09/11/2018 às 21:10

Para todos os leitores que já amei

Eles chegam as vezes como quem não quer nada, começam lendo uma história ou duas. Você responde os comentários, aguardando ansiosa quando publica um novo capítulo, esperando a notificação que, quando chega, te faz vidrar os olhos na tela ao ler minunciosamente cada detalhe do comentário.

Quando você vê, está trocando mensagens de madrugada sobre o que está por vir na sua história, compartilhando ideias, pedindo sugestão. A pessoa do outro lado da tela se torna sua amiga ou amigo, confidente, beta (desculpe por abusar da boa vontade), fonte de estimulação inesgotável e a pessoa que vai por a mão no seu ombro (virtualmente) e falar “vai escrever”.

As vezes o leitor desaparece, vai embora, some das nossas vidas. Nós, autores, sentimos essa dor mais do que se pode imaginar. É tudo virtual, sim, mas os sentimentos são reais.

Cada conversa, cada sorriso imaginado, cada comentário desesperado ou engraçado. Tudo nos move, para bem e para o mal. As vezes conhecemos leitores que conseguem nos por para baixo. Mas eu digo uma coisa a vocês, cada crítica me fortalece. E a cada dia que passa, vou aprendendo a lidar com o que recebo e o que fazer com essas críticas? Vai me inspirar aprender mais, crescer e nunca desistir. Pois se tem uma coisa que os anos 90/2000 me ensinaram, foi não desistir. Se hoje ter leitores é difícil, agora pensa antes dos sites de fanfics existirem? rsrs

Tem leitores que passam a fazer parte de nossa vida, não apenas no plano virtual, mas fisicamente. Abraçar e conversar, olhar nos olhos e rir da expressão que substitui o meme. Nada mais contagiante do que uma roda de conversa sobre qual foi a melhor treta num certo grupo de fanfic. E mesmo que não tenha tido a oportunidade de estar pessoalmente com quem a gente convive diariamente, virtualmente, não deixe que diminuam a amizade que o Nyah! Fanfiction uniu.

Aos leitores que compartilho cada pedacinho da minha vasta imaginação, eu os agradeço por dividirem comigo os minutos do dia lendo, comentando, recomendando minhas histórias. Pois, quando estou aqui do outro lado da tela, meia noite (após um longo dia de trabalho e estudo), estou também pensando em como irão receber o novo capítulo, o que vão gostar ou odiar.

Essa troca devia ser uma via de mão dupla, ida e volta, as vezes precisamos espantar os fantasmas, é verdade. Contudo, ainda que uma, duas, ou ninguém apareça, eu fico aqui na expectativa de conhecer um novo leitor, fazer uma nova amizade virtual, que pode se materializar aqui do lado de fora dessa vasta internet. Se ainda não conheceu seus leitores, não desanime, eles estão aí. E se você ainda não disse ao seu autor favorito que ele é o seu favorito, aproveite a chance e diga isso.

Para todos os leitores que eu já amei, eu desejo que continuem fazendo o que fazem de melhor, tornar nossas vidas mais felizes a cada “Amei” e “Continua”.

 

Kori Hime

 

 

editado: A ideia do texto não  é promover ranking de quantidade de comentários, vem para exaltar os laços de amizade que criei a partir do momento que disponibilizei minhas histórias online, coisa que nos anos 90 era complicadíssimo. Ao longo dos meus 20 anos escrevendo, hoje posso alcançar milhares de pessoas e interagir, compartilhar ideias, e isso me anima muito e me enche de expectativas.



Comentários

Rozze Olliver

12/11/2018 às 16:54

Tô começando agora. Quero e preciso MUITO do apoio de quem estiver disposto a me dar. Já fiz algumas fanfics mas nunca tive a oportunidade de publicar. E agora estou entrando novamente nesse universo e espero sinceramente encontrar muitas amizades virtuais por aqui. 

 

Kori Hime

12/11/2018 às 12:24

@Booh se você está de fato preocupada com a ausência dos autores, minha sugestão é enviar uma mensagem privada perguntando se está tudo bem com eles. PQ não sabemos o que se passa na vida da pessoa, ela pode ter seus motivos pessoais para não ter dado continuidade a história ou logar no site, então não dá pra julgar sem conhecimento. 

