Os Domadores Sayajins escrita por BILSS O DESTRUIDOR, Matt Wagner 27, Sensei Oji Mestre Nyah Fanfic


Capítulo 11
Manipulação de Ki/ Uma nova chance para um coração gelado


Notas iniciais do capítulo

Capítulo corrigido. 07/ 05/ 2016



No capítulo anterior de os Domadores Sayajins...

Os professores de algumas escolas haviam dado toque de recolher nelas, pois achavam que uma criança travessa estava assustando os casais à noite; o que eles não sabiam era que tal criança era Impmon, um digimon em fase criança.

Após receber este aviso de seus professores, Takato ficou desconfiado de seu parceiro, mas, ao conversar com Goten e Henry, ele percebeu que não havia maneira de Guilmon ser confundido com uma criança.

Depois disso, Trunks chegou para que pudessem marcar os dias que pudessem treinar o controle de ki dos tamers e após isso retornaram às suas casas, sendo que os sayajins ajudaram Takato na criação de Growlmon que teve sua primeira batalha nesse mesmo dia.

...

─ Haaaaa – dizia Goten enquanto apertava freneticamente os botões de um joystick que havia comprado para que pudessem jogar alguns jogos.

─ Não irei perder de novo. Tome esse shoryuken – falou Trunks ao conseguir executar um movimento especial de seu avatar no jogo. ─ Ei Goten, acho que com esse jogo esquecemos de algo – perguntou Trunks.

─ Não vai me enganar haa – falou Goten ao completar um combo de vinte e cinco golpes com seu personagem do jogo.

─ Aff, você usou minha distração para vencer, mas estou falando sério. Lembra que combinamos de ensinar eles a dominarem o ki – falou Trunks ao desligar a TV.

─ Verdade, tinha me esquecido disso. Agora nós vamos na casa de qual deles primeiro? – perguntou Goten ao saírem de casa.

─ Não sei você, mas eu vou na casa da Ruki primeiro – respondeu Trunks.

─ Certo, então eu passo na casa do Takato e de lá ele chama o Henry, mas que local usaremos para ensiná-los a manipular o ki? - perguntou Goten.

─ Hum, boa pergunta, mas talvez possamos usar aquele local onde o parceiro do Takato fica quando não está em seu digivice – respondeu Trunks já começando a voar.

─ O que será que aconteceu? Por que eles estão demorando? Será que eles esqueceram? – perguntou-se Ruki antes de sentir um pequeno calafrio. ─ Não acredito que tenham esquecido – falou Ruki frustrada, antes de sentir mais calafrios.

─ O que houve Ruki – perguntou Renamon ao ficar preocupada com sua parceira.

─ Nada, mas parece que eles estavam apenas nos enganando – falou Ruki com um pouco de raiva.

─ Desculpe a demora, mas ficamos distraídos jogando – falou Trunks ao chegar voando.

─ Certo, mas cadê aquele seu amigo que está sempre com você – perguntou Ruki.

─ Ah, ele foi buscar os outros domadores e também arranjar um local para que ninguém nos incomode durante o treino – respondeu Trunks. ─ Segure-se em minha mão – pediu ele.

─ Está achando que não sei chegar a um local sozinha? – falou Ruki irritada.

─ N-Não acho isto, mas se irmos voando chegaremos ao local mais rápido – disse Trunks ao segurar a mão de Ruki antes de começar a voar novamente

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

─ Onde será que o Takato está? Não sinto o ki dele em sua casa. Acho que deve estar no parque – pensou Goten indo em direção ao mesmo.

─Então, Takato e assim ficamos empatados novamente – falou Kazu antes de colocar uma carta no tabuleiro.

─ Hey, Takato se lembra daquilo que prometemos? – falou Goten chegando a pé.

─ Ahh é mesmo, vocês prometeram que iriam nos ensinar a manipular... Digo artes marciais -  falou Takato quase deixando escapar o real motivo de Goten estar ali.

─ Agora só falta irmos à casa do Henry para chamá-lo – falou Trunks.

─ Procurando por mim? – falou o domador ao sair de um dojo de kung fu.

─ Agora podemos ir ao local onde iremos ensiná-los a manipular o ki. Então segurem-se em mim ─ falou Goten preparando-se para usar o teletransporte.

─ Vai nos levar voando? – perguntou Takato.

