Destinada - Hiatos escrita por Mandy Blanche


Capítulo 1
Capítulo 1 Destino Marcado


Notas iniciais do capítulo

Esse primeiro capitulo é um flashback e pode ter mais no decorrer da fic.




Forks: Junho de 1991

Em uma noite chuvosa, o que era totalmente comum devido a cidade em que estavam, sete mulheres andavam em direção a uma floresta. Quem as olhava achavam que eram mulheres aparentemente normais, só que normais era uma das únicas coisas que elas não eram.

Quando chegaram todas elas formaram um circulo em volta de uma delas,que estava grávida e se sentaram,sendo iluminadas pela luz da lua.

-Resolvam isto logo!-disse impaciente a que estava no meio delas. -Sabem que eu não quero isso - disse apontando para a barriga que levava seu filho - Vocês pediram para eu engravidar para vocês também terem uma herdeira, pronto já fiz isso, mas já vou avisando que não vou parar minha vida por causa dela.

Esta era Isabelle Proust, que sempre pareceu comum demais aos olhos de todos mais depois de seus 18 anos virou dona de características incomuns e invejáveis, e era aparentemente a mais bonita de todas aquelas sete com sua pele branca, cabelos castanhos avermelhados que as vezes criavam uma luz própria deixando alguns fios ora dourados como o sol ora prateados como a lua,e olhos profundos que sempre foram cor de chocolate mas depois de seus 18 anos não tinham uma cor definida, ficavam sempre mudando entre o seu natural castanho chocolate,um mel que oras mudava para um mel esverdeado,um azul escuro e brilhante que muitas vezes se assemelhavam a duas safiras e as vezes a duas pedras lápis-lazúli,o que sempre fazia parecer que ela estava usando lentes, e traços delicados que a deixavam parecida com uma boneca de porcelana,lábios cor de cereja e um corpo invejável.Mas era também a que tinha a personalidade mais fria. Isabelle era humana só que tinha duas características incomuns uma delas era a beleza que com certeza não era humana e ela tinha um dom de controlar mentes, podia fazer praticamente tudo com ela sem ser afetada: criar ilusões, apegar memórias,hipnotizar pessoas e quando quisesse,podia ler mentes. Dons que provavelmente iriam para sua filha.

-Isabelle não fale assim! - disse a que estava ao norte - Ela é sua filha, você não sabe o que nós todas daríamos para podermos ficar com ela ou ter nossas próprias filhas!

Essa era Susan Ryan, ela é dona de uma intuição que sempre a diz o que fazer, na verdade esse é seu dom, sem contar sua incrível bondade e alegria. Essa mulher é uma vampira marcada, assim como as outras seis. Ela estava preocupada, o seu mundo estava com problemas e ela assim como suas outras cinco amigas, pois uma delas já havia tido uma filha, estava com medo de não deixar uma criança com seu dom e algumas características de sua personalidade. Por isso tiveram a idéia de que a amiga delas engravidasse já que elas, como outras marcadas, não tinha mais tempo para ter uma criança e deixar para levarem uma vida humana normal e assim que forem marcados os poderes herdados de seus pais se revelavam ou para os pais que não tinham dons simplesmente eram marcados, então ela e suas amigas iam passar seus dons por meio de um ritual para a filha de Isabelle.  

-Quietas as duas vamos começar logo!-disse a que estava fora do circulo .-Não temos tempo para isso vamos começar!

Essa era Lila Raise, uma loura de olhos azuis que parecia uma deusa da beleza.Ela já tinha deixado sua filha um mês atrás para dois humanos.Ela tinha o dom de saber quando os outros estão mentindo e também podia ver um futuro incerto.Era conhecida por ser antipática mas leal e não pensou duas vezes antes de usar seus dons para ajudar as amigas.

Todas elas tirando Isabelle se levantaram se posicionaram.E uma delas começou a falar.

-Deusa Luna nós hoje vamos pedir sua ajuda para presentear um bebe que ainda esta dentro da barriga da mãe com nossos dons e alguma características marcantes nossas pois nos a estamos nomeando como nossa herdeira -disse ela- E gostaríamos de pedir a você que guiasse seus caminhos e a acolhesse como sua verdadeira filha marcada aos 18 anos.

