Métodos mais comuns de betagem






Por: Cyndi (publicado originalmente no blog Letras com Marshmallow)

Esse é um post para os betas e pretensos futuros candidatos. Muita gente fica confusa e me pergunta como fazer a betagem, como formatar, se usa Word ou não, se faz direto no email, em bloco de notas... enfim, não temos um padrão na Liga de Betas e Críticos do Nyah. Não pretendemos criar um, mas vou dar algumas opções que facilitarão a vida de vocês, inclusive alguns métodos ~profissionais~ usados por algumas editoras e revisores (até onde eu sei, ou seja, não confie muito nessa última sentença -q).



Você pode usar o Word, mas eu recomendo o LibreOffice, que é muito mais leve, mais fácil, mais amor.

MÉTODO REVISÃO + COMENTÁRIOS

O modo revisão é uma ferramenta to LibreOffice que permite você fazer alterações no texto de modo que uma marcação automática apareça e o autor veja tudo o que você fez. Além disso, suas alterações são temporárias até que o autor clique em uma opção chamada "Aceitar ou rejeitar alterações" e escolha entre aceitar ou rejeitar cada uma das mudanças que você fez.

Vale sempre lembrar que segundo o contrato entre autor e beta, o beta jamais fará alterações diretas no texto, tudo o que você fizer deve ser entendido como mera SUGESTÃO. Você não está reescrevendo nada pro autor. É sugestão. A ferramenta de modo revisão é apenas um facilitador no processo.

A Lady Salieri me ajudou com o Word (já que eu não tenho ele instalado aqui) pra explicar como proceder:




Para ativar o Modo Revisão no Word/LibreOffice, basta clicar em Edite > Alterações > Gravar (os nomes e localização podem mudar de acordo com a versão de cada programa, se não encontrar me avise). No LibreOffice, você pode instalar uma extensão que coloca os botões do Modo Revisão na barra de ferramentas (http://extensions.libreoffice.org/extension-center/review-toolbar). Fica mais fácil.








O Modo Revisão faz marcações de várias formas. Ao lado de cada linha editada, ele coloca uma marca vertical, indicando que ali tem algo alterado.

Sempre que você deletar qualquer coisa em Modo Revisão, o programa irá simplesmente deixar o que você deletou em tachado (uma linha riscando no meio) e colorir de amarelo. Lembrando que você deletará como sugestão.






Em tudo o que você alterar/sugerir, é SEMPRE bom colocar um comentário explicando porque sugeriu aquilo. Para inserir um comentário de forma organizada, basta clicar no meio da frase ou palavra que você editou e apertar CTRL + ALT + C. Uma caixinha vai aparecer do lado, e você pode escrever ali. Cada edição você pode inserir um comentário desse com explicações.. Assim você não apenas ajuda na fic, mas ensina o autor coisas novas.





Sempre que você adicionar um texto em Modo Revisão, ele ficará azul e sublinhado.




Depois que o autor ler a betagem, cabe a ele aceitar as sugestões ou não. Ele pode clicar no botão Aceitar ou Rejeitar. Aparece uma janelinha com uma lista das edições que você fez no doc. Clicando em cada uma da lista, a alteração se destaca no texto. Então o autor terá que clicar em aceitar ou rejeitar em todas as alterações.



Depois, ele deverá desligar o Modo Revisão e fazer suas próprias mudanças de acordo com as dicas do beta.

MÉTODO COMENTÁRIOS


É quando você usa apenas os comentários (CTRL + ALT + C) para dizer tudo o que quer mostrar ao autor e não quiser mexer em absolutamente nada no texto. Eu uso quando não tenho muito o que fazer além de dar pequenas dicas e opiniões, mas quando há muitas correções e e sugestões para o texto em si, não gosto por ter que acabar digitando muito.



MÉTODO COLORIDO (OU MÉTODO "BOB MARLEY")



Se você achou confuso usar o método Modo Revisão, pode usar as cores para indicar o que está fazendo no texto do autor. Minha sugestão é organizar o máximo possível. Eu faço comentários abaixo da frase específica e uso cores para classificar. Fica meio carnavalesco (ou nesse caso, regueiro), mas é legal. Segue exemplo:



Oi, querido autor, segue a minha primeira betagem. Legenda de cores:






Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur



adipiscing elit. Etiam at magna ante. Duis sem massa, sodales ac aliquam in, vehicula at ipsum.




Pellentesque id enim ut nisl laoreet consequat at at tortor. Nullam vestibulum, ipsum sed tristique dapibus, quam quam egestas libero, a blandit lacus ipsum nec dolor. Phasellus et purus eu urna scelerisque pellentesque. Maecenas euismod purus nec nunc sodales facilisis sit amet ac nunc. Cras metus nisi, hendrerit ut tincidunt id, placerat eget elit. Sed non lectus non




lacus aliquet eleifend a vel justo. Vestibulum eget eleifend mi. Ut facilisis lectus in lorem feugiat sagittis. Phasellus egestas fermentum sapien, ut volutpat nulla ultricies quis.



MÉTODO RESUMÃO

Muitos candidatos fazem o teste usando esse método. Eles simplesmente respondem o email com um resumão de apontamentos de erros e sugestões de melhorias. Isso é útil quando o texto tem muitos problemas e você sabe que terá que betar duas, três, quaro vezes ou mais o mesmo capítulo. Você pode fazer primeiro no método resumão para resolver as falhas mais graves e simples. À medida que o autor for melhorando o texto, você começa a usar os métodos mais detalhistas que descrevi acima para "passar o pente fino". NÃO RECOMENDAMOS ESSE MÉTODO PARA FAZER O TESTE DA LIGA DOS BETAS!


CONCLUSÃO

Você pode criar outros métodos, claro, desde que o autor receba tudo da melhor forma possível. A intenção desse post é ser um ponto de partida. Cabe a você encontrar a melhor forma de trabalhar. Isso também pode variar de autor para autor. Seja sensível.