─ Não. Vou nos tele transportar – falou Goten usando a referida técnica.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

─ Chegamos, sentem-se em qualquer lugar por favor – falou Goten dirigindo-se para o mesmo lugar onde estava Trunks.

─ Como dissemos naquele dia, para despertarem o ki, vocês precisam de uma boa quantidade de meditação. Agora que vocês despertaram seus kis, iremos para a fase dois que é o aprimoramento de suas características/habilidades naturais através do ki, mas primeiro devem aprender a manipular o ki, e a maneira mais fácil é ensinado vocês a projetar o ki em forma de esferas. Dessa maneira – falaram os sayajins antes de Goten fazer uma demonstração.

─ E o que devemos fazer projetar nosso ki? – perguntou Henry.

─ Para projetar seus kis em forma de energia, devem concentrar seus pensamentos em manifestar sua energia através de suas maos, mas não devem forçar a saída dessa energia, já que isso dificultará a saída de ki – falou Trunks.

─ Desse jeito? – perguntou Ruki com uma esfera de ki azulada em uma de suas mãos.

─ Parabéns Ruki, é exatamente deste jeito – falou Trunks elogiando-a.

─ Certo, agora que todos conseguiram manifestar seu ki em forma de energia, nós ensinaremos vocês a como voar – falou Goten após ver que todos haviam conseguido manifestar suas energias.

─ Primeiro, imaginem que são foguetes e que seu ki é o combustível – falou Trunks.

─ Agora direcionem seu ki em seus pês – concluiu Goten. 

─ Ahh, desse jeito? – perguntou Takato enquanto voava descontroladamente, até colidir com uma caixa.

─ Humn, Takato acho que precisa de um pouco de pratica – falou Trunks.

─ Veja, cabeça de aviador, é assim que se faz – falou Ruki começando a levitar. – Hum... Como é que eu faço para voltar ao chão – perguntou a garota tentando voltar ao solo.

─ Basta se acalmar Ruki – falou Takato que agora já conseguia voar sem perder controle.

─ Bom, é isso por hoje, em uma próxima vez iremos ensinar a vocês algumas de nossas técnicas para que possam fazer algo além de observar seus digimons lutarem – falou Goten.

─ Como treino, terão de voltar a suas casas voando ou a pé – concluiu Trunks saindo do local junto de Goten.

─ Ei, voltem aqui! Não sabemos nem onde estamos – gritou Ruki furiosa com os sayajins que desapareceram nas nuvens.

─ Acho que gritar com eles não adiantará de nada. A essa altura já devem estar bem longe – falou Henry começando a levitar.

Não entendo muito de física, mas ruki, acho que ele está certo -  falou takato também que já estava levitando

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

@@@@@@@@@@@@@@@

─ Ahh, mas eles me pagam por isso – gritou Ruki antes de sentir um vento gelado. ─ Tem alguém aí? – perguntou Ruki ao sentir novamente um vento gelado, mas dessa vez acompanhada de uma presença invisível. ─ Parado aí, eu sei que vi você me seguindo – falou Ruki ao notar uma silhueta semitransparente. ─ Onde está você apareça, sei que estava me perseguindo – falou ela perseguindo o ser desconhecido, antes de ser capturada pelo mesmo.

─ Hehe, você gosta de frio, certo? – perguntou a criatura surgindo do chão.

─ Quem ou o que é você? Um digimon? ─ perguntou Ruki semi-hipnotizada pelo poder do ser que a agarrou. ─ Então, eu estou em um campo de distorção? – perguntou a garota.

─ Sim, mas também conhecido como campo digital, lugar adorável, não é? Lugar perfeito para você – falou o anjo caído.

─ Lugar perfeito – disse Ruki pensativa.

─ Você não gosta disso não é? Ema meia amizade, uma meia parceria não estou certo? – continuava o digimon para influenciar a garota..

─ Sim – respondeu Ruki em um tom monótono.

─ O motivo para tratar as pessoas com frieza é porque gosta de ser dura consigo mesma não é? – dizia o ser aumentando sua influência sobre a garota. ─ Eu entendo você mais do que qualquer outro, porque você é a minha parceira – continuou o ser.

─ Ruki, não caia nessa ele está tentando te influenciar – falou Renamon de dentro do digivice.

─ Renamon... – falou Ruki ao dirigir sua mão para pegar seu digivice.

─ Não a escute, Ruki, eu sou o seu parceiro – dizia o digimon para recuperar sua influência sobre a domadora.

─ Meu parceiro – repetiu ela ao ser novamente influenciada pelo ser maligno.

