Crepúsculo 2.0. escrita por Erin Noble Dracula


Capítulo 29
Exposição




P.O.V. Diretora Fizpatrick.

Meu filho me contou que uma das intercambistas tem uma incrível coleção de artefatos históricos e todo ano há esta exposição realizada pelo departamento de história.

—Senhorita Mikaelson, uma palavrinha?

—Pois não?

Ela já fez uma cara de desgosto.

—Meu filho me disse que você tem uma vasta coleção de artefatos históricos e estava me perguntando se não nos emprestaria alguns deles para a exposição anual.

—Isso não é uma boa ideia.

—E porque não?

—Porque se alguma coisa der errado, se o tiro sair pela culatra vai ser minha responsabilidade.

—São apenas artefatos, que mal podem fazer?

—A senhora ficaria surpresa e não de um jeito bom.

—Ora, vamos nada de ruim vai acontecer. Todos os artefatos ficam trancados atrás de vitrines.

—Eu não sei não. Da última vez que um mundano pegou num dos "artefatos" da minha família um monte de gente morreu carbonizada.

—Que tal, você pensar a respeito. Temos um mês.

—Tudo bem. Eu vou pensar, mas eu não prometo nada.

Felizmente ela concordou.

—Tenha cuidado Diretora Fitzpatrick. A senhora não faz ideia do que estes artefatos são capazes. E vai por mim, você não quer descobrir.

Ela me emprestou os artefatos com as suas respectivas histórias, datas e lendas todas catalogadas.

Haviam diversos livros, adagas, espadas. Vários visitantes vieram e se interessaram pelos belos artefatos.

—Onde conseguiu todos estes artefatos, Senhora Fitzpatrick?

—Alguns deles foram emprestados por uma de nossas alunas de sua coleção particular.

De repente, alarmes começaram a soar.

—O que aconteceu?

—Senhorita Mikaelson, tenha calma. Deve ser apenas um alarme falso.

—Espero que seja, mas eu não gosto de contar com a sorte e estou com um mal pressentimento.

Ela começou a caminhar pelos estandes até que parou.

—A Espada de Ranya. Eu sabia que era uma má ideia! Malditos Mundanos!

—Eu ouvi o alarme de longe. O que aconteceu?

—Alguém pegou a Espada de Ranya Petrova.

—A caçadora?

—Ela mesma. Isso não é bom, Hope. 

—Vou querer saber porque não?

—A lâmina é encantada. Nas mãos de outro que não um Petrova, ela quer matar. Não importa se é humano ou não.

—Isso é... mal.

—Você acha? E quer saber qual é a pior parte? Essa não é a pior parte. As almas dos que morrem pela lâmina de Ranya ficam presas dentro da pedra.

P.O.V. Clary.

Hope e eu fizemos um feitiço de rastreio e a lâmina ainda está aqui.

—Está se aproximando de nós.

Peguei uma lâmina serafim. Então, apareceu aquela figura...

—Charles Carlton? 





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Crepúsculo 2.0." morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.