04. Pokemon Intense Battle escrita por Lissilipe


Capítulo 14
Areia de mais, tesouro de menos




   Isaac, Zack e Sara seguiam exaustos por sua jornada e o tipo de solo que tinham que enfrentar não estava ajudando muito. Caminhavam por um escaldante deserto por quase 1 hora e sem sinal de água ou vida.

Isaac - Tem certeza de que não temos outro caminho para a Cidade de Ventura?

Zack - Infelizmente, é o modo mais rápido. Caso contrário, deveríamos contornar o deserto, o que poderia levar dias.

Sara - Vejam. Ali! É uma cidade?

   Realmente, o lugar para onde Sara apontava tinha casas e pessoas caminhando de um lugar para outro. As ruas ainda eram cobertas pelas mesmas areias vermelhas do deserto, mas havia uma belíssima fonte de água no que parecia ser o centro do povoado, onde algumas crianças brincavam e outras simplesmente bebiam. Os garotos avançaram felizes para ela, onde puderam saciar sua sede.

Isaac - Onde estamos?

Zack (consultando o guia) - Povoado de Litera.

Sara - Como todas essas pessoas conseguem morar aqui?

Voz - Estamos aqui a trabalho.

   Eles se viraram para encarar um homem vestido com inconfundíveis trajes de escavador.

Homem - Meu nome é Silas. Sou um dos cientistas que se mudaram para cá a 2 anos.

Sara - Não tinha nenhum lugar melhor para se passar o tempo não?

Silas - Esses 2 anos não foram exatamente férias. Fundamos esse povoado para nossas famílias e desde então estamos em busca do famoso tesouro escondido por Jarbas, um temido bandido que morreu nesse deserto.

   Gina, Doddy e Chatot, que estiveram roubando algumas frutas expostas perto dali, pararam imediatamente o que faziam, interessados, ao ouvir a palavra “tesouro”

Isaac - Então todas essas pessoas são as famílias dos cientistas que vieram para cá ajudar na busca?

Silas - Exato. Percebemos que seria uma longa jornada, então decidimos trazê-los para morar aqui de uma vez.

Zack - Tem alguma pista de onde possa estar o tesouro?

Silas - Talvez. Sigam-me.

   Ele os conduziu até uma estatueta de pedra que mostrava um homem ao lado de um pokemon com cara de mal.

Silas - Esse homem é Jarbas e esse é seu fiel escudeiro, Larvitar.

Pokedex - Larvitar: Seus pais botam o ovo debaixo da terra. Sendo assim, ele deve comer o seu caminho através do solo acima e alcançar a superfície. Seria capaz de comer uma montanha se fosse preciso. Em seguida, dormiria para que pudesse crescer.

Isaac - Ideal para um lugar como esse.

Silas - Sim. Em seu leito de morte, Jarbas pediu a Larvitar que escondesse o tesouro. Por ser um otimo escavador, temos serias desconfianças de que possa estar enterrado.

Sara - Nunca irão achar em um deserto como esse?

   Silas atirou uma pokebola para o alto e liberou um Larvitar.

Silas - Capturei-o a pouco. Acho que ele poderia ajudar escavando.

Isaac - Otimo. Ireemos ajudar você!

Sara e Zack - Iremos?

   Gina e Doddy, que ouviram toda a conversa a distancia, sorriram maliciosamente um para o outro e se afastaram de fininho.

   Silas, os garotos, Eevee e Larvitar partiram num jipe pelas areias. Larvitar ia pendurado na capota, olhando, olhando atentamente de um lado para o outro, quando algo colidiu bruscamente com o chão. Houve uma poderosa explosão e o carro foi atirado longe.

Silas- O que foi isso?

   Todos olharam para o alto, encarando o balão em forma de Snubbull.

Gina - Escuta! É a voz dos pirralhos que eu ouço?

Doddy - É a voz que nos tira do fundo do poço!

Gina - Viajando pelo vento,

Doddy - Passando as estrelas,

Chatot - Roubando você!

Gina - Levando o caos para toda a parte!

Doddy - Eliminar a esperança é a nossa arte!

Gina - Uma pétala de rosa é o que há de mais belo no mundo!

Doddy - A destruição mundial é o nosso trabalho imundo!

Gina - Gina!

Doddy - Doddy!

Chatot - Chatot! Chatot!

Gina - Tirando de todas as pessoas a fé...

Doddy -... a Equipe Rocket...

Gina, Doddy, Chatot -... estará no seu pé!

Isaac - Vocês...

Silas - estão atrapalhando uma grande busca...

Gina - Na verdade, queremos participar dela. Nos de seu Larvitar agora.

Silas - NUNCA! Larvitar, use Obelisco!