Kori Hime

12/11/2018 às 12:16

Fica aqui minha dica do grupo do Nyah no Facebook para quem quiser conhecer mais autores do site:

https://m.facebook.com/groups/103030110037641/

booh

12/11/2018 às 00:46

 

A questã ñ é só vcs receberem comentarios,é tbm nos leitores recebermos a continuação dos capitulos,de muitas estorias que autores diz que são movidos a comentarios,mas ñ dão continuidade a fic,e muito menos explicações do pq a fanfic esta para,ou em hiatos ou ate mesmo quando abandonam eles ainda vem dizer que são movidos a comentarios com um monte de comentario pedindo ou ate mesmo implorando para ter continuação da fic.Tem fanfic que eu estou acompa nhando a mais de 2 anos e a autora ñ se possisiona se ira continuar,eu acho super errado isso aqui no Nyah vcs poderiam fazer balanço de fics terminadas,em andamento e as das abandonadas para o site ter mais movimento,ele esta muito parado muitos autores estao debandando para outros sites e aqui esta ficando sem escolha de estorias novas para ler tem autor que posta fics novas e a exclui dois min. depois,outros excluem estorias terminadas pq ñ

Maresia

11/11/2018 às 21:30

Para aumentar ainda mais a coincidência, estou ouvindo Lovers da Anna of the North, trilha sonora de Para Todos Os Garotos Que Já Amei. Música mais perfeita não existe.

Não estou capaz agora de escrever muito, mas quero dizer que como escritora há 10 anos, crescendo e aprendendo em milhares de momentos e satisfeita com o trabalho que faço quando sento e escrevo - atividade um pouco escassa hoje, seu texto me tocou e aqueceu meu coração. Obrigada, Kori, por mostrar com uma declaração pequena, mas repleta de sentimentos, que os laços que criamos com leitores e com outros autores são o que de fato nos fortalece nessa jornada da escrita.

 

Vany chan 734

11/11/2018 às 19:14

Meu deus, Kori! To muito emocionada! Fiz amizades incríveis com minhas autoras queridas e também tive leitores incríveis fazendo amizades comigo! Foi lindo poder ler isso ♥ 

Cristabel Fraser

11/11/2018 às 15:41

Hey, Kori meus parabéns por este maravilhoso e estimulante texto. Tudo o que você escreveu, é a mais pura das verdades e, tenho que admitir que o nyah nos uniu. Eu amo várias obras, mas tem uma em especial que não consigo me desapegar, é como uma tatuagem fixa sabe... eu fico na torcida esperando uma nova atualização desta categoria que amo acompanhar, mas algumas autoras sumiram, entende? E sei que há muitos leitores aguardando certos projetos serem concluídos. Enfim, ao ler este post seu me deu um Up, rss e agradeço muito a você e a equipe do site que me acolheu desde uns anos atrás.

Obrigada de coração.

Emy

11/11/2018 às 10:57

Por causa do nyah conheci uma ótima amiga que simplesmente me apoia, me consola e me escuta. Apesar de não a conhecer pessoalmente, ela é uma pessoinha muito especial pra mim

Emy

11/11/2018 às 10:56

Os leitores também se sentem assim, tem uma escritora que apagou um livro perfeito na metade da história e simplesmente sumiu, tem quatro anos que mando mensagens no pv do nyah e nada dela responder, ainda espero que a escritora de "A prisioneira" um dia volte a escrever ou pelo menos me responda, sinto muita falta da história dela. Pretendo continuar esperando uma resposta dela.

Kori Hime

11/11/2018 às 01:02

@MoonStilinski24 você precisa relaxar mais kkk não existe só um jeito de se comentar uma história, ou um jeito certo. O ideal é fazer com naturalidade como você se sente no momento. Com muitas ou poucas palavras, o que eu busco mesmo nessa experiência é criar vínculos com meus leitores e fazer o processo de publicação na internet menos fria e vazia. Não estamos sozinhos, e é ruim quando nos sentimos assim, as vezes é um processo solitário e não precisa ser.