Marry

30/10/2012 às 21:12 • A aposta
É mesmo cebola ( amo turma da monica jovem) nunca se sabe o que pode acontecer!


Resposta do Autor [Mallagueta]: Nunca se sabe mesmo!


Lady Lee

31/10/2012 às 12:28 • A aposta
"Putz,Mallaqueta."Foi o que eu pensei essa manhã ao ver essa fic."Você fez um especial só de Halloween?Nem creio,cara você não existe."E concluo esse pensamento,você é maravilhosa garota,igual essa fic.Posta um capitulo atras do outro,melhora a cada post.
Enfim,
Feliz Haloween e um Otimo Dia das Bruxas.♥


Resposta do Autor [Mallagueta]: Obrigada pelo review e feliz dia das bruxas pra vc também!


Mon Malfoy Purple

01/11/2012 às 15:19 • A aposta
OMG!!!!! AMEII


LouiseBiersack

10/02/2013 às 23:45 • A aposta
Olá Mallagueta!
Somente uma palavra: Genial! Meus parabéns, o enredo de sua história é ótimo, além de ferrar com o Cebola, é claro! Acompanho as postagens em seu blog também, e devo dizer que suas críticas são ótimas.
Sinceramente, as últimas edições estão uma droga. Diferentemente delas, suas fics são criativas, doces e misteriosas na medida certa. Principalmente a edição 54... foi uma das piores!
Devo admitir que, em meu ponto de vista, o enredo da edição 54 mostrou-se um pouco pesado e supérfluo. Para ser sincera, tratando-se de tramas para a revistinha, a MSP vêm deixando muito a desejar.
Como você mesma disse, concordo que o relacionamento da Mônica com o Cebola não passa de um novela Mexicana, ou seja, um dramalhão inegavelmente dispensável e forçado. Porque toda santa vez é a mesma coisa: ela corroendo-se de ciúmes e ele achando-se a última bolachinha do pacote. Sinceramente? No lugar dela, eu o mandaria pastar e seguiria meu caminho. Que fique bem claro: nada contra os fãs do casal.
Agora, entrego-me à chibatada: desde os tempos mais remotos, nutro apatia pelo “cinco fios”. A mania de querer mostrar-se o “rei do pedaço” atiça-me o ódio de uma maneira inimaginável. Além disso, não compreendo essa imposição dele em relação à dentuçinha. Quero dizer, ele é livre para flertar com quem quiser, contudo, ela tem de ficar na dela e esperá-lo se decidir.
Se bem me lembro, durante a edição 26, Cebola concorda em dançar com Carmen na valsa dos quinze casais e, presumidamente, Mônica escolhe outro rapaz: Toni. É aí que minha birra começa.  O ciúme toma-lhe cada centímetro do corpo e da mente, fazendo-o até mesmo conceber uma história sem pé nem cabeça sobre o pobre e inocente “príncipe”. A meu ver, é uma atitude infantil e CLARAMENTE possessiva. Na edição 54, ele nega-se a aceitar que Mônica mostre-se enciumada e indiferente em relação à nova moça. Concordo: machismo rançoso no ar.
Voltemos ao assunto do início: ultimamente, os temas escolhidos para as histórias estão a decepcionar-me. São fantasiosos e forçados demais. Trago-lhe como exemplo as edições 51 e 52. Penha regressa ao antigo bairro para vingar-se de Mônica. Ok, até aí, tudo bem! Agora, aquele papo de mandá-la para a prisão, levar o “careca” à Paris e todo o resto foi uma das MAIORES mancadas que a MSP já cometeu. Porque, convenhamos, a menina detém apenas quinze anos!
O que quero dizer com isso é: da onde ela arranja fundos e permissões para tudo isso? Sua riqueza é mais do que perceptível, entretanto, acredito que, no caso da viagem, uma menor de idade não poderia resolvê-la por si própria. E a questão de autorização dos pais também é necessária. Portanto, não é apenas colocar ali no meio só porque achou interessante ou bonitinho. Todos esses tópicos englobam uma burocracia enorme. Sim, digo isso porque EU estou na fase da adolescência e não consigo nem fritar um ovo sem a supervisão de um adulto. E, acredite ou não, isso ocorre com a maioria dos jovens na mesma faixa etária.
Apelando para minha visão mais crítica, aventuro-me a dizer que não entendo o tão famoso rótulo “Em estilo mangá”. Ok, as histórias são em preto-e-branco, porém, não vejo outros elementos para considerá-las como um quadrinho Japonês. Como uma otome fanática, digo-lhe que há uma grande diferença entre os dois, desde o estilo dos traços à arte-final. Pelo show pirotécnico que fazem, é maçante para um fã perceber o quão distintos são. Mas é claro que podemos considerá-lo como um pseudo-mangá, não é? A arte tem seu charme, entretanto, está longe de ser um “autêntico” mangá, se assim posso dizer.
A birra de Titi durante a edição 54 em relação à roupa da Aninha também não me passou despercebida. Qual é, eles estão em uma praia, portanto, qual é o grande problema em usar um biquíni?! Concordo que o slut shaming é mais do que evidente. Outro bom exemplo do velho e costumeiro machismo. Ela está proibida de usar vestes que deixam certas regiões do corpo à mostra, mas ele tem total liberdade, não é?
Quanto ao DC, admito: realmente gostaria de vê-lo com a Mônica, entretanto, o que é que ele tenta fazer para ganhar seu coração? Nada, simplesmente isso. Ok. Estão certas aquelas manias de contrariar o ordinário, mas já está indo longe demais! Ao contrário do que ele pensa, isso apenas dá mais chances ao Cebola, visto que a dentuçinha partirá para outra ao vê-lo de braços cruzados.
Enfim, em minha opinião, a mais nova edição de TMJ foi uma grande porcaria! Quero dizer, a ideia foi interessante, porém, o desenvolvimento foi terrível. Se fosse para dar nota, a minha seria, no máximo, 05. Sinceramente, os trabalhos da MSP vêm decaindo descomunalmente. Ainda rezo para que as edições voltem a ser como eram antes, todavia, é apenas a opinião de uma garota extremamente crítica.    
        