─ Sim, eu sou o seu parceiro. Eu sei que você tem um parceiro forte, veja como eu sou forte – disse o ser desconhecido ao revelar vários digimons congelados em estacas de gelo. ─ Eu batalhei e sobrevivi, aqui só os fortes prevalecem, a morte gélida aguarda todos os outros – continuou o ser.

─ O que são esses – perguntou Ruki.

─ Estes são os digimons que eu devorei – respondera o ser.

─ Você é cruel – disse a garota começando a recuperar a sua vontade.

─ Não, eu não sou, isso e pela digivolucão, é o mesmo que você tem feito – respondeu o ser tentando recupera sua influência sobre a garota.

─ Então, você fica forte pela digievolução. Acho que agora compreendo, mas isso é muito triste – disse a garota ficando com raiva do ser que a capturou.

─ Humn, será que o que acabou de dizer está falando para mim ou seria para você mesma? – perguntou o sequestrador.

─ Pare de falar comigo deste jeito, não fale comigo como se já me conhecesse, você fala como se me entendesse bem, já estou cheia você não pode me entender -  disse Ruki ao recuperar completamente sua forca de vontade

─ Graw, eu pensei que a conquistaria facilmente, mas não acabou acontecendo como planejava, isso e mérito seu claro, agora eu gosto ainda mais de você. Acho que ninguém mais poderia ser meu parceiro – falou o digimon ficando ainda mais obcecado pela garota.

─ Então acho melhor você ir procurar outro – respondeu Ruki.

─ Tudo que pretendo e ficar mais forte, e você quer continuar sendo uma forte domadora de digimon enquanto puder. Não quer, Ruki? – falou o digimon agarrando a mão da garota.

─ Solte-me! – dissera Ruki ficando ainda mais irritada.

─ Hun, está se importando com aquele digimon chamada renamon não e isso? Você não necessita de dois digimons como parceiros, se tiver com problema posso resolver, posso ver qual de nós é digno da posição, não vai chamá-la. Hunf, eu já entendi, você não quer ver Renamon destruída por min – disse o digimon.

─ Está completamente enganado – falou a raposa digital ao sair do digivice.

─ Ahh, já estava pensando que não iria aparecer – falou o digimon.

─ Venham, o campo de distorção apareceu por aqui – falou Trunks enquanto era seguido por Henry, Takato e Goten.

─ Aquilo é um campo de distorção? – perguntou Takato ao avistar um andar todo congelado.

─ O que está acontecendo aqui – falou o garoto ao observar renamon prestes a batalhar contra um outro digimon

─ Vejamos – disse Goten ao ligar o analisador de seu dx-loader.

DIGIMON: ICEDEVIMON

NÍVEL: ADULTO

TIPO: ANJO CAÍDO

ATRIBUTO: VÍRUS

CAMPO: SOLDADO DO PESADELO E ÁREA ESCURA

Esta versão gélida de Devimon tentara hipnotizar suas vítimas com o sangue frio. Caso não consiga partira para o ataque direto seus principais movimentos são a garra congelante e o hálito congelante.

─ Hunf, quatro peixes pequenos chegaram – dizia Icedevimon

─ Deixe-a em paz – disse Trunks nervoso, e aumentando levemente seu ki.

─ Não, desculpem, mas não posso, ela e minha domadora – respondeu Icedevimon obcecado com a vitória.

─ Não sei se você sabe, mas nossos digivices podem armazenar digimons o que os permite ter mais de um parceiro – falou Trunks indiferente

─ Hunf, ainda sim sou muito mais forte que Renamon, por isso serei o único parceiro de Ruki – respondera Icedevimon.

─ Então não nos resta outra opção, GUILMON, TERRIERMON, VEEMON, KOTEMON MATERIALIZAR! – disseram os sayajins e os domadores fazendo com que seus parceiros saíssem de deus digivices.

─ Se não fosse o fato de estarmos em cima de um prédio, eu cuidava de você com minhas próprias maos, mas infelizmente não queremos chamar muita atenção e nem destruir este mundo acidentalmente – falou Trunks com muita raiva.

─ Há, como se meros humanos pudessem enfrentar um digimon grww o que me atingiu – falou ice devimon antes de ser atingido por um ki blast disparada por Trunks.

─ Não me provoque, ou tem muito mais de onde esse veio – falou Trunks quase perdendo o controle e com um ki blast em sua mão, enquanto os digimons se dirigiam na direção de Icedevimon.

