A Ultima Aposta escrita por Julie M Cullen


Capítulo 4
Guerra de chocolate


Notas iniciais do capítulo

Mil desculpas pela demora...Tive trabalhos compridos e nem pude postar



Este capítulo também está disponível no +Fiction: plusfiction.com/book/66651/chapter/4

Fomos para a escola e de novo no carro do Emmett ¬¬

 

-Oi Bella –disse ele

 

-Oi Edward! –respondi já imaginando que nem nos falaríamos muito por causa das vadias

-Olha só..o que você acha de estudarmos na minha casa hoje? –ele tinha um sorriso confiante

-Ah pode ser,mas hoje eu tenho treino de futebol

-Desde quando joga futebol?

-Desde sempre...quer dizer eu demorei um tempo pra entrar aqui na escola,mas sempre fiz aulas

-Ah legal,mas você pode faltar?

-Tá doido?Meu primeiro dia é sagrado!E se eu faltar tenho menos tempo de ganhar o campeonato regional com o time

-Ah tá,mas mesmo assim agente fica estudando até a hora de você ir –concordei

A aula começou e as vadias não ficaram conversando com ele,na verdade nós é que ficamos de papo,nos sentamos juntos.Só que o que o mais estranho foi ver Leah toda olhando para mim e sorrindo debochada.Na hora do intervalo nós saímos juntos e nos sentamos com o pessoal.

 

-Você por aqui de novo Edward?-perguntou Rose

 

-Gente por favor,sem implicância! –disse e ficaram quietos

 

-A garota do Emmett –sussurrou a tapada da minha irmã para mim

 

-Quem a Rose? –perguntei

-O que? –ela havia ouvido

-Queijo –respondeu a baixinha e eu ri

A nossa manhã foi legal e não tiveram muitas brigas com Edward e seus irmãos adoráveis,depois eu e ele voltamos para a aula,as vadias ficaram rindo de mim.SÃO LOUCAS.SÓ PODE SER!

                                               (...)

 

-Edward não precisa me levar,eu sei ir sozinha

-Seria bem melhor se me chamasse somente de Ed,assim como eu só te chamo de Bella –disse querendo me levar ao treino

-Ok,Ed não precisa

-Mas eu vou –respondeu birrento

-Você é um chato viu

-E você uma teimosa –disse me puxando rápido para a cozinha

-O que você tá afim de comer? –um barulho estranho de porta veio da sala

-Brigadeiro

-Olá Edward –falou uma mulher parada na porta,cabelos lisos e avermelhados

-Oi mãe,essa é a Bella –ele disse apontando para mim

-Prazer –estendeu a mão e eu apertei em seguida dando os famosos três beijinhos –sou Esme

-De onde você é? –curiosa essa tia hein

-Daqui mesmo,me mudei fazem algumas semanas –respondi simpática

-Quantos anos?Estuda com Edward? –nossa que tia bem curiosa essa

-Hum...tenho 17,estudo com ele sim –ed só ficou olhando

-Bom mãe chega de questionamentos,tchau –agradeci mentalmente por Edward ter despachado a tia,ela saiu da cozinha e eu olhei...O BRIGADEIRO

-Edward o brigadeiro tá queimando –mas foi tarde demais pois ele tava transbordando da panela

-Ai caramba...vai ficar ai parada olhando ou vem me ajudar?

-Como ousa me chamar assim? –resmunguei pra mim mesma,ajudei ele a limpar

-Nossa,daqui a pouco eu já tenho que ir

-Espera eu tomar banho

-Tá bom mas não demora

-Não você vem junto –congelei,é claro

-Bella você vem e fica no quarto,eu tomo banho.Simples assim

-A...a..ta –ótima hora pra gaguejar idiota,subimos e ele abriu a porta e...NOSSA aquele quarto era muito grande,sério eu me apavorei.Não tava bagunçado,não tinha nada espalhado e tinha uma sacada

-Amei teu quarto –falei do nada mais prestando atenção em tudo que o cercava

-Ás ordens –respondeu sorrindo,sorriso torto q              eu o deixava irresistivelmente sexy,além do que ele é.OK FOCO QUERIDA FOCO!

 

Fiquei ali parada sem saber ao menos pra onde ir ou o que fuxicar,será que ele trás muitas garotas para cá?Claro sua idiota ele é Edward Cullen o gato mais popular da escola.Em um bidê (ou criado mudo como é chamado também) havia um relógio e um porta retrato com uma foto dele junto a um homem,estavam em um campo e atrás estava Rose,Jasper e Esme.Quem seria aquele homem,o seu pai,tio,parente?

 

Depois passei o olho em sua estante onde haviam vários livros,na outra prateleira haviam bastantes porta retratos e também alguns álbuns de fotos,na terceira e ultima prateleira havia um porta retrato com ele e uma garota,ambos pequenos...acho que deviam ter uns doze anos,os dois estavam abraçados e sorrindo

 

-Bella? –aquela voz...que tinha o poder de me tirar do sério

 

-Oi –quando me virei ele estava parado a alguns metros de distancia a mim,mais perfeito do que já é,se isso for mesmo possível,só pra comprovar que era verdade seus cabelos estavam molhados,ele tava só com uma bermuda deixando todo seu peitoral a vista.VISÃO DO PARAISO!FATO

-Esqueci de pegar a camisa –arrã,senta lá Cláudia!

