Love Will Find A Way escrita por avause


Capítulo 13
Capítulo 13 - Unforgettable




Taylor POV

 

— Tayloface, tô te falando. Você deveria falar com a ruiva.

— Eu sei Natasha. Já me decidi que vou falar com ela, só não sei quando.

— Não pode ser. Milagres acontecem!

— Deixa de ser besta Natasha.

Estávamos num barzinho junto com Yael jogando papo fora.

— Só não tente essa semana. Eu gravei umas cenas com ela e Laura me disse que não esta muito legal. Disse que é TPM. – Yael comentou.

— Não será essa semana, mas espero que seja em breve.

— Finalmente a Schilling vai criar coragem para falar com a fera. – Olhei para uma cara de tédio pra Lyonne.

— Natasha, deixa ela. Vou ao toalete, já volto. – Yael se levantou e foi em direção do banheiro feminino. Reparei no olhar que a Natasha fez ao ver a outra se afastando.

— E esse olhar aí para Yael?

— Que olhar Taylorface?

— Esse de quem tá apaixonada por ela e fica atrás da moita por medo.

— Eu não estou apaixonada por ela, eu só estou admirando a paisagem.

— Sei. Esqueceu que eu fazia a mesma coisa com a Laura? Quer saber a minha opinião?

— Não. – Natasha comentou.

— Vou falar mesmo assim. Você deveria arriscar, a Yael é uma pessoa adorável e está na cara que ela gosta de você.

Lyonne bebeu um pouco de sua cerveja enquanto eu dei um gole no meu suco. Ficamos esperando Yael que demorou mais do que o necessário.

— Acho que vou ver onde a Stone se enfiou. – Natasha comentou.

— Vou ficar por aqui.

Natasha se levantou e deu um volta pelo local e foi até o banheiro. De longe vi o tom de voz de Natasha aumentar, levantei-me e vi o que estava acontecendo. Ela começou a bater boca com um cara que estava dando em cima de Yael.

— Não se aproxime dela seu babaca. Ela não quer nada com você e você fica insistindo.

— Não tenho culpa se a roupa dela prova o contrário. – O cara comentou.

— Escuta aqui seu monte de esterco. Roupa não prova nada. Homens e suas manias de definir o que roupa de mulher prova alguma coisa, que chama a atenção e que isso é um “sinal” que ela está dando em cima dele.

— E quem você pensa que é? – O cara perguntou. Vi Natasha me olhar como se quisesse me dizer alguma coisa e eu sabia o que era. Ela iria fazer isso.

— Eu sou a namorada dela. E se você não der o fora daqui eu vou te chutar até a rua seu escroto.

Fiquei pasma com o comentário de Lyonne e que no fundo eu sabia que tinha uma gotinha de verdade. Ela estava mesmo a fim de Yael. O cara se afastou e Lyonne e Yael retornaram a mesa de mãos dadas. Fingi que nem reparei nesse pequeno gesto das duas. Dei um gole em meu suco e vi exatamente ali o que eu precisava: uma dose dupla e outra extra de coragem para falar com alguém que sempre será inesquecível para mim.  





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Love Will Find A Way" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.