Rosana: A Dariganiana que conquistou Meridell escrita por Anne Claksa


Capítulo 10
O fruto do nosso amor.


Notas iniciais do capítulo

Olá!
Rosana e Álvaro vivem felizes e apaixonados. Uma grande notícia vem para aumentar a felicidade deles.
Palavras Utilizadas
— Oomancia. Significado:Arte de adivinhar, que se praticava por meio de ovos.
— Enatar. Significado: Cobrir de nata.

Boa leitura!!!



Este capítulo também está disponível no +Fiction: plusfiction.com/book/807950/chapter/10

Uma rainha que fica só de pernas para o ar, sentada em seu trono, dando ordens, se preocupando apenas com suas roupas, acessórios e ser responsável apenas em cuidar dos herdeiros que estão por vir. Essa não é Rosana. Ela é uma rainha bem ativa, ajuda o povo no que for preciso, seja na lavoura, construindo casas, ajudando na colheita, ajudava as empregadas a limpar o castelo e ainda cozinhava muito bem. Os meridelianos que já gostavam de Rosana, passaram a ama-la. Rafaela, era sua inspiração. Com ela aprendeu que uma rainha não deveria viver apenas de luxo, deveria ser presente com o povo.

Depois de um dia de trabalho, ela e Álvaro voltaram para casa e queriam uma boa noite de sono e voltaram na hora certa, pois, caiu uma forte chuva, Meridell é conhecida por fortes chuvas e temporais.

— Ai, ai, mais uma noite de chuva forte. — Suspirou Álvaro, olhando pela janela.

— Sei o que está sentindo, meu querido, essa chuva pode virar um problema depois. — Disse Rosana, o abraçando.

— O solo fica cheio de lama e não dá para plantar em um solo muito molhado, os telhados de madeira encharcam, nossos legumes são perdidos. É problema atrás de problema.

— Nós vamos conseguir contornar todos esses problemas, Álvaro, eu tenho fé nisso.

— E eu tenho mais certeza disso, com uma rainha como você ao meu lado, Meridell vai prosperar.

Rosana sorriu e deu um beijo em Álvaro. Ela olhou pela janela e disse:

— Sempre achei que a chuva criava um clima romântico, não tinha a menor noção que ela poderia trazer tantos problemas, principalmente, para um reino pobre.

— Eu já me acostumei, desde criança, eu conheço essas chuvas de Meridell, meus pais trabalhavam duro para arrumar tudo depois. — Álvaro também olhou pela janela e abraçou Rosana por trás. — Sabe que tem razão? Essa chuva até que está dando um clima romântico.

Rosana se virou e deu um beijo em Álvaro. O beijo ficava mais intenso, Álvaro passava suas mãos nas costas dela e ela fazia o mesmo.

Rosana tirou o robe branco, ficando apenas de camisola. Ela se deitou na cama e chamou por Álvaro, ele tirou a camisa e se deitou ao lado dela. Trocavam beijos, carinhos e declarações, do lado de fora havia raios, trovões e os pingos de chuva que batiam e escorriam pela janela, enquanto Álvaro e Rosana se amavam.

...

Como era de se esperar, a chuva trouxe estragos para Meridell, a área mais atingida foi a fazenda de Meri Acres. As verduras de folha estavam encharcadas, pingavam água, não davam para ser utilizadas ou vendidas. O solo também ficou bem encharcado e com muita lama, não dava nem para andar. Edgar mostrou tudo para Álvaro, ele se lamentava dizendo que tinha se esforçado muito para achar uma nova variedade de alface e outras verduras, para vender e trazer mais dinheiro, mas a chuva estragou tudo e que agora eles não tinham mais as verduras. Álvaro consolou o amigo.

— E agora? O que faremos? Não tem verduras para vender, sem elas, não temos dinheiro, sem dinheiro, não conseguiremos sustentar o reino. — Disse Álvaro, com desanimo.

Rosana, Miriã e Lalita apareceram com cestos de palha, neles tinham algumas cenouras, tomates e alfaces.

— Ontem à tarde, nós colhemos esses legumes, são poucos, mas dá para garantir a venda dos nossos produtos. — Disse Rosana. — Não se preocupe, nós vamos conseguir vender.