-Eu tava olhando as fotos –e babando por você conclui mentalmente

-Então...acho que o brigadeiro já esfriou –disse me chamando para descer.Quando eu toquei a panela já estava fria,sinal de que já estava comestível

-Você não se preocupa com a sua gordura? –perguntou do nada

-Você tá me chamando de gorda Edward Cullen? –perguntei com a panela na mão

-Você que levou pra esse lado –quando ele se distraiu passei o dedo no chocolate e toquei seu rosto,pude ver a sua cara sem expressão,não esperava que isso realmente fosse acontecer,por um impulso me afastei já prevendo uma vingança de sua parte,mas foi em vão porque ele rápido passou a mãe na panela e me sujando o dobro

-Garota você realmente não deveria ter feito isso –concluiu

-E você não deveria ter feito isso também! –falei pegando a panela e derramando o resto do pouco do chocolate que ainda poderia cair em sua preciosa cabeça,rapidamente tirou a panela de mim e com agilidade derramou bem pouco do choco que não havia ficado duro em mim.DESGRAÇADO!

-Corre porque agora sou eu quem vou te pegar –eu disse com um olhar mortal

-Só quero ver –disse gargalhando e depois saiu,só tenho uma coisa pra dizer:Ele corre muito!Mas enfim já não tendo mais forças me joguei com tudo em suas costas e caímos com tudo no sofá,fazendo nossos lábios quase se encostarem,eu podia sentir sua respiração uniforme como a minha,por um impulso enterrei minha cabeça em seu pescoço num ato de vergonha.Nesse primeiro contato de nossas peles senti aquela mesma sensação de choque,arrepio,corrente elétrica,coração disparado.Depois de alguns segundos assim levantei meu rosto e pude vê-lo sorrindo para mim,vergonha era realmente esse sentimento que predominava em mim e por isso comecei a falar antes que ficasse roxa de vergonha.

-Acho que minha primeira aula já era –sorri amarelo

-Hum..então você pode ficar aqui mais um pouco? –perguntou sorrindo também

-Ah eu não sei Edward,amanhã tem aula e eu não quero incomodar

-Aiiiiii que tudo você vai dormir aqui Bella,eu vou ligar para Alice e a convidar também –disse Rose do nada e saltitante

-Nãaaaaaaaaaaao –implorei,ela havia escutado tudo errado

-Sim –se intrometeu ele –Rose,você liga para Alice enquanto eu e Bella vamos escolher alguns filmes...vem –disse me puxando para a porta

                                               (...)

-Nããão,esse filme não! –gritou Ed quando peguei um filme de terror

-Quem é Edward deixa de ser fresco

-Bella já deu pros teus filmes de terror ok?!Agente vai pegar um de romance bem triste

-Tá doido,quer me ver chorar?

-Seria hilário,menos vergonhoso do que me ver tremendo de medo em um filme de terror

-Ai tá garoto você venceu,agente pega um ai de romance...eca

                                               (...)

-Ah não,terror de novo não –disse bravo

-Isso é suspense gênio!

-Ah –respondeu somente mudando de idéia,então nós alugamos um de romance e o outro de terror,quando agente chegou tava Emmett em um colchão com Rose,Alice sentada no sofá e Jasper olhando sériamente em sua direção enquanto descia as escadas..É DEU PRA PERCEBER OS OLHARES DELES!

-Nossa ainda bem que chegaram,pensei que tavam fazendo outro tipo de coisa –falou o tapado do meu irmão me fazendo corar na frente de todos,Edward percebeu e logo se pronunciou

-Não dá bola pra eles –disse me olhando sério

-Tá,e os pombinhos podem trazer a comida?

-Que comida Alice? –perguntei

-Agente só alugou os filmes

-Ai eu não acredito nisso seus jegues!

-Mais agente pode fazer brigadeiro

-Edward e Bella fiquem arrumando as coisas aqui enquanto nós quatro vamos preparar alguma coisa lá –disse Alice

-Vamos?

-Sim Rose,vamos! –disse séria e Rose se tocou de alguma coisa que eu não me toquei ainda

-E então...

-E então eu já vo avisando,NÃO SUJE A MINHA ROUPA –gritei simplesmente

-SE VOCE FOR BOAZINHA –respondeu o cretino

-Edward,o que tu falou pra Leah? –ele congelou


Não quer ver anúncios?

Com uma contribuição de R$29,90 você deixa de ver anúncios no Nyah e em seu sucessor, o +Fiction, durante 1 ano!

Seu apoio é fundamental. Torne-se um herói!


Notas finais do capítulo

Não deixem de comentar fofurinhas!Obrigado pela força,amo voces '-'



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A Ultima Aposta" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.