Após Columbine escrita por Sensei Oji Mestre Nyah Fanfic


Capítulo 3
De Freud... à arma com numeração raspada


Notas iniciais do capítulo

Mais uma vez postando. Espero que gostem.

Palavra do dia: consentânea



"Eduque-o como quiser; de qualquer manheira há-de educá-lo mal". Citei Freud para me referir aos indivíduos com os crânios estourados.

Carpenter pediu para a mídia se afastar e não entrar na escola enquanto os corpos não são coletados. Uma atitude consentânea por parte dele. Um policial me disse que não há nada que lembre argila no pátio da escola, portanto aquelas manchas nas solas das botas são oriundas de fora.

"A arma de um deles está com a numeração raspada. Ele não comprou numa loja".

"Nem poderiam. São adolescentes".

Olhei para trás, vi o agente Teague. Meu parceiro da homicídios.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Após Columbine" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.