─ Não sei que truque usaram, mas esses aqui são um bando de amadores – OLHAR CONGELANTE ─  pronuncio o Icedevimon antes de disparar dois feixes azuis de seus olhos, que congelaram os digimons que seguiam em sua direção

─ Droga, descongele e saiam daí – falaram Takato e Henry tão desesperado que esqueceram o fato que dava para aquecer as coisas usando o ki

─ Não adianta, vão morrer congelados, mas o quê – disse Icedevimon ao perceber que o gelo começara a derreter por dentro.

─ Hehe, sorte que nós sabemos utilizar nosso ki para gerar calor – falaram Veemon e Kotemon.

─ Valeu pela ajuda – falou Terriermon.

─ Bem, vou ter que usar outras técnicas, e dessa vez não conseguirão sobreviver a ela, mesmo Renamon que é um digimon feito para sobreviver no gelo não vai suportar – falou Icedevimon mirando um ataque em direção a sua oponente.

─ MORTE GELIDA – GARRA CONGELANTE -  disseram renamon e Icedevimon respectivamente, mas Renamon teve seu golpe interrompido por Ice que lançou a mesma ao chão, então ambos continuaram a trocar golpes, mas Renamon não conseguiu acertar nenhum golpe em seu oponente e desmaiou

─ Haaaaa, fui o vencedor! Ainda quer está digimon fraca como parceira? O que este digimon fraco significa para você? – perguntou Icedevimon.

─ Renamon, o que ela significa para mim? Saiba que ela é minha amiga – falou Ruki determinada, o que fez seu digivice reagir junto a Culumon provocando o processo de evolução em sua parceira.

─ RENAMON DIGIVOLVE PARA ... KYUBIMON – ONIBIDAMA – pronunciou a digimon recém evoluída ao invocar nove espíritos flamejantes e os lançando em direção ao seu inimigo, mas este acabou desviando.

─ Tome essa – KOENRYU pronunciou Kyubimon ao ser envolvida por um dragão espiritual de gelo.

─ Dragão de gelo, sua tola tome essa -  CHUVA DE GELO – pronunciou Icedevimon antes de disparar centenas de cacos de gelo, que além de congelar o ataque de Kyuubimon ainda a deixou bastante ferida

─ Tive uma ideia, vocês podem distrai-lo por um tempo, Guilmon corra -  DIGIMUDANÇA! ALTA VELOCIDADE G -  pronunciou Takato fazendo com que a velocidade de seu parceiro aumentasse consideravelmente.

─ No três nós atacamos, um - falou Kotemon incendiando sua espada.

─ Entendido, dois – pronunciou Veemon.

─ Então vamos, três! – MÁSCARA DE FOGO – BOLA DE FOGO – VEESHOT –PEQUENO TORNADO –disseram Kotemon, Guilmon, Veemon e Terriermon respectivamente lançando seus ataques em Icedevimon fazendo com que este fosse reduzido a dados.

─ DIGIMON MALIGNO COM O PODER DES TE DIGIVICE SERA PURIFICADO ─  pronunciou Ruki ao absorver os dados de Icedevimon para seu digivice

─ Ahh, meus dados foram conservados, mas como? – perguntou-se Icedevimon de dentro do digivice de Ruki.

─ Purifiquei seus dados e te dei uma chance, mas caso não coopere, irei mandá-lo de volta ao digimundo – falou Ruki.

─ Não se preocupe, agora que purificou meus dados percebi que só um Digimon pode ser realmente parceiro de um humano e nada vai mudar isso, mas você me capturou e purificou meus dados, então agora faço parte de seu exército e mesmo não sendo seu parceiro oficial irei batalhar por você como se fosse – falou Icedevimon.

─ Certo, só espero que não seja mais um maníaco – falou Ruki ao seu novo digimon.

─ DIGIMUDANÇA – DISPOSITIVO DE CURA H -  falou Ruki para que Kyubimon fosse curada dos ataques de Icedevimon.



Notas finais do capítulo

como viram no capítulo ruki capturou ice devimon e comecou a formar seu exercito dando uma chance ao ex vilão que so queria uma parceira humana
so para lembrar os digimons capturados nao evoluirao eles manterao as formas que foram capturados so evoluirao quando acontecer eventos especiais como o final de tamers onde culumon evolui geral do digimundo para combater o d reaper



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Os Domadores Sayajins" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.