My Life with The Potters escrita por Eponine


Capítulo 10
Capítulo 10




Halloween é tipo o Natal no mundo bruxo, é muito importante.

Mas aqui na Shoreline, segundo Gustav, é como se fosse o Dia de Cinzas do mundo trouxa, ou seja, um dia nada feliz. Acho que nunca falei de Gustav no diário, ele é meu novo colega de classe, digo, ele estuda aqui desde sempre, é que só agora eu falei com ele na sala. Frank simplesmente me ignora durante as aulas, ele gosta de prestar muita atenção. Eu também faço isso, mas as vezes dá vontade de comentar alguma coisa sobre a matéria... Enfim, ele é irmão de Phoebe, eu não sabia disso. Ele é muito bonito e muito inteligente, então não foi nada difícil eu constatar minha queda por ele.

Foi ele que me ajudou quando eu quebrei meu nariz e óculos na aula de hockey. Sim, aqui também tem educação física para humilhar pessoas naturalmente desastradas e lerdas, ou seja, eu. A aula de hockey é só para meninas, mas ele estava cumprindo uma detenção, então tinha que ficar arrumando as coisas para o jogo.

Lá eu também conheci Brooke, aliás, foi ela que quebrou meu nariz. Ela tem dez centímetros a menos que eu e parece uma fada de tão delicada, entretanto ela teve força o suficiente para quebrar meu nariz com o ombro. Gustav me deu várias informações sobre ela: Brooke vem da família com mais abortos na história do mundo bruxo, é o único ser da face da terra que gosta de rúcula, tem um sapo gigante de estimação e é EX NAMORADA DE LORCAN SCAMANDER.

Estou começando a passar um tempo mais sozinha aqui na Shoreline e prestar mais atenção nas coisas que eu não tinha notado: As pessoas são muito quietas e parecem estar sempre de mal humor, tem um grupo de líderes de torcidas, são todas brancas e louras, tem também o grupo de jogadores, fortes e altos... Parece uma escola comum no fim das contas.

Tenho que fazer um trabalho sobre História da Grécia com Gustav. Ele é um gênio, ele é tão inteligente que deixa os professores nervosos. Eu me sinto meio burra quando estou perto dele, então fico mais em silêncio do que o habitual. Kurt, Phoebe, Amber... Eles ainda não se acostumaram com meu silêncio mórbido, então ficam perguntando o tempo todo se eu estou com chateada ou algo do tipo.

É muito ruim se sentir um incomodo, as vezes eu noto que todos ficam em silêncio porque eu simplesmente não consigo entrar na conversa, na discussão que está rolando na roda. Eu tenho opinião, eu tenho o que falar, mas não falo... Deve ser insuportável me ter por perto.

...

Tia Ginny mandou minha fantasia para o Baile! Lorcan disse que é um porre, mas eu estou animada. Entretanto, ninguém aqui gosta desse Baile, a não ser as líderes de torcida e os jogadores. Ninguém me convidou além de Phoebe, mas ela estava zoando. Kurt ficou o almoço inteiro rindo de Amber, porque ela disse que iria vestida de uma tal de Rowena Ravenclaw.

Minha fantasia é de Velma do Scooby-Doo. Depois eu pensei na Rey de Star Wars e me arrependi, mas eu gostei da minha fantasia. Sempre dou um jeito de escolher personagens que usam óculos, ano passado eu me vesti de Wally.

Eu consegui gaguejar durante uns três minutos em um texto de cinco parágrafos na aula de Inglês, a professora Yang não ficou nada satisfeita, mas nada disso teria acontecido se ela não tivesse me obrigado a ficar de frente para a classe inteira para recitar o texto. Enfim, no sábado eu fui para minha consulta mensal no Mike, e adivinhe quem estava me esperando no escritório da diretora? Tia Hermione! Eu levei um susto, ela disse que meus tios tinham que resolver um assunto urgente e não podiam me levar... Enfim, foi legal e estranho... Ela é mais assediada que tia Ginny nas ruas, muitas pessoas param para elogiá-la e comentar sobre seus livros.

Depois de Mike, eu pedi para ela me levar até a livraria, porque eu queria comprar um exemplar do Apanhador no Campo de Centeio para Lorcan. Acabei comprando treze livros, metade do dinheiro que tio Harry me empurrou foi gasto. Ela também acabou comprando vários, ela fazia uma resenhar tão boas sobre os livros que eu não conseguia nem pensar na possibilidade de deixá-los para trás.

AH EU ESQUECI DE FALAR QUE EU RECEBI O MELHOR PRESENTE DE ANIVERSÁRIO QUE ALGUÉM PODERIA TER, FALTAM DOIS MESES AINDA, MAS QUEM SE IMPORTA???