Essa era Mia Johnson uma garota dona de lindos olhos verdes e uma simpatia que conquistava a todos ela sempre via o que os outros sentiam por causa de seu dom a auracinese, que a permitia ver, absorver, enfraquecer e fortalecer a aura de todos.

-Eu Mia Johnson quero passar para minha herdeira o meu dom que é a auracinese para que ela possa sempre saber quem são seus amigos e inimigos. E quero que ela seja abençoada com uma das minhas características a simpatia. Quero que essa minha característica faça parte de sua personalidade. -pediu ela gentilmente colocando a mão no ventre de Isabelle.

A outra que se aproximou foi Meredith Sullivam. Meredith era uma garota muito inteligente, calma e honesta, mas quando ficava nervosa era uma coisa que ninguém queria ver. Seu dom era poder fazer tempestade de raios.

-Deusa Luna eu poderia deixar para ela o dom que você me concedeu mais eu acho que alem de algumas nós estarmos dando alguns dons eu acredito que você quando a marcar como sua filha também ira presenteá-la com seus próprios dons. Portanto o que eu quero que ela herde de mim são valores como honestidade e minha inteligência. Permita que essas características se moldem a sua personalidade. -disse calma com a mão sobre o ventre de Isabelle, mas por pensamentos pediu-‘’Deusa, por favor, não permita que ela herde a frieza e egoísmo de sua mãe, por favor, esse é meu maior pedido’’

-Deusa Luna permita que ela herde meu orgulho e minha personalidade impetuosa, quente e indomável. É só isso que quero que ela herde de mim. Molde essas minhas características  a sua personalidade.-disse uma mulher de cabelos pretos colocando a mão junto a das amigas sobre o ventre .

Esse pedido veio de Callie Torres uma mulher de uma personalidade indomável e fogosa, conhecida por seu dom de poder criar campos de força.Dona de longos cabelos pretos e um lindo par de olhos castanhos.Ela poderia estar bem por fora mas seu maios pedido era que se um dia ainda estivesse viva poder ver essa garota que ela já considerava sua filha de sangue.

Uma mulher de longos cabelos louros dourados e olhos como pedras de água-marinha se aproximou, Aurora, como se chamava parecia uma princesa de tão delicada.

-Deusa Luna quero que essa menina que já considero uma filha de coração herde duas características de minha personalidade, quero que ela seja delicada e justa. Por favor, molde essas duas características minhas a sua personalidade. -disse ela acariciando o ventre onde crescia o bebe de Isabelle.

-Deusa Luna peço que você a deixe herdar de mim duas coisas,minha lealdade e amor,quero que ela seja capaz de amor incondicionalmente e que seja leal com aqueles que estão ao seu redor - disse Susan com um sorriso e lagrimas nos olhos acariciando o ventre.

-Deusa Luna sei que sou só humana, mas também quero lhe pedir algumas coisas,quero que ela herde minha beleza e meus dons, e sei que sou uma pessoa fria e egoísta portanto quero que ela não herde minhas características ruins, quero que ela seja boa e altruísta , e também quente como uma casa segura.-disse Isabelle surpreendendo a todas.

-Então pedimos que concedesse nossos pedidos e cuide dela Luna nunca a deixe sozinha - disse Meredith

-Abençoada seja- disseram juntas.

Então uma luz prateada as cercou depois cobriu o ventre de Isabelle formando uma luz intensa no céu. Naquele instante elas sabiam que seus pedidos haviam sido atendidos.

-Quando vai ser Lila?-perguntou Aurora

-Ela ira nascer dia doze de setembro, vocês irão deixá-la no berçário do hospital dia treze,uma família ira perder o bebe depois de nascido.-disse Lila

-Daqui três meses então. -disse Isabelle

-Lila, por favor, sabe qual vai ser o nome dela ?-perguntou Mia

-Sei. Vai ser Swan. Isabella Marie Swan.

Elas sorriram imaginando como sua ‘’filha’’ seria.

Nesse momento o destino de Isabella estava marcado para sempre

 



Notas finais do capítulo

Deixem reviews.
Vou postar outro capitulo o mais rapido possivel.
Beijooos