Nossa, escrevi uma crítica e tanto, hein? Hahaha, perdoe-me! Acabei saindo do contexto. Enfim, embora esteja meio atrasada, lerei com o maior prazer! Meus parabéns!
     
 


Resposta do Autor [Mallagueta Pepper]: Adorei seu comentário, ficou grande mas eu gosto. Realmente a qualidade das histórias está caindo um pouco mesmo e esse eterno mimimi da monica com o cebola tá começando a ficar chato. Agora, acho que as histórias tem andado tão fraquinhas que as ed. 51 e 52 acabaram ficando bem acima da média apesar dos furos que vc falou.
E sobre o intercambio pra frança que Penha tentou forçar o Cebola a fazer, na verdade foi o pai dela quem arranjou tudo. Ela o convenceu com o bom e velho olhar do desprezo. Já aquele plano de fazer a monica ir presa por causa de um video foi um tremendo furo mesmo, bem fora da realidade. Aquilo poderia prejudicar a reputação dela sim, mas mandar pra cadeia não.
 


Isabella Salvatore

02/03/2013 às 04:54 • A aposta
EU TO APAIXONADA POR ESSA FIC E POR ALGUM MOTIVO SOBRENATURAL EU QUERO A MONICA COM O DC MAS EU ACHO QUE A HISTORIA ATE JA ACABOU, MAS TANTO FAZ EU NAO VOU PARA DE GOSTAR! so passei mesmo pra deixar meu coment


Bruna50

09/03/2013 às 10:49 • A aposta
gostei e eu lembro do gibi/mangá que eles foram parar numa casa "assombrada"... HUE, nem deu medo aquele gibi, né? Bem, estou acompanhando, beijocas


Kevin Dragneell

29/05/2013 às 21:57 • A aposta
ameii, espero que tenha um final legal


Coriolanus Grimes

05/07/2013 às 13:56 • A aposta
O que acha que precisa ser melhorado?

Nada



O que mais gostou no capítulo?

Tudo



Parece que essa história, mesmo sendo bem pequena vai ser bastante legal! Vou acompanhar COM CERTEZA! Hehe.


Sage

24/08/2013 às 18:49 • A aposta
Fantástico! Como já disseram, ler fanfics realmente é mais vantajoso do que ler a própria TMJ atualmente, visto que os roteiros estão realmente tendo uma queda inimaginável em questão de qualidade. Sem mais, só me resta parabenizá-la e partir para o próximo capítulo!


Mon Malfoy Purple

01/11/2012 às 15:26 • A invasão
OMG!!! Aquilo o que?O.O


Bruna50

09/03/2013 às 11:01 • A invasão
legal, leal, legal, vai começar... MUAHAHAHAHAH! 8D


Kevin Dragneell

29/05/2013 às 22:13 • A invasão
aposto que é a morte.


Hiklaus

02/08/2013 às 22:56 • A invasão
Essa história é muito boa! Parabéns, Mallagueta, você consegue escrever muito bem, e de uma forma que o leitor entende absolutamente tudo o que você quer passar na sua fanfic. =D


Mon Malfoy Purple

01/11/2012 às 15:33 • O flagrante
OMG O.O o que ela vai fazer?


Bruna50

09/03/2013 às 11:08 • O flagrante
LOLOLOLOLOLOLOLOLOLOLOLOLOL
8D D.Morte vingativa, gosti.