My Life with The Potters escrita por Eponine


Capítulo 12
Capítulo 12




Nossa, eu preciso parar de demorar tanto para escrever!

Eu nem me lembrava que não tinha comentado sobre o EP, bem, é a minha nova música preferida. É um EP chamado When I'm With You, de uma banda bruxa chamada Best Coast. Lorcan disse que se lembra de mim quando escuta a música, e agora eu só consigo me lembrar dele toda vez que escuto. Sempre que o dormitório está vazio eu coloco no último volume e pulo de cama em cama, é simplesmente a melhor música do mundo.

Estou no meu quarto, e eu tenho muita coisa para falar sobre o Natal. Bem, tia Hermione e tio Ron se separaram oficialmente pouco depois de Setembro, ela já se mudou e tudo mais. Vovô Weasley está realmente muito mal, mas conseguiram permissão do médico para ele passar o Natal conosco. Vovó Weasley teve que voltar para a clínica porque ela entrou em estado de demência total e é mais seguro para ela lá. Mas apesar de tantas noticias ruins, tio George e tia Angelina adotaram uma bebezinha linda! Seu nome é Zoe e ela só tem um aninho, é a coisa mais linda que existe no mundo, eu nem consigo descrever o quão linda ela é. Acho que trouxe um brilho para uma época tão dificil para essa família, ninguém queria desgrudar dela, Vovô Weasley mal consegue falar, mas não parava de sorrir quando a deixavam no colo dele.

Tio Harry me buscou na estação no dia 23 e ele parecia muito abatido... Bem, lembra que eu disse que os Weasley tem histórico de Alzheimer? É um tipo raro de Alzheimer, é o genético, ou seja, todos os filhos da Vovó Weasley têm 50% de chance de ter o gene da doença. Bem, enquanto estavamos no colégio, tia Ginny fez os devidos exames e agora é confirmado: Ela tem Alzheimer precoce. Mas como ela é muito jovem e há ótimas poções para o retardo (não a cura, infelizmente) da doença, ela não vai se degenerar tão rápido. O médico foi otimista e disse que ela não vai apresentar sintomas graves até os sessenta. Mas ainda assim foi horrível receber essa noticia. Todos os seus outros irmãos fizeram e graças a Deus, todos deram negativo. Então apenas ela e tio Percy vão ter.

Lily chorou antes mesmo dela dar a notícia e James parecia estar enfartando, ele saiu correndo na hora. Me sinto muito triste mesmo, eu também chorei muito... Realmente, esse é um mundo mágico. Há coisas incríveis aqui, coisas que fariam o mundo melhor, como poções para problemas cardíacos ou uma simples louça sendo lavada sozinha... Mas nem isso pode impedir acontecimentos terríveis. Na manhã de Natal ela estava tão animada que todos iriam passar o Natal aqui, que mal parecia que tinha desabado na noite anterior nos contando tudo. Eu a ajudei a descascar as batatas e ela me deu um beijo na bochecha e falou uma coisa que eu nunca vou esquecer: “Estou feliz por você não ser minha filha biológica”.

Estou chorando de novo.

Não quero mais escrever. Estou cheia de escrever.

...

 Brandon Flowers – Lonely Town

Eu esqueci que não tinha terminado de contar tudo. Lorcan sabotou a vitrola e só tocou as músicas que queríamos a noite toda. Apesar de tantos acontecimentos terríveis, foi uma noite linda, eu nem consigo explicar a delicadeza dessa família. Os primos todos unidos, tia Ginny não desgrudava da pequena Zoe, todas as famílias juntas...

Lorcan me deu um álbum do Brandon Flowers, não sei como agradecer, é a melhor coisa que ouvi esse ano... Depois de The Strokes, claro. Fugimos antes da ceia, James e Dominique vieram conosco para o parquinho da cidade, foi simplesmente a melhor noite da minha vida! Primeiro que andamos por umas duas horas até encontrar algum ônibus e estava congelando! Eu estava com tantos casacos que se ele me empurrasse eu sairia rolando.

Perguntei sobre o tal Julian para Dominique, mas ela desconversava, estava muito estranha.