   Larvitar foi cercado por dois anéis de pedra. Ao seu sinal, elas foram disparadas contra o balão, que estourou e despencou bruscamente.

Silas - Terremoto!

   Larvitar saltou e quando tornou a tocar o chão, espalhou ondas por todos os lados fazendo o chão tremer. Os abalos fizeram o solo cedeu e todos despencaram junto com uma enorme quantidade de areia. Assim que se deram conta, haviam sido atirados em uma passagem subterrânea e trancados pela areia.

Sara - Como iremos sair daqui agora?

Isaac - Eevee, use Cavar!

   Eevee iniciou a escavação, mas foi interrompido por um Larvitar que brotou do chão. A essa hora, apenas a cauda de Eevee estava a mostra. Ele a abocanhou sem dó e o puxou de volta. Furioso, Eevee lhe atingiu com Cauda de Ferro e logo os dois estavam rolando no chão às brigas.

Isaac - Parem com isso...

Silas - Como é possível que haja um Larvitar selvagem morando aqui em baixo?

Zack - O senhor está pensando...

Silas - Que talvez ele seja um descendente do Larvitar de Jarbas e provavelmente escondeu o tesouro em algum lugar desta câmera subterrânea.

   Assim que Eevee e Larvitar se afastaram, Silas se agachou pacientemente e sorriu para o Larvitar selvagem.

Silas - Por acaso você nunca viu por aqui algum tesouro... provavelmente um baú de madeira ou coisa do tipo?

   Larvitar pensou alguns instantes e logo saiu correndo. Isaac Sara, Zack, Silas, Gina, Doddy, Chatot, Eevee e o Larvitar de Silas o seguiram loucamente pelos corredores de pedra. Só pararam quando alcançaram um belíssimo lago reluzente. No meio dele, uma ilhota e sobre ela, o tão sonhado baú do tesouro.

Silas - Eu o encontrei.

Doddy - Assumimos daqui. Eu escolho Weavile!

   O pokemon foi liberado e atirou sobre todos um potente Nevasca. Enquanto isso, Gina saltou na água e começou a nadar em direção ao tesouro.

Silas (saltando na água também) - NÃO!

   Ainda prensado contra a par de pela força do golpe de Weavile, Isaac ordenou para Eevee.

Isaac - Cauda de Ferro!

   Eevee saltou. Sua cauda cortava o vento gelado facilmente. Antes que chegasse ao inimigo, o Larvitar selvagem saltou contra ele, o derrubou e usou Tempestade de Areia contra o Nevasca.

Isaac - Não entendo porque o Larvitar está agindo daquele jeito com o Eevee...

Zack - Ciúmes. Puro ciúme porque você pede tudo ao Eevee. Ele também quer mostrar serviço.

   A areia de Larvitar venceu a neve de Weavile, que foi lançado contra Doddy. Gina e Silas haviam alcançado o baú e cada um puxava para um lado, tentando obter aquele tesouro inestimável. O Larvitar de Silas, o Larvitar selvagem e Eevee uniram seus Ataques de Areia, atirando Gina contra o teto. Com um estrondo explosivo, ela abriu um buraco para fora e voou contra o céu.

Gina - Estou decolando de novo...

Doddy - ESPERA!

   Eles, Weavile e Chatot saíram correndo atrás da parceira.

   Com a ajuda dos garotos e dos pokemons, Silas levou o tesouro ao Povoado de Litera. Todos os moradores fizeram uma roda em torno do tesouro. Quando foi aberto, todos os olhos brilharam à visão de varias jóias e outras riquezas.

Sara - O que vocês pretendem fazer com isso?

Silas - Tiraremos nossa comissão e o resto será doado ao museu, como uma forma de reconhecimento pelo nosso longo trabalho. Posso dividir com vocês se quiserem. Afinal, também foram muito úteis La em baixo...

   A atenção de todos se voltou para Eevee e o Larvitar selvagem que novamente brigavam. Assim que se separaram, Isaac se agachou frente a Larvitar e sorriu.

Isaac - Você gostaria de entrar para o nosso time? Seguir viagem conosco?

   Eevee lançou um olhar de desaprovação a seu dono, mas Larvitar saltou feliz no braço de Isaac, que o tocou com a pokebola.

Isaac - ISSO! CAPTUREI UM LARVITAR!

   Logo, os garotos partiram com seu novo amigo. Acenaram para Silas e seu Larvitar até que desaparecesse de vista. Provavelmente, ele e os cientistas partiriam também em algum tempo, felizes e com sensação de dever cumprido. Isaac só se importava em arranjar um tempo para aprender mais sobre seu novo pokemon e também cuidar dos hematomas dele e de Eevee.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "04. Pokemon Intense Battle" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.