Roller Coaster

Autor(es): jgw22


Sinopse

Just close your eyes and enjoy the roller coaster that is life.


Notas da história
Minha primeira fic, não sejam crueis. huhu. Espero que gostem :33



(Cap. 4) Capítulo 4

Vamos Jazmin, conte-me tudo!!! – eu praticamente gritava dentro daquele quarto.

– Calma Alice! Eu vou contar, mas, por favor, dá pra me soltar agora? – ela disse, olhando para seus ombros que eram quase esmagados por meus apertões. Soltei-a e fui sentar-me na cama.

– Tá, agora me conte tudo o que você sabe em relação à Zayn. - eu disse agitada.

– Bem, não é só em relação à Zayn, mas a todos os outros garotos também. – eu não tinha entendido nada, e acho que Jazmin viu a confusão atravessar meu rosto, pois continuou explicando. – Alice, você já ouviu falar em One Direction?

– Claro né Jazmin, eu morava na Califórnia, não no Alasca! – disse com uma ponta de irritação na voz. – Eu escutava algumas musicas, mas não muitas. Eles participaram daquele progr... OMG! São eles!

– Ó, muito bem! Finalmente se tocou! – disse Jazmin rindo da minha reação.

Fiquei algum tempo absorvendo aquela ideia; eu estava chocada. Quer dizer que o garoto que me derrubou na piscina é membro de uma banda famosa, me apresentou a seus amigos, e agora dois deles estavam nos esperando na sala da minha casa? Aquilo era além do que eu julgava ser real.

– E agora Jazmin? Isso muda tudo. – disse a beira do desespero.

– Muda o que Alice? – disse ela meio perdida e confusa com a minha reação.

– Tudo! Como seremos amigas deles? Será que eles vão querer nossa amizade? Será que não vamos atrapalhar? Devemos almoçar com eles hoje? – as palavras saíam como um jato de minha boca.

– Calma Alice!!! Chega dessa paranoia! Nós passamos a manhã inteira conversando com eles, e você mesma viu que eles são garotos super queridos. E querem sim a nossa amizade, caso contrário, nunca teriam nos convidado para um almoço na casa deles. Vamos agir como se eles fossem pessoas normais, que é exatamente o que eles são, ok? – disse ela tentando me acalmar, e devo admitir que, ela havia realmente conseguido, pelo menos uma boa parte. – Bem, agora termine de se arrumar e vamos descer. Os meninos estão esperando ainda, lembra? – disse ela rindo.

Rapidamente, tirei as coisas da mochila que usara mais cedo e coloquei na bolsa, passei rímel, uma fina camada de lápis preto no olho e um gloss incolor. Calcei os tênis e desci as escadas, com Jazmin seguindo atrás de mim.

Quando chegamos à sala em que os garotos estavam, nos deparamos com uma cena um tanto quanto inusitada: Zayn e Niall estavam no sofá, um dando tapas no outro. Bem, Zayn dava os tapas, enquanto Niall estava num canto do sofá, com as mãos no rosto, tentando afastar Zayn a pontapés.

– Minha sala virou um ring de boxe e ninguém me avisou? – eu disse fingindo estar brava.

–Desculpa, eu estava me vingando desse Irlandês por ter roubado meu celular hoje mais cedo, e por me derrubar na piscina com uma loira. – disse Zayn rindo para mim, enquanto se afastava de Niall.

– Mas a loira até achou legal; ganhou um suco grátis e cinco amigos meio palhaços. – eu disse rindo, fazendo todos ali rirem também.

– Tá, agora que elas estão prontas e que os garotos devem estar colocando fogo na cozinha lá de casa, acho melhor irmos. – disse Niall dando uma risadinha abafada.

Todos seguimos para o mesmo carro em que viemos. Sentei-me no banco do motorista e Zayn sentou-se a meu lado, para me guiar até a casa deles, enquanto Jazmin e Niall dividiam o banco de trás.

O percurso não durou mais de dois minutos. Zayn me fez ir até o fim da rua, dobrar a esquina, entrar na rua de trás de minha casa e... Pronto, estávamos à frente de uma casa grande, com fachada creme e grande janelas e portas brancas.

–Sério, é só isso? Moramos tão perto assim? – disse Jazmin um pouco surpresa enquanto saíamos do carro.

– Bem, parece que somos praticamente vizinhos. – disse Zayn piscando para mim e Jazmin.

– Venham, vamos entrar. – Niall foi na frente e todos o seguimos.

O cheiro de comida estava realmente muito bom. Quando chegamos à sala da casa, os garotos logo nos puxaram para dentro da cozinha.

– Oh, vocês já chegaram. Nós fizemos lasanha, está quase pronta. – disse Louis, enquanto Harry e Liam arrumavam a mesa.

Ficamos observando Harry, Liam e Louis darem os últimos retoques em nosso delicioso banquete, como Louis mesmo havia chamado, enquanto esperávamos que Niall e Zayn saíssem do banho. O primeiro a aparecer foi Niall, com uma bermuda azul marinho e camiseta branca. Passados uns bons 20 minutos, Zayn apareceu também, vestindo uma camiseta com uma tomada e calça jeans, com o cabelo levantado num topete, o que julguei ser o motivo de toda a demora.

O almoço estava tão bom quanto o cheiro, e todos comemos e conversamos durante todo o tempo. Quando terminamos, eu e Jazmin íamos retirando os pratos da mesa, quando Liam os tirou de nossas mãos e Louis me pegava no colo, enquanto Harry fazia o mesmo com Jazmin. Nós duas tivemos a mesma reação enquanto os garotos nos levavam para a sala: gritar, espernear e bater – ou tentar bater – neles. Só paramos quando os dois nos largaram no sofá.

– Vocês duas são nossas convidadas e não farão nada do serviço doméstico. Eu e os garotos cuidaremos de tudo. – disse Harry com um sorriso no rosto, o que fazia ressaltar suas covinhas.

– Ok, Sr. Cachinhos, mas podemos ao menos nos sentarmos à bancada e ver vocês trabalhando? – disse o desafiando.

– Sr. Cachinhos? – disse ele com uma careta.

– Está bem, isso podem, mas nada de ajudarem. – Liam respondeu no lugar de Harry.

– Sr. Cachinhos?! – disse ele de novo, meio perplexo.

– Ah, vamos! – dei um tapinha em seu ombro e o puxei para a cozinha.

Eu e Jazmin sentamos a bancada e ficamos apenas vendo os garotos lavarem, secarem e guardarem toda a louça. Eles não nos deixaram tocar nem em um pano de prato, pelo visto, estavam levando bem a sério essa história de convidadas.

Depois da cozinha se encontrar em perfeita organização, fomos todos para a sala, colocamos um filme qualquer na tv, no qual nenhum de nós prestava atenção; estávamos conversando sobre as maiores bobagens, rindo e brincando. Ali eu me sentia feliz; naquele momento, minha mudança para Londres pareceu e melhor coisa que me aconteceu em anos. Tinha a sensação que existia algo muito verdadeiro naquela amizade que ali se formava.

Notas finais do capítulo
Muito blé? uhishsiusahiasuh Se gostarem ou não, comentem, ok? Quero saber o que estão achando (: @july_wolff




Todas as histórias são de responsabilidade de seus respectivos autores. Não nos responsabilizamos pelo material postado.
História arquivada em https://fanfiction.com.br/historia/195110/Roller_Coaster/