Tinder escrita por Rafa Borges


Capítulo 2
Um bom jantar acompanhado de uma ótima taça de nervosismo


Notas iniciais do capítulo

GENTE! MEO DEOS!

Voltei com um mini capítulo - sério, tenho vergonha do tamanho que ele está, mas, é importante pra história -, mas, voltei! o/

Eu queria agradecer a todos que comentaram... Honestamente falando vcs melhoraram minha vida em 500%.
Qnd eu via gnt flnd q ama um cantor ou um youtuber ou whatever por alegrar o dia dele e impedir dessas pessoas de cometerem algo absurdo, n fazia o menor sentido pra mim; mas, ultimamente vem acontecendo tanta merda pra mim q nem escrever eu sentia vontade mais.
Ent, decidi postar Tinder, do nada. E recebi um feedback tão bom, tão maravilhoso, de pessoas q leram 1.200 palavras q EU escrevi no meio de uma aula chata na faculdade e falaram tão bem da MINHA escrita... Isso me deu um gás tão grande q simplesmente n consigo parar de escrever ou pensar no enredo de qlqr história q eu escreva

Então, muito, muito, muito obrigada mesmo por comentarem, favoritarem e acompanharem! Mal conheço vcs, mas já amo pakas! =)

CHEGA DE ENROLAÇÃO!

Boa leitura ^-^ .



Naruto andava pelo apartamento conferindo cada detalhe. Já tinha perdido a conta de quantas vezes tinha checado o odor de suas axilas e o hálito. Ele tinha mais dois chicletes no bolso. Esperava que eles durassem até que ela chegasse.

O relógio da cozinha – que era conjugada com a sala onde ele estava – marcava 20:17. Faltavam exatamente 13 minutos para a hora marcada.

O loiro passou as mãos pelo cabelo e começou a andar de um lado para o outro na sala.

“Você é muito desastrado. Tem certeza que quer fazer isso no seu apartamento? É mais seguro ir a um restaurante.”, a lembrança de Sasuke zombando sua ideia lhe fez parar de andar imediatamente.

O maldito Uchiha estava certo. Ele era muito desastrado.

Esse pensamento o fez sentar-se no sofá. Logo começou balançar a perna direita, nervos.

Por que tudo aquilo?

Bem, era seu primeiro dia dos namorados  NAMORANDO.

Então você pensa: “O quê?!”

Veja bem: não era que Naruto nunca tivesse namorado em seus 28 anos de vida. Mas, o homem não era muito adepto a relacionamentos, ou os relacionamentos não eram muito adeptos a ele. O fato é que ele namorara apenas cinco vezes, nenhuma delas duradoura, para o desespero de sua mãe.

No entanto, depois de 10 meses, 23 dias e 13 horas de namoro com a garota o Uzumaki já tinha se decidido sobre sua situação. E não. Naruto não a pediria em casamento. Pelo menos não naquela noite. Por mais certo que ele estivesse de sua decisão ser passar o resto da vida ao lado de uma só mulher, o loiro não estava certo de que a mulher iria querer passar o resto de sua vida ao lado dele.

O primeiro obstáculo para essa certeza estava naquela noite. Na noite do dia 12 de junho: o famigerado Dia dos Namorados.

Esse era o principal motivo de tanto nervosismo.

Sim. Como dito antes, era seu primeiro dia dos namorados em um relacionamento, eu que ele queria acreditar que não terminaria solteiro.

Essa era sua sina. Todas as suas ex-namoradas, sem exceção, terminaram com ele naquele fatídico dia.

Se sua atual amada não o chutasse naquela noite, seu tabu estaria rompido, e a primeira fase do plano “Juntar os Trapos de Naruto com Outra Pessoa” estaria concluído. Agora, só faltavam outras 15. Que ele não iria cumprir todas obviamente. Aquela baboseira toda tinha sido ideia de Shikamaru.

Os olhos azuis voltaram-se novamente para o relógio na cozinha. Faltavam três míseros minutos e o amor de sua vida – porque definitivamente ela era – poderia dar o fora mais doloroso e cruel de todos os foras dolorosos e cruéis da história de foras dolorosos e cruéis.

—Acalma o brioco, Naruto! – ele disse para si mesmo.

Naruto passou o olhar pelo apartamento. Tudo estava em ordem. E ele esperava que continuasse assim.

 

 

 



Notas finais do capítulo

Não me matem!!! Eu sei q tá muuuuuuito pequeno Ç-Ç

Me desculpem! Mas, oh, o próximo capítulo vai sair amanhã ou quarta, Ok? Ok.

Comentem oq acharam do capítulo! E podem fzr teorias, eu deixo XD

Bjos e xeros



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Tinder" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.