Lua Minguante escrita por Mandy Blanche


Capítulo 1
Prólogo


Notas iniciais do capítulo

Bem essa foi uma ideia louca que veio na minha cabeça enquanto eu via de novo os episodios da primeira temporada de The Vampire Diaries,tomara que vocês gostem.
Não se esqueçam de deixar reviews para saber se vocês estão gostando.
Enjoy!




Bella POV

 

Como pude me enganar por todo esse tempo. Ele estava certo, sempre esteve.

Olhando aqueles olhos azuis, aqueles olhos frios e congelantes como uma meia noite misteriosa, eu me senti completa... Olhando aqueles mesmos olhos congelantes, que causavam medo a todos, mas que eram capazes de me aquecer a qualquer momento, e quando ficavam furiosos pareciam que soltavam fogo, como aqueles dragões furiosos, de historias fictícias. Aqueles olhos que eram capazes de me fazer esquecer a dor, de mim, de Edward, de tudo.

Olhando aqueles olhos eu me perguntava: Eu seria realmente capaz de amá-lo?De dar a ele tudo o que ele merecia?

Seria possível?Eu estava machucada ainda... E ele também.

Eu duvidava. Mas então por que olhando para aqueles olhos frios e cruéis eu me sentia fria e quente ao mesmo tempo?Por que quando olhava para dentro daqueles olhos ou quando estava em seus braços eu me sentia como se não quisesse nunca deixá-lo?

 

Damon POV

 

Eu a amava. Nunca tive tanta certeza disso.

Eu Damon Salvatore havia me apaixonado pelo que devia ser minha comida.

Agora a olhando dormir, eu não consigo entender o que fez eu me apaixonar por ela, não sei se foi seu jeito desastrado de ser e sua tendência a idiotice letal, sua fragilidade que sempre me fazia protegê-la, aqueles lindos olhos que eram como poças de chocolates, principalmente quando me olhavam daquele jeito doce e cheio de compreensão.

Ela era a única em quem eu confiava totalmente.

Ela havia me mostrado algo que eu pensava que tinha perdido a muito tempo.Meu coração.

Fazia-me ter vontade de ser diferente. Ela me fazia sentir vontade de ser diferente.

Mesmo quando sou cruel, ou faço o que é errado ela continua a meu lado.

E isso eu sei que não mereço.

Ela fazia eu me sentir eu mesmo, como a muito tempo eu não me sentia.

Ela fazia eu me sentir humano.



Notas finais do capítulo

Tomara que tenham gostado!
Ate o proximo post.
Bjos