Velhas estradas, novos caminhos escrita por Lady Salieri


Capítulo 6
Capítulo ¨: O sorriso


Notas iniciais do capítulo

Quaaase acabando, forçaa!



— Oi... — ela disse, sentando-se na cama.

— Oi... — respondi de volta, um pouco surpreso por ela não ter zombado da minha visita e também por me ver sem assunto.

— E como está lá na escola?

— Tudo bem, mas um pouco estranho sem você, principalmente as aulas de história...

Ela apertou os lábios antes de dizer:

— Esses últimos dias foram bem pesados pra mim. Tenho questionado muita coisa. Quando eu era mais nova, acreditava que tinha que escrever e lutar para ajudar as pessoas a terem consciência das coisas, porque lhes faltava orientação, sabe. Mas nesses dias percebi que as pessoas sabem muito bem o que estão fazendo e estão anos-luz à nossa frente, especialmente pra desvirtuar, deturpar, manipular... Que mundo é esse, Adônis? Que esperanças a gente pode nutrir?

— Mas você não pode só olhar as coisas ruins da vida. Existem coisas boas também...

— Eu não posso reclamar particularmente. Tenho uma vida boa, não tenho tudo o que gostaria, mas tenho o que preciso... Mas um monte de gente não tem... E vivo com medo do dia de amanhã, todas as portas parecem fechadas...

— Acho que o amanhã pode nem existir, então tudo o que a gente tem é o aqui e o agora. Com medo ou não, ele vai acontecer.

Alícia levantou os olhos pra mim e, pela primeira vez, sorria sem qualquer traço de sarcasmo.



Notas finais do capítulo

Espero que tenham gostado



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Velhas estradas, novos caminhos" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.