Amores Secretos escrita por Anonimous


Capítulo 4
Ciúmes


Notas iniciais do capítulo

Oi!



– Não te entendo – Digo sorrindo – Eu senti pena daquela garota, ela era legal – Digo e Dylan me ignora, andando a minha frente – Dylan, eu estou falando com você.

– Eu sei – Ele responde com a voz seca – E estou o escutando.

– Relaxa – Thalia aparece ao meu lado – Isso é ciúme – Ela grita para o irmão ouvir e ele andou ainda mais rápido – Ele não vai te tratar assim por muito tempo.

– Mas o que fiz para ele ficar assim? – Pergunto jogando alguns livros em meu armário.

– Nasceu lindo desse jeito – Ela diz sorrindo – Você não fez nada, o problema são as pessoas ao nosso redor, olhe aquelas três ali, elas não param de olhar para você e cochichar, olhe aquele menino, ele literalmente está babando por você, e sem contar a professora Jennifer que explicou toda matéria o olhando.

– Eu nem reparei – Digo sorrindo e ela balança a cabeça.

– Claro que não, você ficou a aula toda olhando para Dylan e conversando – Ela diz segurando em meus braços e andamos de braços dados pelos corredores – Mas ele, ah sim, ele sim percebeu tudo, ele encarava todos com um olhar raivoso, como se você fosse só dele. Em certas partes é sim, mas ele deve raciocinar um pouco, você vai fazer novas amizades.

– Viu algum dos meus irmãos por aí? – Pergunto olhando por todos os corredores que passávamos.

– Alex e Petter – Ela aponta para os meninos que conversavam com Ethan – E suas irmãos está no grupinho de Rebecca Johnson.

– E você está aqui, andando com a irmã do garoto mais popular da escola, acho que dentre todos você foi que caiu no melhor grupo – Ela sorri e me puxa escadas abaixo.

– Agradeço por isso – Digo sorrindo – E como agradeço!!

– Logan!! – Escuto uma menina gritar meu nome e me viro rapidamente, Ellie Stanford estava parada ao meu lado, sua mão esticada me entregava um, convite – Minha irmã fará uma festa na minha casa hoje, e acho que seria bom te ver por lá.

– Olha aqui garota!! – Thalia disse irritada.

– E esse é seu e de seu irmão – A menina tira dois convites de sua bolsa rosa e entrega a Thalia que me olha sem entender nada.

– Ah, e diga a ele para não faltar – Uma garota loira de olhos azuis sorri para mim, logo se vira para Thalia – As festas sem Dylan não são a mesma coisa, ele...

– Tudo bem!! – Digo elevando um pouco o tom de voz e Thalia sorri – Já entendemos que você é apaixonada por ele, pena que ele não está nem aí para você.

– Como ousa falar assim comigo, seu garoto idiota – A menina diz me fazendo sorrir.

– Eu só disse a verdade – Digo sorrindo ao ver a expressão que se formava no rosto da menina – Eu sei o quanto ele é apaixonado por uma pessoa, que convenhamos, seria feio citar nome sem a permissão dele...

– O que? – Todas as meninas disseram ao mesmo tempo e olharam atentamente para mim.

– Isso mesmo – Thalia disse me tirando dali – Mas como Logan disse “Seria feio citar nome sem a permissão dele”.

Descemos as escadas sorrindo sem parar. Deixei Thalia com Dylan e fui buscar algo para comer.

– Logan Cooper – Um garoto chegou ao meu lado – O novo melhor amigo de Dylan.

– Ele já teve muitos? – Perguntei sorrindo.

– Sim, muitos – O menino disse dando ênfase a palavra muitos – Ah, Me desculpe – O menino estende a mão para mim – Simon Gavril.

– Então acha que ele vai largar como fez com essas outras amizades? – Pergunto e o menino sorri, um sorriso lindo, seus olhos verdes eram incríveis e seus cabelos loiros brilhavam a luz do sol.

– Claro que não – Ele diz pegando uma maçã e me entregando outra – Só um idiota para não perceber a forma que ele te olha – O menino faz um sinal com a cabeça e sigo seu olhar, dali vejo Dylan me olhando, ele batia freneticamente os dedos na mesa, Thalia estava ao seu lado conversando com Harry, um garoto que ela sempre fora apaixonada – Ele gosta de você, eu percebi toda aquela cena na sala de aula, digamos que ele é tão louco por você que tratou mal a filha do governador.

– Aquela garota era... – Digo boquiaberto.

– Não sei por que ela não arrumou um barraco enorme – O menino disse sorrindo – Talvez seja por que ainda tenha uma quedinha por ele.

– Você quer dizer que eles já namoraram? – Pergunto caminhando até a mesa de Simone sentando ao seu lado, você agora deve estar se perguntando por que não estou junto com Dylan, é bom fazê-lo perceber o quanto significo para ele, e que apesar de todas essas pessoas estarem dando em cima de mim eu não ligo, eu amo apenas ele – É muita informação para um dia só.

– Eu sei – Simon disse mordendo a maçã da forma mais sexy que conseguia, duas garotas que passavam ali sorriram para ele – Mas eu achei legal o avisar sobre algumas coisas... e não é só Dylan que está caidinho por você.

