A Chance For Love: 2ª Temporada escrita por Daniela Araujo


Capítulo 6
Capítulo 6: Voltando Para Nova York


Notas iniciais do capítulo

Desculpe a demora, amores! Estava sem inspiração para escrever, mas aqui está um novo capítulo. Espero que gostem e boa leitura!



Stella sentiu o coração vibrar ao ouvir a voz dele. Mas infelizmente não foi o que ela esperava. Foi apenas o correio de voz que lhe deu uma falsa esperança. Stella desligou e guardou o celular no bolso de seu short jeans que valorizava perfeitamente aquelas curvas, ela começou caminhar pela areia branca enquanto sentia a brisa do mar se chocar com seu rosto. Sua mente se perguntava porque de toda aquela mudança em sua vida? Estava tão feliz ao lado de Mac, mas tudo desandou de uma forma tão estúpida e sem sentido.

Como você foi cruel Bonasera. O abandonar no momento em que ele mais iria precisar do seu apoio e amor. Você é a forte aguentaria a pressão de tudo e todos. Ele brigou por você ele fez sacrifícios para estar ao seu lado. E o que vc fez por ele? Ah deixa me ver... nada sua tola, você não fez nada. Apenas reagiu como uma garotinha mimada do papai que foge quando ao situação fica complicada. Foi isso que você fez com o homem da sua vida. – Os pensamentos dela riam de sua total falta de coragem.

Stella respirou fundo. Aquilo estava acabando com ela. Sentia falta dele, dos seus beijos, seus toques, suas mãos suaves deslizando por seu corpo. Até daquele roquinho que ele tinha quando estava muito cansado. Não pode deixar de sorrir, aquilo era incrível, como que coisas bobas como isso lhe fazia falta. Mac era um homem maravilhoso e ela o deixou esvair por seus dedos. A sua estupidez e tão grande que as vezes você supera tudo. Ela se sentou na areia e ficou olhando aquela imensidão de água azul era tão surreal aquilo você olhar e ser tão azul mas quando põe nas mãos fica tão cristalina. Aquilo a deixava mais calma só que não afagava a dor da saudade que estava de Mac.

Xxxxxxxxxx

A neve da noite anterior cobria toda a calçada. O calor que estava dentro de casa era tão agradável e aconchegante. Mas aquilo teria que acabar. Após um gole em seu cafezinho, Mac pegou as chaves e seu casaco onde foi saindo. Iria inicia seu mais novo estágio em uma empresa norte americana de exportação. Ele teria que trabalhar duro, , pois não contava mais com o dinheiro de seu pai.

Depois de tudo que aconteceu, Mac decidiu que iria crescer com suas próprias pernas. Não queria mais nada de seu pai. Apenas seguir em frente. A morte de sua mãe foi tão dolorosa que ele tinha que crescer e virar o homem que ela tanto queria que Mac fosse. Ele entrou em seu carro sugou o ar frio para os pulmões e viu seu celular chegando mensagens. Ele olhou e viu que havia sido Stella que tinha o ligado. Ele teve que ter muita força de vontade para não retornar à ligação. Ele queria tanto que Stella estivesse ao seu lado naqueles meses ruins. Mas não decidiu que seria melhor ir embora.

Ele jogou o celular no porta luvas e deu partida em seu carro. Não poderia ser atrasar no seu primeiro dia de trabalho.

Pelo caminho ele foi pensando em Stella. O que será que ela queria? O que será que ela estaria fazendo?

Você tem que seguir em frente Mac. Ela desistiu de vocês. Ela não aguentou a pressão que vc estava vivendo. Esqueça ela, faça o que ela te disse quando o intimou a deixa -la em paz e esquecer que um dia tiveram algo.

" -Stella, não faça isso comigo. Não faça isso com a gente meu amor . -Mac implorava a ela que não o deixasse. - Eu te amo tanto e preciso de você aqui ao meu lado. Necessito do seu apoio neste momento tão difícil para mim. -ele disse com o olhar perdido.

–Sinto muito Mac, mas não dá mais eu não quero isso pra mim e acho melhor acabar com isso antes que saímos mais machucados. Eu preciso pensar preciso ficar sozinha. Então adeus Mac. Não me procure mais. -Disse com um no na garganta enquanto pegava suas coisas ruins ia saindo. "

Mac ao se lembrar disso soltou um suspiro de frustração. Aquelas palavras duras de Stella abriram uma fenda dentro de si que deixou todo o amor que ele tinha por tudo se esvair. Mac se fechou e ficou mais frio em questão de relacionamentos. Ele não podia negar que tinham muitas mulheres bonitas ao seu redor. Mas não era à mulher que ele queria.

Xxxxxxxxxx

Stella ficou um mês na Florida. Já não aguentava mais ver areia e muito menos o mar. Queria voltar para a selva de pedra. Aquilo era o seu lugar e onde sentia falta. Após algumas horas de vôo ela estava descendo no JFK. Nossa como aquilo era bom, de volta ao lar. Ela respirou fundo e sorriu, pegou suas malas e seguiu em busca de um táxi. Já instalada em seu apartamento Stella caminhou em direção a janela de seu apartamento, enormes janelas que iam do piso ao teto onde se podiam ver toda a cidade.

Este era o privilégio de morar no último andar. Ela olhou para aquele imensidão de Manhattan e pensou. Onde Mac estaria naquele momento? Será que lembrava -se dela ainda? Ou fez o que ela pediu a esqueceu. Eram tantas perguntas sem respostas. Como ela ansiava ver ele. Stella se acomodou em seu aconchegante apartamento e deixou tudo arrumado. Seu estômago deu sinal de vida precisava comer algo.

Ela pegou sua bolsa e as chaves do apartamento. Estava doida para conhecer o novo restaurante grego que havia sido inaugurado a uns dias. Caminhando pelas ruas movimentadas de Manhattan ela sorria olhando os outdoors as luzes convidativas e animação das pessoas. Estava tão distraída quando seu corpo se chocou com o de outra pessoa. Seu ombro sentiu a pancada.

STELLA: Aí. - Gemeu.

MAC: Me descu... - o homem que vinha apressado perdeu a voz ao ver aqueles olhos iluminados..._Desculpe eu não a vi. - ele ajeitou a lapela de seu terno.

Stella sentiu como se ouves se esquecido de como se respirava. Era ele ali na sua frente e estava perfeito.

–O que eu faço. Vamos Stella pensa não fica com esta cara de tonta pelo amor de deus. Vamos diz algo.– A mente dela gritava implorando para ela reagir.

STELLA: E... tudo bem. - O nervosismo tomou conta de seu corpo.

Mac tentou parece o mais sério possível, não esboçou nenhum sentimento. Apenas confirmou com a cabeça e foi saindo do lugar. Ela viu como se a felicidade estivesse indo embora sem olhar para trás.

Mac saiu rápido daquele lugar se sentiu sufocado. O nó de sua garganta o impedia de gritar.

MAC: Era ela, bem ali na minha frente. Como estava linda, bronzeada... A estava linda demais. - Mac pensava enquanto caminhava rápido para longe dali.





Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "A Chance For Love: 2ª Temporada" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.