Conflict Between gods escrita por Mateus R S


Capítulo 3
Capítulo 3: Aviso?


Notas iniciais do capítulo

Espero que gostem do capitulo :D, demorou um tempo para eu postar pois estou modificando algumas coisas para se encaixar com o final da historia.
Comentem o que acharam.



Após o ataque da Valquíria, Athena suspendeu o Treinamento por alguns dias para não começarem a falar que ela não se preocupava com a vida dos jovens. E Leyla que não conseguia pensar em outra coisa a não ser aqueles “anjos” corrompidos decidiu pesquisar sobre as Valquírias, e quem sabe ajudar Athena em algo.

Depois de olhar vários e vários livros Leyla encontrou um livro que falava apenas de seres de origem Nórdica, então não foi difícil achar uma página que falasse sobre as Valquírias, mais como esperado não se sabia muito sobre as Valquírias corrompidas, mesmo assim Leyla resolveu mostrar algumas daquelas coisas a Athena.

    - Athena! – Disse Leyla se aproximando de Athena.

    - Leyla?, o que deseja?

    - Sei que não devo me intrometer no assunto mas... Acho que posso... te ajudar?

     - Há e como?

    - B-Bem eu fiquei horas procurando em livros algo sobre as Valquírias, eu até achei mais muito pouco sobre as Valquírias corrompidas... – Disse Leyla entregando o livro a Athena.

 Athena da uma boa olhada nas paginas, lendo atentamente Athena coloca sua mão em seu queixo dizendo:

   - Bem... como você disse esse livro fala quase nada sobre as Valquirias corrompidas que é nosso foco.... Mas diz no livro que Valquirias de Luz vivem em templos onde a Luz do sol “sempre” bate, e existe uma teoria que diz que a Valquírias corrompidas vivem em lugares oposto.

     - Então um lugar onde a Luz do Sol não alcançaria?

     - Mais ou menos isso... Então isso não foi totalmente inútil se é o que você estava pensando ... – Diz Athena devolvendo o livro a Leyla.

     - Ok mais... existe lugares a onde a luz não toque?

     - Existem lugares que chegam perto disso e eu sei por onde começar.

  Athena e 4 soldados até uma Vila abandonada que não era tão longe dali, tudo que tinha lá tinha sido destruído durante a batalha de Zeus contra Odin,  os estragos foram tantos que ninguém conseguiu reconstruí-la , fazendo dela um ótimo lugar para um Valquíria corrompida “se esconder”.

  Ao entrarem na Vila, começaram a procurar alguma pista ou algo que os levasse até os garotos desaparecidos, um bom tempo depois Athena já estava pensando em voltar a Atenas, pois a Vila era bem maior do que eles imaginavam, e ela teria voltando se não tivesse escutando vozes “infantis” dizendo:  

    - Mais já vão?...

    - Fiquem mais um pouco....

  Por mais que fossem vozes “infantis” também parecia que uma voz totalmente Sombria, e sem falar que Athena e os Soldados escutavam as vozes mas não viam quem dizia aquilo, até  que...

    - Quem esta dizendo isso! – Disse Athena tentado descobrir o que era aquilo.

 Não demorou muito para os dois garotos aparecerem, mais sua aparecia não nada agradável,com suas roupas braços e pernas cheias de sangue, sua pele estava totalmente pálida, seus olhos estavam totalmente brancos, parecia que alguém os tinha torturado ou feito algum tipo de experiências.

     - Nós os achamos – disse um soldados – vamos levá-los? – perguntou ele a Athena

    - Não... – disse Athena tentando entender o que tinha acontecido com eles.

    - Mas como assim, o que falaremos aos pais deles?!.

   - Só digam que chegamos tarde...é-é invente algo!!!...Não podemos levá-los sem saber o que eles tem e se pode contagiar os outros.

    - Mas deixarmos eles aqui!...talvez eles podem estar mortos amanhã.

    - Apenas obedeça!... Eu não levá-los.

 Observando  Athena indo embora um dos Jovens diz:

    - Você pode correr dela Athena...... Mais não pode ser esconder.

  Apesar daquilo ter intrigado Athena ela foi embora sem olhar para trás.

                                          

                                        ***

Chegando em seu Palácio Athena logo se depara com Leyla que logo pergunta:

    - Então conseguiram?!....Aonde eles estão?! – Ela pergunta ansiosa.

   - Leyla!... – diz Athena a segurando pelos ombros – Não chegamos a tempo...eles estão mortos – Athena diz isso fingindo estar triste

   - Ah.... eu.... sinto muito – Leyla diz isso vendo a “tristeza” de Athena.

  Leyla vai para seu quarto deixando Athena “sozinha” no saguão no palácio.

   - Você teve mesmo a cara de pau de mentir para ela não é mesmo – disse Afrodite entrando no saguão.

   - Sabia que você também estaria me esperando... como soube?

   - Um dos seus soldados acabou de me contar.

   - Aff... Maldito!...

 - Não se preocupe, não vou espalhar a noticia, afinal seria tão engraçado, seria melhor quando Leyla descobrisse a verdade.

  - Cale sua boca!! – diz Athena se segurando para não bater em Afrodite.

  - Não vou contar nada, relaxe... mais não significa que você não precise se preocupar.

     - Isso é uma ameaça?

    - Não de maneira alguma!... Mais o recado que aquele garoto te deu deve ser muito mais que um recado, deve ser um aviso... – diz Afrodite se aproximando de Athena

     - Aviso... mais de quem eles estaria falando? 

   - Você tem vários rivais Athena: Medusa,Scylla. É difícil saber qual deles ou delas causou tudo isso... Mais você só tem uma jurada de morte.

    - Impossível... ela desapareceu... ou esta morta?...

   - Nem você sabe o que aconteceu de verdade com ela Athena, então nada é impossível... Nada...

 



Notas finais do capítulo

Gostaram? Comentem o que acharam ok?!... E já sabem de quem Afrodite estava falando... ,Provavelmente os que manjam das mitologias já devem saber né?! HAHA!
Obrigado por ter lido :D



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Conflict Between gods" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.