafios, acho.

    No mais eu sou uma jovem apaixonada pelo mundo e pelas pessoas. Adoro Madonna, Lady GaGa, Britney, Beyoncé, Pabllo Vittar, MC Xuxu, Banda Uó e as cantora pop tudo. Amo as Bahias e a Cozinha Mineira, Linn da Quebrada, Liniker - representatividade é tãããão importante!! Adoro Rupaul’s Drag Race e meu novo sonho é ser drag queen. Tanto que na foto de capa está uma das minhas drags preferidas do programa: Katya Zamo. Meu filme preferido é Dançando no Escuro do Lars Von Trier empatado com Memórias de Uma Gueixa e Uma Nova Amiga, um filme francês de 2014. Eu AMO Sailor Moon, basicamente. Pra mim sempre foi e sempre será o melhor anime e mangá ever. Adoro Shoujo, na verdade, hahaha. Outros animes que eu adoro são Ranma ½, Inuyasha, Sakura Card Captors, Love Hina, Guerreiras Mágicas de Rayarth, Cavaleiros do Zodíaco(AMO YAOIS DE SAINT SEIYA - principalmente se for CamusxMilo). Um mangá em especial que gosto muito é Angel Sanctuary.

    Sou uma fã de carteirinha da mitologia grega. Adoro astrologia também. E gosto de astronomia também! (Mesmo da parte matemática e física hahahaha, embora meu conhecimento seja o mais raso possível dentro do que já é superficial). Adoro games antigos. As franquias Mário, Mortal Kombat e Megaman marcaram minha vida. Adoro ouvir músicas desses games, elas me trazem muita coisa! Adoro jogos em geral, na verdade. Desde baralho até Resident Evil, de xadrez até handball(confesso que é o único jogo esportivo com bola que eu gosto, vai). Ah, gosto tanto de Mário que minha bike chama Yoshi, hahaha.

    Astrologicamente eu sou uma mistura doida de elementos - o que me torna inconstante. Mas sou muito amável gente, juro.

    Tento sempre ser alguém pra cima. Adoro contar piadas. Fazer brincadeiras, andar saltitando e cantando… Sou uma flaming uke assumida! Ah, na verdade eu já nem gosto tanto mais da divisão semexuke em histórias em yaoi - as acho relativamente normativas. Se quiser discutir isso, pode me mandar mensagem.

    Choro muito. Tanto de felicidade quanto de alegria - no mesmo nível. Eu me comovo bem fácil, hihi.

    Sou uma ótima cozinheira e estou solteira. Lavo, passo e cozinho. Sou uma especialista sexual - principalmente entre as páginas 34-56 do kaminha lindo. ZO-EI-RA HAHAHAHA (só pra demonstrar um pouco do meu humor ♥)

    Meu primeiro nome de autor aqui foi TaylorK - porque eu achava o Taylor Kitsch um gatoooo (um ator aí). Hoje até meu gosto para homens mudou - não sigo mais tanto o padrão tanquinho de beleza, hahaha.

    Depois virei Saturno, porque estava realmente me transformando. E agora que passei por essa transformação, sou Helena de Troia - nome de uma personagem minha no teatro E alterego. E tbm tem a ver com meu nome real, hihi.

    Bom, acho que consegui dar um panorama geral de quem sou eu na vida, e não separo de quem sou como escritora. Adoro muito conversar com leitores - embora tenha que me controlar para não dar spoiler. Se você se sentiu levemente à vontade para conversar comigo, venha. Adoro trocar ideias, mesmo!

    Talvez eu esteja me esquecendo de algo muito importante, mas acho que já falei bastante

    Ah, adoro vinho! Mesmo.

    Beijos grandes,

    Helena de Troia.

    P.s.: Vou colocar o link do grupo no face de city of lust aqui: https://www.facebook.com/groups/877094712375756/?fref=ts



    TaylorK mudou seu nome para Saturno03/07/2013
    Saturno mudou seu nome para Helena de Troia26/08/2015