Príncipe Às Avessas escrita por G a b i


Capítulo 13
Epílogo


Notas iniciais do capítulo

Olá! :)
Como prometido, aqui está o Epílogo!
Pequeno, simples, mas espero que vocês gostem :)
É inteiro pelo POV da Calipso!
Nos vemos nas notas finais (Tem anúncio de uma nova fic e é #Percabeth!)
Boa leitura!



Querido diário,

Não, espera.

Hm...

(Querido Leo Valdez, saiba que se você está lendo isso, eu ainda o odeio.)

Pronto, agora sim podemos começar direito.

Querido (novo) diário, dessa vez você não vai me causar problemas.

Você vai servir apenas para registrar momentos Caleo. Ou seja, Calipso+Leo. Deuses, não acredito que eu estou usando isso!

E, sim, Leo é aquele projeto de ser humano que eu costumo chamar de namorado. (Não é mesmo, amor? Eu sei que você está lendo. Não duvide disso.)

Então a menos que alguma pessoa sem noção se interesse por um relacionamento estranho, no qual dois adolescentes vivem entre tapas e beijos e... outras coisas, eu diria que ninguém vai querer ler isso aqui.

Bom, vamos começar pelo fato de que...

Foi aquele idiota do Leo que me deu esse diário. (Desculpa, babe. Os insultos são força do hábito. Eu ainda te amo. Ou não.) Ele insiste que eu devo registrar os nossos "momentos épicos" aqui.

E eu acabei concordando.

Não me pergunte o motivo.

Está bem, eu falo.

Eu concordei porque Leo me chantageou. Pois é, eu disse que ele era um idiota.

Leo construiu um Valdezinator.

O que diabos é isso? Calma, eu explico. É um instrumento que meu namorado lindo, gostoso e perfeito construiu. Sim, eu estou fingindo uma tosse nesse momento. (Você não pode pegar de volta, meu amor. Trato é trato.)

Esse treco, digo, o MEU Valdezinator, meio que parece a mistura de uma caixa de música com aqueles gramofones antigos. Enfim, é genial! (Não fique se achando por isso, Valdez.)

Mas claro que Leo só concordou em me dar o Valdezinator se eu escrevesse — todos os dias — "momentos fofos" sobre nós aqui. Ou seja, CHANTAGEM! Mas como eu queria muito o instrumento para mim, acabei concordando.

Eu ainda não sei tocar muito bem, mas Leo está me ensinando. Todos os dias depois da aula, nós vamos para a nossa casa na árvore tocar. Bom, nós também fazemos outras coisas lá, mas isso não vem ao caso agora. (Não é mesmo, Leo? Nem pense em abrir essa sua boca, ou eu te mato!)

Bom, como essa é a primeira vez que eu estou escrevendo aqui, queria começar de um jeito diferente. Ou seja, não reclamando!

(E, Leo, nem pense em ficar se achando o máximo depois disso que você vai ler. Sim, eu sei que você vai ler até o final. Eu te conheço muito bem. Não tem mesmo medo de morrer!)

Bem, aqui vamos nós!

Eu tinha outro diário antes desse e... pode-se dizer que destruir ele foi bom. Na maioria das vezes eu só reclamava nas páginas dele. E também escrevia meus sonhos impossíveis, alguns até fúteis.

A verdade é que eu quase sempre escrevia sobre um príncipe encantado. Sobre como eu queria que ele fosse; e sobre como ele iria ser perfeito e me fazer feliz.

Mas... parando para pensar... até que esse meu sonho não era assim tão impossível.

Eu o encontrei.

Ele não é loiro, nem tem os olhos verdes.

Ele não sabe tocar violão e canta muito mal. Mas ele construiu o Valdezinator.

Ele nunca tinha beijado alguém antes, assim como eu. E, sim, eu fui a primeira namorada dele, assim como eu queria.

Resumindo: Esse garoto não foi o que eu tinha descrito naquele outro diário àquela vez. Mas esse garoto é o garoto que me faz realmente feliz. O garoto que sempre esteve ao meu lado, e que com certeza me vê como muito mais do que um rostinho bonito.

Ele é tão especial que merecia um Oscar só por aturar os meus chiliques. (Eu sei, babe. Ainda estou trabalhando nisso. Vou melhorar muito mais. Prometo.)

Ah, o nome do tal príncipe?

Bom, ele definitivamente não faz o tipo príncipe. Mas...

Leo.

Leo Valdez é o garoto que eu amo.

Leo Valdez é o meu príncipe às avessas.

Calipso.

Oct 7th, 2015.



Notas finais do capítulo

Oi, de novo :)
Agora é oficial, a fic acaba por aqui.
Obrigada a todos que adicionaram aos acompanhamentos (37 até hoje), a todos que favoritaram a história e obrigada a quem recomendou. Mas, principalmente, um MUITO obrigada a quem comentou!
Espero que tenham gostado :) E eu gostaria MUITO de saber o que vocês acharam da fic como um todo e, claro, desse Epílogo. Então... Que tal deixar um comentário? Ainda da tempo!
Bem, era isso. Obrigada por darem uma chance para a minha história :)
[E para quem shippa #Percabeth]... Espero ver vocês nos comentários da minha nova história: https://fanfiction.com.br/historia/665839/Percabethe/
Até qualquer dia o/
Xoxo,
Ga b i.


(18/12/2015)