Highway to Hell escrita por FoxGrey


Capítulo 6
Gentleman and Biker part 2





linha do tempo Nº 616.

666 Mundo deste universo.

Em uma estrada no deserto para uma cidade.

—ACELERA ESSA PO**A DE MOTO ESTUPIDA ELE VAI NOS APANHAR!!!-Diz a chefe encanto fica de pé na parte de trás da moto a defender dos tentáculos do verme.

—Ei não fale dela assim! Pode ficar ofendida!-Diz motoqueiro encanto se concentrava na condução-Fica já a saber que a Mafalda é a melhor moto do deserto!!

—OH DESCULPA LÁ SE OFENDI ESSE MONTE DE SUCATA MAS TEMOS UM TIPO DE 45 METROS AQUI PARA NOS MATAR C*****O!!!-Diz cortando ainda mais tentáculos.

—MONTE DE SUCATA NUCA FUI TÃO OFENDIDO NA MINHA VIDA JÁ QUE É ASSIM É MELHOR A MENINA SE SEGURE BEM!-(hum ficou mesmo zangado o tipo não)

De repente a moto ficou mais rápida e o verme começou a ficar para trás até que se perdeu de vista e o motoquiro para a moto.

—Tá a ver senhorita o monte de sucata salvou-nos .-Diz o motoqueiro orgulhoso.

—AHAHAHAH MUITO BOA ESSA TUA SUCATA-Diz batendo-lhe nas costas com força mas para de súbito depois de vir algo há mente-Mas porque me salvas-te?! e  QUEM ÉS TU?!-Depois de fazer essas perguntas ela salta da mota e põe a katana no pescoço do motoqueiro.

—Vá calma não é preciso violência. Bem canto ao salvamento é simples, não podia deixar tão bela menina morrer há minha frente e ficar quieto...-Ele é interrompido porque a chefe fez pressão com sua katana ao ponto de sair gotas de sangue.

—MAS TU PENSAS QUE SOU BURRA SEU ****** NESTE MUNDO JÁ CAUSE NINGUÉM ARRISCA A VIDA PARA SALVAR OS SEUS PRÓPRIOS PAIS CANTO MAIS ARRISCAR A VIDA PARA SALVAR UMA RAPARIGA OU TU ACHAS QUE VOU PARA A CAMA CONTIGO SÓ POR ME SALVARES A PELE EU VOU MAS É CORTAR O TEU PÉNIS PARA FORA -Ela baixa a katana para as partes intimas dele.

—Vá calma não é nada disso-ele salta para se desviar da katana.

—AI NÃO SEU ****** ENTÃO QUERES O QUE? JÁ SEI QUERES A ÁGUA QUE TEMOS DO VERME NÃO É? MAS FICA  SABER QUE...-Ela foi calada pela fala do motoqueiro

—Não menina se eu preciso de um motivo para ter lhe salvo bem é porque eu sou um cavalheiro.

—UM CAVALHEIRO?! AHAHAHAHAHA NUNCA NA MINHA VIDA TINHA OUVIDO TAMANHA ANEDOTA AHAHAHAHAHA-Fica a rir igual a uma louca.

—... Tem assim tanta piada menina?

—AHAHAHAHA-Ela olha para os olhos dele e percebe que ele está a falar a sério e para de rir e limpa as lágrimas do riso-Tu estás a falar a sério?

—Nunca falei tão sério na minha vida menina

Ela fica vermelha de vergonha com se ela não quisesse ter-lhe ofendido.

—Desculpa não sabia que estavas a falar a sério-Diz ela num tão baixo e timido.

O motoqueiro não estado há espera daquela reação ficou supreso e constrangido.

—Não há problema menina não é a primeira nem ultima a rir,(mumora ) mas é a primeira a pedir desculpas hum(Volta ao tão normal) Bem passado o mal entendido deixe-me apresentar sou Ká só Ká (vai até há moto) e esta aqui é a Mafalda prazer.

—Olá Ká eu sou...-de repente a terra volta a abanar.

—Cuidado-Diz o Ká soltado para cima da chefe daixando para trás Mafalda

De subito sai o verme debaixo dos seus pés mas graças ao reflexos do Ká os dois caem a rebolar abrasados um ao outro até que param em cima de uma duma e olham nos olhos do outro quase dar um beijo.

—...A menina tem olhos muito bonitos sabia?-disse sorrindo.

—O..obri..obrigada-diz a gaguejar mas depois lembra-se do que está a acontecer e empurra-o para o lado-MAS QUE RAIO DE M***A ESTÁS A FAZER!!

O Ká levanta-se e sacode a roupa e olha para ela com um  ar sério.

—Bem a dizer a verdade

A chefe fica vermelha como um tomate.

—I..I...IDIOTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA-Dá-lhe um soco na cara e ele sai literalmente a voar.

O motoqueiro cai na areia de queixo e ainda é anda alguns centímetros.

—Au...esta doeu-Ele se alevanta e vê as costas do verme que estava a procura deles.

Ká nota algo ao lado do verme no chão era sua moto.

—MAFALDAAAAAAAAAAAAAAA- A sua expressão facial muda de simpática e carinhosa para cara de um assassino sério e sem sentimentos e os olhos parecem mudar de cor de castanho para negro a própria aura transmitia medo e sede de sangue  -EU VOU MATAR AQUELE ******** ***** ****** ****** ****** ****** ***** DE UMA MÃE.

Ele saca a faca e vai a correr para o verme.  

Fim do capitulo 





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Highway to Hell" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.