A Woman Named Sherlock escrita por Jupiter L


Capítulo 2
O Mistério do Café


Notas iniciais do capítulo

Obrigada a todos que comentaram no capítulo anterior, espero que curtam o cap de hoje. A imagem é do Pinterest, uma das várias que me inspirou.

Palavra do dia: Fatíloquo (que prediz o futuro, profético).



Havia pouquíssimo café. Joan estranhou não ter percebido antes. O açucareiro vazio estava na pia, mas Joan não queria açúcar, e não se atrevia a abrir a geladeira desde que encontrara um pote de falanges amputadas, um “experimento” de Sherlock.

Num fatíloquo palpite, Joan foi à sala. Sherlock debruçava-se diante de cinco livros abertos na mesa de centro.

— Já acordada? É meio inacreditável…

Sherly ergueu os olhos, confusa, piscando para mudar o foco de sua atenção. Tinha o cabelo bagunçado e o roupão estava aberto.

— Já amanheceu?

Grãos brancos e quatro xícaras vazias na mesa resolviam inteligivelmente o mistério do café.



Notas finais do capítulo

Obrigada por ler ♥
Fanart: "sherlock and femlock", do artista mformadness no site DeviantArt



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A Woman Named Sherlock" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.