Amigo noturno escrita por Angelina Dourado


Capítulo 6
Sexta Noite


Notas iniciais do capítulo

Palavra do dia: tangível



Naomi não imaginava que ele realmente fosse algo tangível, já que todas as noites ele conseguia mover o seu corpo de tamanho considerável por uma fresta minúscula de seu armário. Esse fora um dos motivos que a tinha feito temer o resultado de seu plano.

O monstro estava de costas encolhido em posição fetal, amarrado e assustado com a luz que a menina segurava. Naomi sentiu uma pontinha de orgulho, já que conseguira tomar o controle da situação. Com cautela, a menina aproximou suas mãos da cabeça do monstro, sentindo os fios duros e encardidos fazerem cócegas em suas palmas.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Amigo noturno" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.