I Will Never Give Up On You escrita por JTLYNCH


Capítulo 41
Novo Bebe


Notas iniciais do capítulo

OI GENTE, CAPÍTULOS DE HOJE..
ESPERO QUE GOSTEM, SEI QUE ESTAVAM ESPERANDO MUITO POR ISSO E FINALMENTE CHEGOU!!
APROVEITEM.........



Como isso pode estar acontecendo?!

 As chances eram de um por cento!

 Não é possível que um por cento tenha sido o bastante pro peeta conseguir me engravidar. Como isso pode ter acontecido, achei que seria impossível.

 E agora?

 O que vou fazer? Se minha mãe souber vai surtar, não sei o que meu pai vai pensar, minha família, gale e o peeta? Acho que ficara feliz.

 É isso que espero.

Não acredito! Como não percebi?

 Estava passando mal direto mais achei que era por outra coisa.

Começo a chorar sem saber o que fazer.

—katniss-diz prim na porta

—sim prim

—ta tudo bem? o bebe já parou de chorar?

—sim, eu estou o colocando pra dormir e já vou, mas não entra.

—tudo bem

Continuo chorando e olho para o bebe adormecido em meus braços

— suspiro-

 O posiciono na cama junto com travesseiros em volta e fico o olhando.

Eu sei que foi em uma péssima hora, mas, só de pensar que uma coisinha dessas está dentro de mim, me cobre de felicidade; principalmente por ser de peeta. Consigo dar um sorriso em meio ao choro e olho pra minha barriga.

 Passo a mão

 Sorrio

 Não acredito que seja verdade, eu achei que isso nunca aconteceria na minha vida e ta acontecendo.  Olho pro bebe, pego sua mãozinha, dou um beijo e acaricio seus cabelos.

 Ele é tão lindo, espero que esse bebe também seja, se puxar peeta com certeza vai ser.

Fico muito tempo olhando pra ele com a mão na barriga ate prim me chamar de novo.

Levanto, vou ate o banheiro e lavo o rosto pra não perceberem que chorei, seco e saio do banheiro.

—o bebe dormiu?

—sim, consegui o fazer dormir.

—como?-questiona peeta

 Respiro fundo

 Vou ate ele

 -eu o amamentei-digo, ele arregala os olhos, para o carro e me olha.

—como fez isso?!

—eu acho que estou gravida-digo, ele fica em choque e um segundo depois levanta e me abraça apertado, me fazendo rir.

—tem certeza?

—não. Mas eu vomitei, fiquei passando mal e estou tendo leite então acho que sim, sim estou.

—eu vou ser tia?-questiona prim, concordo e ela vem me abraçar.

 Peeta me beija com muito amor e sorrio.

—isso incrível amor, não acredito!

—eu sei, estou em choque. Achei que era impossível, mas conseguimos quebrar o um por cento de chance-digo, ele me abraça apertado, me beija apaixonadamente e sorrimos.

—vamos ter um bebe?

—sim, nos vamos.

—eu não acredito, eu te amo muito-diz eufórico.

—eu te amo mais

—nossa! Já temos praticamente três filhos-diz peeta e assinto também assustada,  mais logo o medo passa, ele me abraça e sorrimos-esse é dos momentos mais felizes da minha vida.

—porque não o mais feliz?

—bom, tem a vez que te conheci; que beijei você; que te pedi em namoro; casamento e quando nosso bebe nascer..-diz e rio, o beijando muito

—eu te amo amor. Não acredito que é verdade!

—só você-diz me beijando

 Posiciona sua mão, levemente, sobre minha barriga e levanta a blusa devagar, abaixando e deixando um beijo.

Sorrio

—eu posso passar a mão?-questiona prim, concordo e ela passa a mão em minha barriga -oi bebe, eu sou sua tia irmã-diz nos fazendo rir, peeta me beija e ouvimos um chorinho.

—isso é tão incrível! eu não consigo explicar o que to sentindo agora.

—se acalme amor. Precisa se acalmar.

—eu to calmo, to calmo –diz pulando e rio, o beijando.

—eu to vendo-digo irônica.

—eu preciso ver o bebe-diz me beijando e sai indo pro quarto

 Prim continua suas caricias em minha barriga e me da um abraço apertado.

—obrigada katniss

—pelo que?

—por trazer alegria, peeta estava somente triste, desanimado, grosso; nada do que era antes. E agora ele esta super feliz, animado, sorrindo, carinhoso e tudo por sua causa. Obrigada katniss-diz e rio

—por você também prim, ele te ama.

—ele também te ama e muito.

—eu sei-digo concordando feliz e peeta aparece com o bebe chorando

 O pego, começo a acalma-lo e peeta me beija.

—preciso dirigir agora! Vamos ter que ser mais rápidos ainda.

—porque amor?

—já temos três crianças pra proteger-diz e rio, o beijando.

—tudo bem mais se acalma

—eu to calmo, eu to-diz não me convencendo e lhe dou mais um beijo.

 Ele vai dirigir

 Fico conversando com prim sobre tudo que vamos ter que fazer com o bebe

 O bebe em meus braços amolece, demonstrando estar com sono; fico o ninando ate ele dormir e o coloco no quarto.

Peeta não parou um minuto, ele quer continuar dirigindo pra poder chegar lá o mais rápido possível. Eu acho tão fofo o jeito que ele esta animado com á noticia.

 Vou fazer o jantar

 Prim esta jogando, peço pra por a mesa e ela vai colocando enquanto vou fazendo a lasanha, que parece deliciosa. Quando termino vejo que não tem onde assar, então coloco a forma no fogo e deixo esquentando, sempre olhando pra não queimar e consigo cozinhar a lasanha.

 Coloco na mesa e prim pega uma coca

Vou ate peeta, o abraçando e ele sorri, me fazendo sorrir.

—amor o jantar esta pronto, vem comer.

—eu não to com fome amor.

—você precisa e eu fiz lasanha pra comemorar

—ta tudo bem-diz rindo e para o carro

Abraça-me, me dando um beijo, sorrimos e vamos á mesa.

—preciso ver o bebe

—rápido amor-digo, ele concorda, me beijando e vai.

 Rio

Ele volta e nos serve

—nossa! ta tão bom amor.

—é katniss, quero mais um pedaço.

—que bom que gostaram-digo, peeta me beija e passa o braço por mim, posicionando sua mão sobre minha barriga.

 Rio, o beijando.

Conversamos-nos animados sobre a chegada do bebe, mesmo não sabendo quando ele vai nascer, quero fazer tudo dar certo. Afinal, é nosso filho, nosso terceiro filho.

 Ainda não acredito, mais é sim e eu não podia estar mais feliz; tenho a família que sempre quis; filhos, um marido que me ama muito e eu o amo demais, muito amor e felicidade....

Não tem nada melhor que isso.



Notas finais do capítulo

—JT.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "I Will Never Give Up On You" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.