– Disso eu sei, sou encarado a cada dois segundos por alguém – Digo sorrindo e ele balança a cabeça, como se eu tivesse dito algo de errado.

– Eu não estou falando de qualquer, estou falando de um garoto que apesar de tudo que você fez a ele, ele está doidinho por você – Ele aponta para uma mesa excluída no canto do gigantesco refeitório, e quando olho meu coração dispara, não por que o garoto era lindo ou algo do tipo, nem eu sabia explicar o porquê daquilo.

– Ethan – Digo olhando para Simon – Não pode ser – Digo sorrindo – Hoje mesmo eu dei um surra e humilhei ele na frente de todos – Ele é masoquista, só pode – Digo fazendo Simon cuspir toda a comida que estava em sua boca, fazendo todos nos olharem, principalmente Dylan, que não estava nem um pouco feliz.

– Caramba, Logan – O menino disse tentando se recuperar de uma crise de gargalhadas – Nunca mais diga isto.

– Mas é a verdade – Digo sorrindo e o olhando.

– Agora você tem as opções, o vilão ou o mocinho da história – Ele diz sorrindo – Decisão difícil não é mesmo, enquanto um é moreno dos olhos azuis o outro é loiro dos olhos azuis, enquanto um é o capitão do time de basquete, o outro é capitão do time de futebol americano... Tenho dó de você.

– Eu amo Dylan – Digo pegando o menino de surpresa – E nem em outro planeta eu ficaria com o idiota do Ethan.

– Você me ama? – Dylan aparece ao meu lado de surpresa e me olha com um sorriso no rosto, eu me senti corar, e naquele momento queria cavar um buraco e jogar dento dele – Simon!! – Dylan disse cumprimentando o menino.

– Vocês armaram isso para mim – Digo surpreso – Idiotas – Digo acertando um murro no ombro dos dois que gritaram – Quer dizer que já sabia o que Dylan sentia por mim... E aquilo de Ethan é verdade.

– O que tem Ethan? – O menino pergunta revezando os olhares entre mim e Simon que balançava a cabeça e me olhava com um olhar do tipo “Devia ter calado a boca”, e foi então que me dei conta da burrice que havia cometido e que Dylan não sabia daquela parte.

– Não vejo o porquê de mentir – Simon diz, temendo o pior – Seu maior inimigo – O menino disse apontando para Ethan e quando todos olhamos ele estava me olhando com um sorriso no rosto – Hoje eu o escutei dizer para uma amiga que estava...

– Estava? – Dylan me olha com a raiva ali em seus olhos.

– Apaixonado por Logan – Ele diz e sinto Dylan se enrijecer na cadeira, seus olhos escureceram e ele olhou para o garoto do outro lado do refeitório com um olhar raivoso, e quando se levantou eu o segurei.

– Vem comigo – Digo o puxando para fora do refeitório e Thalia nos olhou e li seus lábios “O que está acontecendo?”, “Não se preocupe” respondi com um sorriso no rosto e ela retribuiu, levei Dylan até o banheiro e fechei a porta, para que ninguém entrasse ali, o local estava vazio – O que você iria fazer?

– Eu ia quebrar a cara daquele idiota – Ele diz socando o espelho – Eu odeio aquele garoto, e agora que encontrei alguém que amo de verdade ele quer tirar essa pessoa de mim.

– Você mesmo que disse que nosso relacionamento era um segredo pois você sempre temeu a reação de seus pais – Digo irritado, por mim eu assumiria aquilo em meio toda a escola, eu o amava e faria qualquer coisa para ficar ao seu lado – Você acha que isso resolveria alguma coisa, Dylan.

– Me Desculpe, Amor – Ele disse com um olhar tão triste que me deixou triste, então o abracei e ele se grudou em mim, como uma criança se gruda no pai que acabara de chegar do trabalho.

– Você devia confiar mais em mim, eu tenho minhas amizades, quer dizer, estou construindo novas amizade e se você ficar com esse ciúme bobo vai acabar atrapalhando tudo – Digo e ele me olha triste.

– Eu te amo, Logan – Ele diz baixinho – E da última vez que amei alguém eu simplesmente fui abandonado, e isso doeu em mim, eu era fechado e quase não expressava reação nenhuma, eu não era ciumento, mais de uma para outra ela me traiu com meu melhor amigo, depois disso, eu mudei, deixei de ser aquele otário.

– Se ela o traiu é por que não o amava de verdade, Anjo – Digo e o vejo sorri – Olha, eu te amo e por mais que mil, dois, ou milhão de pessoas estejam a fim de mim eu só vou ter olhos para você – Cada palavra que dizia, o sorriso naquele lindo rosto aumentava.

– Então quer dizer que.. – Ele me olha sorrindo.

– Sim, eu não gosto de Simon e muito menos de Ethan – Digo e ele sorri.

– E de Ellie? – Ele me olha com uma cara engraçada.

– E-U T-E A-M-O – Digo o beijando e naquele momento todos os problemas desapareceram, eu sentia suas mãos percorrer meu rosto e minhas costas, eu senti aqueles lábios quentes e suaves sobre os meus e naquele instante percebi que não era preciso mais nada, eu era o garoto mais feliz do mundo.



Notas finais do capítulo

Gostaram??
Comentem PFV



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Amores Secretos" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.