O parquinho não estava muito movimentado, então conseguimos ir em todos os brinquedos, foi sensacional. Fomos em uma montanha russa enferrujada, prontos para ir dessa para melhor. Lorcan berrou do segundo que saiu até parar, eu mal consegui sentir medo porque eu estava tendo uma crise de riso! James ganhou uns jogos (trapaceando com magia, claro) e todos conseguiram ursinhos e brindes, foi legal. Voltamos para casa a tempo da ceia. A mesa era gigante, porque tinha muita gente, e muita comida também. Eu tentei experimentar tudo, mas eu quase explodi. Tio George perguntou para Lily onde estava os namoradinhos, ele estava zoando, mas ela quase teve um troço.

Tia Hermione ficou um pouco alterada e pareceu gostar de uma faixa do álbum do Brandon Flowers, agora eu não lembro porque a cena foi hipnotizante, ela arrastou tio Harry e tio Ron para dançarem com ela e foi lindo porque em segundos todo mundo estava dançando também, no meio da sala apertada. Até mesmo Zoe dançou de pé no colo do Vovô Weasley! Não sei se comentei, mas tio Bill tem um álbum de fotos de Natal, ele fica a noite toda tirando fotos de todo mundo e no fim tira uma foto de todos reunidos, ele tirou uma foto minha roubando um pedaço de torta na cozinha vazia, foi parar no album como “Primeiro Natal de Ana”.

Fiquei constrangida na hora da foto em família, porque todos se juntavam, por exemplo, até tio Ron e tia Hermione se abraçaram com Rose e Hugo para a foto. Meus tios já estavam grudados e eu ainda não fazia ideia em que posição ficar, até James me puxar e eu ficar entre ele e Albus. Eu tenho uma cópia dessa foto aqui, não consigo parar de olhar, ela se mexe e tudo... James está me abraçando pelos ombros, Albus está rindo de algo e Lily vira o rosto para Rose. Tia Ginny parece emocionada e Vovô Weasley não para de sorrir com a pequena Zoe nos braços.

Acho que faço parte da família.

...

Dominique dormiu aqui ontem e ela me contou uma coisa que me deixou perturbada até agora. Não sei nem como reagir, sério, na verdade, agora isso é MEU problema também. Eu não sei como ela conseguiu disfarçar tão bem todo esse tempo. Caramba, é muita coisa acontecendo ao mesmo tempo: O vovô e a vovó Weasley morrendo, tia Ginny doente, tia Hermione e tio Ron se separando... E ontem, meu Deus, ontem mesmo tia Hanna perguntou a Lily sobre seus “namoradinhos” e a mesa comeu sete pedaços de uma torta de CLIMÃO!

E agora, Dominique está grávida! Isso mesmo, GRÁVIDA! E como se não fosse o suficiente estar gravida, é de dois meses!

Ela disse que tem medo de fazer a Poção e dar errado, ela ficou tão em transe com a situação que dois meses passaram voando. Enfim, ela precisa de minha ajuda para métodos trouxas e eu não faço ideia quais são os métodos trouxas. Pelo que eu pesquisei na internet, nós podemos comprar um remédio, mas ele é trezentos reais.

Porra, minha cabeça vai explodir!

Ficamos o dia inteiro trancadas aqui. A barriga dela já está dura e tudo... Deu um pouco de medo quando eu toquei. Acho que ela não tem mais noção que é uma vida e que em poucos meses vai sair um ser humano dali e que cresce, come, e dorme... Nossa, eu acho que vou ter um troço. Na verdade, a pobrezinha está mais nervosa que eu.



Notas finais do capítulo

Aqui é o meio da fanfic. Na verdade, é no cap 10, já que são 20 caps (Sim, eu terminei!), mas é aqui que a Ana começa a cair ladeira abaixo.

Já terminei a fanfic, como eu disse, eu escrevi um final que não estava na minha mente quando escrevi os primeiros capítulos, e agora, relendo, eu acho que só esse final daria a evolução que eu queria para a Ana.

Espero que gostem.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "My Life with The Potters" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.