Foto de Rain
Rain nível 1
ID: 156959
Cadastro:
  • 18/05/2012

  • Sou um tipo estranho de gente.

    Sou daquele tipo de pessoa contraditória que adora Fanta Uva, mas acha Fanta Laranja enjoativa. Que adora trocar SMS, mas odeia falar ao telefone. Do tipo que ama a humanidade, mas odeia gente. Sim, eu sou do tipo que acha que bicho é melhor do que gente e que animal de estimação é membro da família. A única coisa que eu sempre tive certeza a meu respeito é que eu sou esse tipo de pessoa.

    Com o tempo, fui descobrindo outras esquisitices. Por exemplo, para mim, dia bonito de verdade é um dia nublado. Um dia com o céu em tons de azul, cinza e branco. Uma beleza neutra e cheia de possibilidades. Não me entenda mal, eu acho o sol e o céu azul coisas deslumbrantes, mas normalmente prefiro apreciá-los de longe. Não sou uma pessoa solar. Eu admiro o mistério da penumbra e a chuva me faz sentir viva.

    Outra coisa esquisita é que amo escrever, mas odeio falar. Nos dias em que estou bem, eu tendo a ficar em silêncio por muito tempo. Nos dias em que estou mal, isso piora. A única diferença é que eu sorrio mais, como para dizer às pessoas: Não é nada com você, mas mantenha uma distância segura. Nunca funciona, no entanto.

    Eu gosto muito de falar sozinha, tenho longuíssimas conversas com a parte menos sã de mim. Mas com os outros é um problema. É que eu simplesmente não sei jogar conversa fora e acho uma perda de tempo enorme ficar falando quando não se tem nada a dizer. Então eu reservo a conversa para os momentos em que ela é realmente importante ou ao menos agradável.

    Mas conversas duras me assustam tanto quanto as banais. Corro léguas daquelas conversas do tipo sonda-almas, principalmente com as pessoas que eu amo. Sou capaz de me abrir para um estranho no ônibus, mas não com elas. Não que eu não saiba o que sinto, posso escrever verdadeiros tratados sobre meus sentimentos. Mas não gosto de me sentir vulnerável na frente de alguém que tem um poder grande sobre mim. E as pessoas que eu amo têm esse poder. Eu só não deixo elas saberem disso.

    Elas sabem que eu as amo, mas eu lido melhor com as coisas que não dizem. Ah, como eu queria ser boa nisso como era Drummond!

    Amo literatura, a arte da palavra. Mas também amo livros bobos que a gente lê por puro prazer. E aprendi a gostar de fics também. Sou uma leitora fiel. Eu faço as coisas no meu tempo, mas se seu estilo me conquistar eu vou virar sua fã. Sempre deixo Reviews, mesmo que seja só uma opinião no finalzinho da história. Sempre respondo reviews e MPs assim que as vejo. Se a pessoa dispôs do tempo dela para ler sua fic e ainda te deu mais um pouco desse tempo te dando um retorno, ela merece sua atenção. Não gosto muito de leitor fantasma. Acho que o mínimo que você pode fazer em agradecimento a alguém que te proporcionou um pouco de entretenimento é deixar uma opinião, se deixar conhecer um pouco. Sou um bichinho carente, eu gosto de conhecer os leitores e os escritores que fazem este espaço ser tão legal. Então não se esconda de mim, ok? Eu sou esquisita, mas não mordo. Ainda.

     

    Outros perfis contendo as mesmas histórias:

    Spirit: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/mairazp

    Wattpad: https://www.wattpad.com/user/MairaZamproniPereira

     

     

    Perfil compartilhado com alunos: https://fanfiction.com.br/u/603125/ 

    E no Wattpad: https://www.wattpad.com/user/GrupoCarpeLibrum