pra onde você quiser escrita por Giulia Correia


Capítulo 1
Ela Queria que Korra Estivesse Segura pra Sempre




— Pra onde você quiser.

Asami sorriu. Não alegremente, claro, não quando acabara de perder seu pai, não depois de tudo o que acontecera, mas um sorriso mesmo assim. Depois de tudo o que passara — e pensara — considerava-o uma pequena vitória no meio de uma perda tão grande.

Ela sentava com Korra nas escadarias, e, na sua frente, Republic City brilhava sob a luz do recém-aberto portal para o mundo dos espíritos. Os prédios estavam destruídos e a cidade ainda estava vazia, mas era lindo mesmo assim. Atrás de si, o barulho da festa e das risadas indicavam que, para muitos, a noite tinha acabado de começar...

... mesmo que Asami desejasse que terminasse logo. Ela lançou um olhar para o portal, no coração da cidade em que vivera por quase toda a sua vida. Quando respondeu, seu tom era quase brincalhão.

— Bem… eu sempre quis visitar o mundo dos espíritos.

Foi a vez de Korra sorrir.





Foi Korra quem segurou sua mão enquanto andavam até o portal. As lembranças da batalha ainda estavam frescas — das mortes e do momento em que ela quase acreditara que perdera Korra para sempre, também. Ela se perguntava se um dia conseguiria superar o medo de perdê-la para o mundo. Se, como Katara, ficaria viva para ver o mundo mudar e o próximo avatar surgir para tomar o lugar do antigo.

Esperava, de coração, que não. Não sabia se suportaria olhar para o substituto e desejar que o antigo ainda estivesse entre eles.

Mas, naquele momento, enquanto o calor da mão de Korra transbordava em seus dedos e o amarelo do portal iluminava seu rosto, nada disso importava.

Ela se virou para Korra quase no mesmo instante em que Korra virou para si. Ela sorria, e seus olhos verdes brilhavam em antecipação. Naquele momento, naquele milésimo de segundo em que a luz as engolfou e transportou para o desconhecido, nada daquilo importava. Nem a tristeza, nem as mortes, nem as batalhas: nada.

Asami estava em paz.

E com Korra.