Waves escrita por EsterNW


Capítulo 1
Capítulo Único: All The Waves Are Washing Over


Notas iniciais do capítulo

Olá, minha gente, um bom dia/tarde/noite pra vocês!
Lá venho eu com mais uma songfic. Essa, bem curtinha, baseada em Temporary Peace. Sugiro ouvir a música enquanto leem, só pra entrar no clima haha (https://www.youtube.com/watch?v=5ao05BM9Wvs)
Boa leitura ;)



"No silêncio profundo

Olhando para o mar

As ondas estão lavando

Todas as meias memórias esquecidas"

No silêncio da noite, o começo da noite, quando o sol toca a linha do horizonte e o céu enegrece, observo as ondas. Indo e vindo, indo e vindo. Lavando areia, lavando memórias, levando ela...

Encaro ainda mais, compenetrado, o movimento do mar.

Vivian sempre amara praia, desde criança. A sensação da areia pelos dedos, o barulho das ondas, mergulhar no mar, observar o azul do oceano... Amava-o tanto que resolveu morar próximo a ele.

Foi assim que nos conhecemos. Ela, bióloga marinha, apaixonada pela praia. Eu, viajante sem rumo, artista em busca de inspiração. Até que a encontrei. A minha musa inspiradora, a sereia que saía das águas e me encantava com seu canto.

Semanas juntos, na temporada de verão, foi o suficiente para nos aproximarmos. Na outra temporada, já estávamos casados. Rápido assim. Creio eu, que o amor sincero, verdadeiro, por outro alguém, assim que encontrado, não deve ser desperdiçado. Nem um segundo sequer...

"No interior do momento

Risos flutuam acima da brisa

Subindo e caindo e morrendo dentro de mim [...]

Todas as ondas estão lavando tudo o que dói dentro de mim"

A leve brisa de veraneio toca-me a face. Junto dela, ouço nossos risos dos anos felizes. Contudo, depois de certo tempo, o vento para, sendo substituído pelo silêncio novamente. É assim que tudo está... Em silêncio. Seu riso cessou, assim como a vida em seus olhos iluminados.

Voltei novamente a esta praia, a qual sempre está em meus pensamentos. O cenário de seu fim.

Era um dia de verão como esse e nadávamos no oceano. Quando submergimos, nos divertindo, Vivian foi atingida por uma lancha. Um descuido de um irresponsável custou-lhe a vida. Vida esta dedicada a este lugar. O mesmo que foi cenário de seu fim.

"Além deste lindo horizonte

Há um sonho para você e eu

Essa cena tranquila

Ainda não foi quebrada

Pelos rumores no céu

Mas há uma tempestade se aproximando

Vozes no vento

[...]

Mas com você eu começo a sentir

Um tipo de paz temporária "

Porém, ao mirar este horizonte, lembro-me de você. Sonho com um futuro maravilhoso que ainda teríamos. Tudo isso com o mar como testemunha.

As horas passam e escurece. As estrelas não aparecem, pois o céu está encoberto. Cinza e entristecido, assim como a dor dentro de mim; barulhento, como os sentimentos que borbulham dentro de mim.

Entro no mar, com sua caixa em mãos. Sinto as ondas me tocando, indo e vindo, indo e vindo.

Deixo que elas lavem tudo que há de ruim em mim. Você se foi, eu fiquei, hora de ficarmos em paz.

Com lágrimas nos olhos, solto a urna com suas cinzas e assisto enquanto as ondas carregam-na para longe; assim como você foi levada para longe de mim; assim como elas levam toda a tristeza...

Em alguns minutos, a caixa não é mais visível no oceano. Então, observo as águas mais uma vez e vou embora. Deixando aqui tudo o que de bom vivemos. Pronto para recomeçar do início, como devo fazer e como você quereria que fosse.

Conforme me afasto da praia, ouço as ondas quebrando no silêncio da noite.

Que o lugar de sua paz temporária, leve-a e que a tenha e que agora seja eterna.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Waves" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.