Diário de Guerra escrita por Princesa Winchester


Capítulo 10
Capítulo 10 - O horror de uma guerra.


Notas iniciais do capítulo

Olá meus queridos e minhas queridas!
Custei a escrever o capítulo de hoje devido a uns problemas que eu estou passando e está me deixando bem mal com a vida...enfim, acho que o capítulo ficou até mais deprimente do que o normal então relevem rsrsrs

Palavra de hoje:SÊMITA
Boa Leitura!



10 de Outubro, Rússia, 1942.

Caminhamos pela sêmita a passos silenciosos. A aflição e o desespero eram os sentimentos que tomava conta de muitos ali presentes, inclusive de mim.

Era de fato desesperador saber que poderíamos não sobreviver aquilo, e agora, com as minhas responsabilidades para com minha família e com Nádia, eu zelava ainda mais minha vida, tentando a todo custo, voltar para casa.

Eu nunca vou me esquecer daquela cena que presenciei, daqueles homens sendo bombardeados e urrando de dor, da aflição e pedidos de socorro. Aproximei-me de um dos inúmeros corpos e naquele momento levei um tiro.



Notas finais do capítulo

Niko levou um tiro...será que danificou muito?



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Diário de Guerra" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.