I Will Never Give Up On You escrita por JTLYNCH


Capítulo 10
Arco e Flechas


Notas iniciais do capítulo

VOU DAR UM EXTRA PRA VO6 HOJE, APROVEITEM.....



Acordo suspirando

 Abro meus olhos devagar ,vendo que já não estou mais com peeta mais sim na minha cadeira e olho pra trás

—bom dia katniss-diz prim sorrindo

—bom dia-diz peeta  e assinto

—bom dia

—o que você quer de café, sopa ou sopa ?-diz prim e rio

—tanto faz

—então sopa-diz peeta pegando a lata já aberta e me entregando

 Agradeço, sentindo um choque ao sentir seu toque na minha mão e começo a comer normalmente

—o que vamos fazer hoje ?

—ir embora

—peeta-diz prim triste, ele a olha e depois pra mim que suspiro

—ta-diz, ela pula animada e o abraça, fazendo ele sorri e meu coração da um salto

Desvio rapidamente

—vamos dar uma volta ?

—prim, não sabemos o que pode ter aqui

—então pode levar uma arma, vai peeta, por favor

—ta certo, vamos-diz pegando sua arma

 Termino de comer, colocando minha lata na sacola que já esta bem cheia.

 Tenho que jogar fora

Saio do carro, pego a sacola e procuro por um lixo. Jogo apenas o conteúdo e coloco a sacola de volta

—vem katniss, vamos-diz prim me puxando e rio a seguindo

 Peeta vai na frente  armado revistando o local e nos vamos atrás

—dormiu bem hoje katniss ?

—sim, por quê ?

—esta com uma aparência bem melhor

—foi uma boa de sono, apenas isso-digo sentindo o rubor em minhas bochecha e posso jurar ter visto peeta rindo mais volta a olhar pra frente

—olha aquilo ali-diz prim pra um tipo de lugar com vários alvos e algumas armas

 Ela corre e peeta a pega

—não, você é muito pequena pra essas coisas

—peeta, por favor, é apenas armas inofensivas

—certo, pega a menor, somente pra atirar

—já sei, o arco-diz pegando e peeta a ajuda a mirar

 Fico observando, ela atira mais não acerta no alvo e tenta de novo, mais não da certo

—você tem que firmar-digo atraindo a atenção dos dois

—sabe mexer com  isso espertinha

—melhor que você-digo levantando

 Vou ate as armas, pego um arco, algumas flechas e volto ate os dois

—duvido

—sou muito boa

—mostra katniss-diz prim animada

 Me preparo,  colocando o resto das flechas no chão. Pego uma colocando no arco e me preparo  -respiro fundo- antes de atirar e acertar no meio

—uauuu-diz prim e rio-você é demais-diz me abraçando

—não sabia que era boa nisso

—tem muita coisa que você não sabe sobre mim

—eu sei disso agora-diz e rio

—acho que você me deve desculpas

—não sei do que ta falando

—é verdade peeta você disse que ela não sabia-diz prim e concordo

—ta, tudo bem. você é boa katniss, feliz ?

—não sabe o quanto. Agora é sua vez-digo estendendo o arco e ele franze a testa

—o que ?

—a vamos peeta, nos já atiramos é sua vez

—vou machucar alguém

— tenta provar que é melhor que eu

—isso eu consigo-diz e rio

 Ele pega as coisas da minha mão e tenta colocar a flecha no arco mais não consegue, prim e eu rimos e vou ajuda-lo

—é assim que se coloca-digo mostrando

—eu já sabia-diz convencido e rio

—claro que sim -digo e esperamos ele atirar

A flecha passa longe e eu e prim rimos

—muito engraçado-diz e rio

—você abaixou muito o braço

—como ?-diz se arrumando e vou ate ele, arrumando seu braço e sinto meu corpo tomar um choque enorme, quando ele fica reto me afasto

—atire agora-digo , ele atira e consegue atirar no alvo na ponta

—consegui-diz animado e rio

—muito boa

—muito bom peeta-diz prim o abraçando e ele ri a pegando nos braços e a abraça apertado, fazendo ela rir

—obrigada katniss por essa aula, mais acho melhor eu continuar com as armas e você com as flechas

—acho que sim-digo indo pegar de sua mãos e acabamos encostando de novo, mais dessa vez nos dois trememos

—ta frio aqui ne

—é acho que sim-digo concordando

—não to com frio-diz prim

—vamos andar mais um pouco-diz e concordo

Andamos por grande parte do acampamento,  tem tanta coisa aqui, ate conseguimos encontrar uma sala de jogos mais sem energia. O que nos deixou apenas com  o pebolim 

Peeta segura prim pra jogar comigo, ela ganha a maioria, porque peeta gira algumas bem rápido pra ela que acaba com a pontuação máxima e eles trocam um hifi-v

—vocês trapacearam!

