Amigo noturno escrita por Angelina Dourado


Capítulo 10
Décima Noite


Notas iniciais do capítulo

Palavra do dia: garrafal
Olha, essa foi difícil e quase acabou com o enredo que eu estava bolando na minha cabeça. Felizmente eu consegui dar a volta por cima... Eu acho.



O monstro abriu sua boca revelando centenas de dentes que iam além de sua garganta. Esse ato fez Naomi recuar alguns passos por conta daquela visão horrenda, logo se dando conta que aquela era a resposta para a sua pergunta.

– Então você realmente não fala. – A menina disse decepcionada ao contrário do monstro que exibia um sorriso macabro.

Logo atrás de Naomi havia uma cômoda infantil, onde estava localizado um pequeno rádio em formato garrafal. Inesperadamente, o eletrônico começou a realizar ruídos ora altos ora baixos, até seus sons desagradáveis se sintonizarem para formarem uma frase:

– Não da maneira convencional.



Notas finais do capítulo

Não sei se existe algum modelo de rádio garrafal... Provavelmente em algum camelô deve ter algo parecido... Eu espero.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Amigo noturno" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.