A disputa pelo Grêmio Estudantil escrita por Lorde Barão


Capítulo 8
Epílogo




Diário de Lucas Monteiro

(continuação)

Sábado — Após passar por uma semana movimentadíssima, enfim teria um pouco de descanso. Ou quase, pois mais uma vez Helena decidiu brincar de marinheiros. No parque da cidade, em um agradável lugar cercado por árvores, nossa querida brutamontes estava lá, com sua fantasia e desempenhando o papel de almirante. Eu e Urbano também estávamos lá, lógico, ambos de uniforme.

— Atenção soldados! — ela gritou. — Antes de começarmos a simulação de hoje, gostaria de informá-los sobre as novidades da vez. Agora que Gary Babaca da Silva foi rebaixado a um zero à esquerda, uma cabeçorra vermelha com poderes místicos tá procurando um novo escolhido, e acho que seríamos os candidatos perfeitos.

— Eu acho que não será necessário — eu opinei. — Nós, fracassados por natureza, já passamos por grandes sufocos quase que todo dia. Eu não quero agitar minha vida mais que o necessário.

— Qualé Lucas! — disse Urbano. — Pense no lado positivo. Imagina se fossemos os escolhidos dessa profecia da qual nunca ouvi falar e nos tornássemos heróis. Cara, seríamos um sucesso mundial, ganharíamos bonecos de ação, seriados e filmes. Pessoas escreveriam fanfics da gente no “Miau! Fanfiction”*. Apenas pense nas possibilidades.

Eita, só foi o Urbano falar de fanfic que me lembrei de nossa querida colega de classe, Yakira Tanaka. Aquela maluca, além de incomodar os outros para acabar com o tédio, também ficava perseguindo um monte de gente, buscando inspiração para seus contos doentios. Não, mais do que nunca eu não queria ficar famoso, e dessa forma não queria ser o escolhido de nada.

Claro que Helena insistiu. Ela disse:

— Acho que você devia escutar seu parceiro, Lucas. Aliás, eu tive uma ideia. Vambora fazer agora uma votação: quem quiser me apoiar, levanta a mão!

— Temos um pequeno problema — Urbano alertou. — Lorenzo ainda não chegou.

— Puts, o pior é que é verdade! — ela comentou. Direcionou o olhar para todas as direções, olhou até para o céu azulado, mas não conseguiu achar o companheiro.

Pouquíssimos minutos se passaram até que eu vi Lorenzo de longe, se aproximando como se não tivesse pressa. Naquela hora, Helena olhava Urbano e eu, e continuou desse jeito até que nosso alegre companheiro disse:

— Oi pessoal. Perdoem-me pelo atraso.

E nossa líder, ao mesmo tempo que se virava para o garoto, reclamou:

— É bom que isso não se repita, ouviu bem? Se você se atrasar de novo…

Mas ela não conseguiu completar a bronca, pois quando viu Lorenzo, percebeu que o uniforme de marinheiro que ele trajava não era aquele de sempre. Não, nosso sempre alegre amigo vestia mais uma vez a roupa dada por Cosme, a mesma que hipnotizou Barbara. Outra vez Helena agiu de um jeito esquisito, e seu rosto se enrubesceu.

— Oh, vocês devem ter notado meu novo visual para as simulações. Sabem, depois daquele dia eu descobri que adoro andar de shorts. Acho que vou andar com shorts por aí mais vezes. — Lorenzo não parou de notar a esquisitice de sua amiga. Ele estalou os dedos umas três vezes na frente dela e perguntou: — Helena, cê tá legal?

E ela virou-se de costas pro companheiro, tapando os olhos com um dos braços e argumentando:

— Lorenzo, você não pode sair por aí desse jeito. Tá muito indecente.

— Do que está falando? — perguntou o gentil garoto.

Do nada, Helena arranjou a fantasia de Lorenzo, aquela com as calças compridas (e não me perguntem como ela fez aquilo), avançou pra cima dele, com uma raiva desenfreada e o rosto ainda avermelhado. Ela berrou:

— Vista esse uniforme! Tire essa roupa e vista esse uniforme!

— Não! — Lorenzo gritou, fugindo o mais depressa que podia.

Nossa líder cabeça-dura correu atrás do colega, enquanto que eu e Urbano permanecíamos parados, vendo tudo de camarote. E foi assim que consegui ter o restante do fim de semana para ter um pouco de paz.


FIM



Notas finais do capítulo

“Miau! Fanfiction”: Essa referência ao famoso site de fanfics foi usada pela primeira vez no capítulo 36 de "This Is My Gang!", criada pelo usuário Metal_Will. Esse cara possui o talento único de escrever histórias fodas, e recomendo que você, querido(a) leitor(a), visite o perfil dele e dê uma conferida nas histórias. A propósito, boa sorte com "Alien Panic", Metal_Will.
Bem, acaba aqui mais uma doida aventura de Helena e sua turma, e dessa vez as coisas nunca mais serão as mesmas. Pois é, vocês já devem saber do que estou falando.
...

De agora em diante, Lorenzo usará shorts mais vezes, no melhor estilo Jake English de Homestuck. Ah sim, também tem o lance do Grêmio Estudantil, mas acho que ninguém se importa com isso.
E se alguém aqui achou que essa fic teve muito ship tease, talvez mais do que o normal, saibam que foi proposital. Afinal, muitos fãs shippam seus personagens favoritos, então achei que seria divertido brincar com os fãs das minhas fics. Sim, eu também acho que vou me arrepender disso, mas dane-se.
Bem, assim como em "Metal Ikarus", vou botar aqui os agradecimentos. Eu, R Freitas, gostaria de agradecer aos seguintes usuários do Nyah:
— Deschain, que embora tenha comentado apenas nos primeiros dois capítulos, postou reviews épicos, talvez os melhores que já vi, sem contar que favoritou a fic e a botou nos acompanhamentos;
— Mila Karenina, que postou um comentário simplório e agradável no primeiro capítulo;
— As outras pessoas que botaram a fic nos acompanhamentos e não posso ver quem é;
— Algum leitor fantasma que lê a fic ao acaso;
— E por fim, qualquer futuro leitor que for ler essa história.
Pronto, termino aqui as notas finais do epílogo. Até a próxima, meus amigos.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A disputa pelo Grêmio Estudantil" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.