JAMES ACABOU DE ME ENVIAR UM INGRESSO PARA UM SHOW DO ALEX TURNER NO DIA 12 DE FEVEREIRO E EU QUASE DESMAIEI! SÃO SEIS INGRESSOS NO TOTAL, UMA ESTÁ COM DOMINIQUE, A OUTRA COM ELE, OUTRA COM LUCY, UMA COM LORCAN E ELE DISSE QUE POSSO ESCOLHER A ÚLTIMA PESSOA, MAS SINCERAMENTE EU QUERO JUNTAR OS DOIS INGRESSOS E CONSEGUIR UMA PASSAGEM DIRETO PARA O COLO DAQUELE VELHO MARAVILHOSO!

...

Lorcan está tentando me ajudar com as aulas de Trato de Criaturas Mágicas, mas não está dando certo. Tem alguns bichos que eu não consigo ver, então sou dispensada da aula, uso esse tempo vago para fazer as lições acumuladas, Kurt lamenta por eu ser tão estudiosa. Aliás, eu acho muito engraçado como Kurt vive para encher o saco de Amber. Ele PROCURA a coitada só para atazaná-la... Acho que ele gosta dela. Ontem ela estava me ajudando com umas lições atrasadas de História da Magia quando ele apareceu:

Kurt: Madre Tereza, me busque um copo d’água.

Amber: Eu estou estudando.

Eu: Kurt, você podia me emprestar seu caderno de História da Magia do ano passado, já que você está no último ano...

(Riso demorado e escandaloso enquanto ele se senta e acende um cigarro em plena sala de aula vazia).

Kurt: Ninguém me ajudou ano passado, porque eu... Se você pagar eu te dou.

Amber: Ana, eu estou te ajudando, você não...

Kurt: Cala a boca, Mary Poppins, eu estou fazendo um negócio aqui. E aí, Ana, como vai ser? Posso te vender meus antigos cadernos de TCM também.

Eu: Por quanto?

Kurt: Como sua nova família é quase dona de Gringotes, eu te faço... Cem libras cada caderno.

CLARO que eu não fiz o acordo, Kurt é um babaca aproveitador. Prefiro quebrar a cabeça estudando... Mostrei minha fantasia a ele e tivemos uma conversa bem reveladora que me desencadeou sentimentos estranhos:

Kurt: Velma do Scooby Doo?

Eu: Você não gosta?

Kurt: Ahhh minha doce Anastasia, mais inamorável que você só uma pedra.

Eu: Você vai de quê?

Kurt: Ano passado eu fui de Voldemort, esse ano talvez eu vá de Bellatrix Lestrange.

Eu: Quem é essa?

Kurt: É a mulher mais linda que já pisou na terra, depois eu te mostro uma foto.

(Eu descobri que era uma assassina psicopata)

Kurt: Ano passado Lorcan foi de João e Brooke de Maria, admito que ficou bonito. Vamos copiá-los?

(Minha curiosidade sobre esse relacionamento de Lorcan com Brooke gritou na hora)

Eu: Lorcan namorou a Brooke, né? Ela é ótima em hockey.

Kurt: Ela tem várias qualidades (aquele nojento simulou um boquete e ficou rindo por horas, argh, ele é uma cópia de James)

Eu: Por que eles terminaram?

Kurt: Porque o Lorcan é um bebezão carente e a Brooke não é obrigada a aguentar.

Eu: Então ela terminou com ele?

Kurt: Não, quem disse isso?

Eu: Você acabou de falar!

Kurt: Ah não, essa é minha opinião sobre eles. Não sei porque terminaram.

Eu: Como não, você é amigo de Lorcan.

Kurt: Eu sou amigo dele, não o diário. Vai perguntar pro Jesse, talvez ele saiba. E por que você está tão interessada, Potter?

Estou interessada porque Lorcan não parece o tipo de ser que namoraria Brooke Relief. Como eu posso explicar essa menina? Primeiro que ela tem um círculo fechado de amigas, segundo que ela defende qualquer pessoa que esteja sendo humilhada publicamente, é uma espécie de menina malvada do bem, isso é possível?

Amanhã é o Baile e Kurt me convidou para ir com ele. Acabei aceitando, mas eu queria mesmo é que Lorcan tivesse me convidado, ele disse que iria de Salsicha, já que eu ia de Velma, mas acho que ele mudou de ideia.

Estou muito ansiosa para o show, sério, eu já pré selecionei minhas quatro camisetas do Arctic Monkeys para uma batalha, não sei com qual eu vou.



Notas finais do capítulo

Gente, eu juro que eu tinha postado esse capítulo há dois dias, ou seria sonho meu?

Enfim!

Estou escrevendo a reta final da fanfic, espero que estejam gostando!

Beijos.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "My Life with The Potters" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.