—não trapaceamos não

—você que perdeu

—foi dois contra um, eu mereço uma revanche

—certo prim, fica no chão. É minha vez de jogar com a katniss-diz peeta e prim fica no meio em cima de um banquinho e começamos a jogar

Devo admitir que peeta é bom, ele ama enganar e bolar estratégias pra poder pegar o melhor trajeto pro gol, mais  eu também sou boa em estratégias e bloqueio muitas de suas bolas e ficamos empatados

—agora o desempate

—temos que deixar mais interessante

—como ?

—o vencedor vai..

—dirigir

—o que ? não

—a vamos, eu quero muito dirigir e eu sei que você já deve ta cansado disso

—você pode acabar perdendo o controle

—eu consigo e então temos um trato ?-questiono estendendo a mão e ele suspira

—certo, apenas por dois dias

—três dias

—dois

—5 dias-diz prim do nosso lado e rimos

—certo 5 dias, você não vai ganhar mesmo-diz dando de ombros

Ele coloca a bolinha e começamos a jogar, eu lanço muitos pro seu gol mais ele me barra  e tenta sempre ultrapassar, mas sou esperta demais pra deixar. Ficamos muito tempo indo de um lado pro outro, ate que por um descuido peeta solta o goleiro, eu chuto a bola com um jogador e ele tenta rebater mais já é tarde

—eu ganhei-digo animada e começo a pular

—isso foi trapaça

—não foi não-diz prim

 Vou ate ela a pegando nos braços e começo a pular  e gritamos ’’ ganhei, ganhei’’ e peeta fica nos olhando e acaba rindo

—certo, você ganhou katniss

—claro que ganhei, agora me da a chave

—do meu carro-diz triste, concordo e ele suspira-te dou depois quando formos embora amanha

—vamos agora, mal posso esperar pra dirigir

—não, eu quero mais uma noite de fogueira antes de ir-diz prim fazendo um bico fofo e acabo concordando

—mais somente essa noit,e porque a katniss ganhou-digo dançando com ela que gargalha e peeta ri

—vamos voltar pra fazer a fogueira

—com marshmallows

—acabaram os marshmallows, a katniss comeu todos

—eu não comi não

—comeu sim. Agora vamos-diz pegando prim

 Pego meu novo arco e as flechas e saímos da sala de jogos

Olho pro lado vendo que tem um banheiro

—gente  –digo e eles param me olhando-preciso ir ao banheiro

—consegue voltar sozinha?

—consigo, podem ir-digo e peeta concorda indo com prim

Vou ate o banheiro, abro a porta devagar e vejo que esta vazio e uso

Fico ouvindo um barulho estranho e fico com medo, acelero, já levantando e me armo com meu arco. Abro a porta devagar  e não vejo nada

 Ouço algo bater e vejo  um zombie preso atrás dos banheiros e me apavoro

 Vou andando pra trás devagar, ate que sinto uma mão encostar em meu ombro

 Tomo um susto e antes que eu possa ver, alguém me puxa pra trás e coloca a mão na minha boca e vejo uma senhora com um rifle e um cara com cara de maluco

—quem é você ?

—katniss, sou katniss-digo desesperada.

—o que faz aqui ?

—eu só, eu só....

—responde-diz grossa

— só estava usando o banheiro

—essa é minha área

—tudo bem, eu entendo. Me deixe....

—agora não podemos bonitinha-diz o homem com cara de doido-você chegou, precisa ficar com a gente-diz e nego

—não, eu quero ir embo..-digo e a mulher me bate

 Quando vou atirar nela, ela pega meu arco e me empurra, me fazendo cair no chão

—leve ela pra eles

—não, não!

—vai ficar com a gente ?

—vou, vou sim-digo concordando e eles sorriem

—que bom, então levante devagar e não tente nada-diz e levanto devagar –pega a faca-diz pro homem

Quando ela olha pro lado, lhe dou um chute a fazendo ir pra trás com força e bater contra uma mesinha e cair no chão. O homem vem ate mim e dou um soco nele, mais ele pega meu cabelo e seguro seu braço com minhas duas mãos, dou um piso forte com meu pé, tentando quebrar mais não da certo  

A mulher levanta, vindo ate mim e enfio minhas unhas no pescoço do homem que grita, pulo nela a derrubando no chão. Ela começa a me bater e me prende no chão

 Tento me debater mas ela me bate de novo

—katniss-ouço a voz de peeta e ela sorri

—parece que temos mais um, vai pegar-diz pro homem

Penso na primeira coisa que  me resta e consigo soltar minha mão, pego uma flecha e rapidamente enfio em seu olho e a chuto, fazendo ela sair de cima de mim, gritando. O homem tenta vir ate mim, peeta aparece e da um tiro nele e me ajuda a levantar.

 Pego meu arco e flechas e saímos correndo

Entramos no carro e peeta acelera

—o que aconteceu, o que..

—vai peeta, rápido, rápido-digo desesperada e ele acelera

 Saímos do acampamento, vou acalmando minha respiração com meus batimentos acelerados

—o que foi ?

—nunca mais vamos acampar



Notas finais do capítulo



—JT.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "I Will Never Give Up On You" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.