Álvaro quase chorou de emoção, ele beijou Rosana e disse:

— É por isso que te amo e te admiro, minha Rosa. Muito obrigado, você está ajudando Meridell a prosperar.

...

 Alguns dias depois, não era uma manhã comum para Rosana, ela nunca havia acordado sentindo tão mal, seu estomago parecia dar cambalhotas dentro dela, saiu do quarto e ia em direção a cozinha, mas teve que parar no banheiro, não conseguiu segurar o tinha comido no jantar. Rosana não estava entendendo, nunca tinha passado mal assim.

Ela chegou até a cozinha e pediu apenas um chá, pois, não estava aguentando o cheiro do café. E teria que ser um chá bem leve, Maricota, uma lenny, preparou o chá, mas ficou curiosa e perguntou:

— A senhora está bem?

— Não sei, Maricota. Acordei tão estranha hoje, estou me sentindo enjoada, nunca passei tão mal assim. — Rosana tomou um pouco do chá. — Hm, estou com uma vontade de comer algo?

— O que seria?

— Quero biscoitos amanteigados, recheados com massa branca. Em Brightvale tem, vou lá imediatamente, antes que a vontade passe.

Rosana foi para Brightvale e alguns minutos depois, voltou comendo um biscoito e segurava uma caixa com mais biscoitos, ela sorria de satisfação.

— Rainha Rosana, posso fazer um teste de oomancia com a senhora? — Perguntou Maricota.

— Você sabe fazer isso? — Perguntou Rosana, espantada.

— Sei sim, senhora. Posso fazer agora, se quiser.

Rosana concordou. Ela e Maricota foram até uma mesa, a empregada pegou um ovo e pediu para a rainha o quebrar. Assim Rosana o fez, quando quebrou, a gema saiu dupla. Maricota sorriu.

— Que noticia maravilhosa. — Disse Maricota, empolgada.

— O que significa? — Perguntou Rosana.

— Majestade, a senhora está gravida.

— Grávida? Você viu isso só de olhar uma gema de ovo?

— Sim. Eu tenho prática com a oomancia e pelo que vi, a senhora está gravida.

— Olha, Maricota, vou respeitar a sua crença, mas para ter certeza mesmo, vou procurar um médico. Imagina se conto para o Álvaro que estou grávida, ele feliz e, na verdade, for apenas um mal-estar. Prefiro confirmar. Se ele perguntar por mim, diga que precisei sair e que volto logo.

— Tudo bem, mas se eu estiver certa, me conte depois.

...

Rosana foi até a Central de Neopia para o consultar um médico. Ao chegar perto do consultório, ela encontrou Kevon e Arissa saindo, a rainha do Reino de Darigan estava com uma pequena barriga, que estava começando a aparecer.

— Ora, ora. Se não é aquela que renegou ser dariganiana? — Arissa disse ironicamente.

— É um prazer te reencontrar também, Arissa. — Respondeu Rosana.

— Soube que és rainha de Meridell, como é ser a governante de um reino tão pobre? — Disse Kevon com cinismo.

Rosana revirou os olhos e respondeu:

— Está indo muito bem. Passamos dificuldades sim, mas com garra e determinação, estamos conseguindo contornar todos os problemas. E eu estou muito feliz por viver em Meridell.

— Diz isso só para mascarar a verdade, que não aguenta viver na pobreza. — Disse Arissa.

— Não estou mascarando verdade nenhuma, Arissa. Realmente estou feliz em Meridell, pelo menos os meridelianos não exploram outros povos.

Arissa e Kevon ficaram espantados com a fala de Rosana. Então, o rei decidiu a confrontar.

— Tem provas, Rosana? Tu só sabes o fazemos com os moltaranos por palavras, palavras se perdem no vento e são esquecidas. Documentos sim, podem provar. Tens algum?

— Não, mas...

— Então, sinto muito, ninguém irá acreditar em você. Tu serás vista como uma mentirosa e ressentida que quer manchar a imagem do Reino de Darigan. Além do mais, os neopianos nos amam. — Disse Kevon, com um sorriso cínico. — Vamos, Arissa, minha rainha.

— Claro, Kevon, meu rei. — Disse Arissa, dando o braço para ele.

Os dois saíram e Rosana falou:

— Vocês se merecem, dois arrogantes, perfeitos um para o outro.

...

Na consulta com o médico, Rosana soube que a sua empregada estava certa, ela estava grávida e ficou muito contente, teria um filho do seu amor e daria um herdeiro para Meridell. Quando voltou para o seu reino, contou a novidade para Álvaro, que ficou radiante, pegou a esposa no colo e a girou, gritando:

— EU SOU O HOMEM MAIS FELIZ DE NEOPIA! VOU TER UM FILHO COM A MINHA AMADA! EU TE AMO, ROSANA!

Logo todos no reino ficaram sabendo da novidade e festejaram muito.

...

Rosana já estava com sete meses. Ela estava sentada em uma cadeira de balanço e lendo o jornal e viu a notícia principal: REINO DE DARIGAN TEM UMA HERDEIRA!

Na foto havia Arissa, segurando um bebê, ao lado de Kevon, eles estavam felizes. Ao ler a notícia, descobriu que a filha dos dois se chamava Karissa Claksa Montez Hockshow. Rosana deixou o jornal de lado, pegou uma caneca de leite, que deixou enatar e tomou um pouco. Depois, passou a mão em sua barriga e disse sorrindo:

— Quero muito te pegar nos braços, meu pequeno.

...

Meses depois, Maricota saiu correndo por Meridell, gritando por Álvaro. Quando viu a empegada, ele perguntou o que estava acontecendo.

— O seu filho nasceu, rei Álvaro. É um menino lindo.

Álvaro sorriu de felicidade e correu para o castelo. Quando chegou até o quarto, viu Rosana segurando um menino de cabelos escuros nos braços. Álvaro se aproximou e ela falou:

— É o nosso filho, Álvaro.

Álvaro estava emocionado, ele se aproximou devagar da esposa. Rosana perguntou se ele queria pegar o bebê colo. Álvaro respondeu que sim, ele pegou o pequeno nos braços e quase chorou ao olhar para o filho, ainda era muito cedo para saber com quem o menino se parecia, mas dava para perceber que tinha o sorriso de Rosana.

— Que nome você vai dar para ele? — Perguntou Rosana.

— Você vai me deixar escolher? — Álvaro respondeu com outra pergunta.

— Sim, pode escolher.

— Então, vamos ver. Ele tem cara de Antônio. Antônio é um bom nome, não é?

— É sim, um lindo nome, mas acho que deveria ter um nome composto. Pensei em Aaron.

— Aaron também é um nome bonito. Se quer um nome composto, que tal, Antônio Aaron?

— Uma boa sugestão, mas acho que ficaria melhor, Aaron Antônio.

— Tem razão, Aaron Antônio ficou melhor e é um lindo nome para o nosso filho.

Álvaro entregou Aaron para Rosana, deu um beijo na esposa, olhou para o bebê e disse:

— Seja bem-vindo, Aaron Antônio Villar Duarte.

O amor de Rosana e Álvaro gerou Aaron, futuro rei de Meridell, com a chegada dele o castelo se encheu de alegria. Todo reino celebrou a chegada de Aaron e faziam votos de que sua vida fosse feliz e cheia de saúde.


Não quer ver anúncios?

Com uma contribuição de R$29,90 você deixa de ver anúncios no Nyah e em seu sucessor, o +Fiction, durante 1 ano!

Seu apoio é fundamental. Torne-se um herói!


Notas finais do capítulo

Música tema de Álvaro e Rosana: Dezembros- https://www.youtube.com/watch?v=CeUrWG5uT2Y&list=PLj8uADfH-lLoS8Fly3yS_A00IFhvDBD64&index=17

Música tema de Kevon e Arissa: Calling Angels - https://www.youtube.com/watch?v=VaDkTC3xSVY&list=PLj8uADfH-lLoS8Fly3yS_A00IFhvDBD64&index=16



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Rosana: A Dariganiana que conquistou Meridell" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.