Naruto Epic escrita por Sr M


Capítulo 3
Um Pobre Mendigo


Notas iniciais do capítulo

Eai gente,

ontem eu estava escrevendo loucamente pra dar tempo de terminar e postar no domingo kkk enfim terminei jé era 2:30 da manhã.

moral da história, de um jeito ou de outro, ia postar na segunda, daí achei melhor deixar pra postar agora q é horário de pico kkk

bora ler então, espero q divirtam-se bastante xD

Sr. M.



Naruto e Sakura estão agachados em um arbusto na margem externa do lago que circula o castelo e, há uma amurada na margem interna dele, onde guardas transitam vigiando para que ninguém tente invadir.

No centro há um portão de madeira abaixado sobre o lago fazendo as vezes de uma ponte e, em sua extremidade estão dois cavaleiros chutando o traseiro de algum maluco querendo falar com a rainha.

– Como foi que eu não vi esse castelo "pequenininho" antes ? - Sakura diz irônica num sussurro.

– Vai ver você não prestou atenção. Mas o que me preocupa agora são aqueles dois caras mal encarados. Viu como eles jogaram pra longe o homem ?? Como vamos passar por eles ? - Naruto se manifesta também aos sussurros.

– Boa pergunta. Sou uma monge não posso bater neles sem tentar entrar numa boa antes. Infelizmente.

– Melhor que não, afinal, viriam vários outros ajudar e estaríamos ferrados. Precisamos bolar um plano. - Ele conclui pensativo e desanimado. - Já sei !!! Vou resolver nosso problema, fica aqui e observa, ok ? - Muda de repente para um sorriso malandro de quem vai aprontar.

Naruto sai do arbusto disfarçadamente para não chamar a atenção dos guardas.

Sakura o observa ir até eles. O garoto fala, gesticula, olha pra um lado e pra outro, chama o homem pra perto passando um braço sobre seu ombro de forma meio suspeita e mostra um pergaminho.

Após o ler, ele faz sinal negativo com a cabeça e devolve o papel ao Naruto, que o guarda nas vestes e volta em direção a Sakura irritado. Se vira pro portão pra ver se não estão olhando e se esconde novamente.

– Droga !! Não funcionou. Disseram que uma ordem de serviço não me dá direito algum de falar pessoalmente com a rainha. - Diz bufando com os braços cruzados.

– Certo. Minha vez. Vou te mostrar como uma profissional de verdade faz. - Sakura retira sua capa branca de viagem e Naruto escancara a boca depois de olhar a garota dos pés a cabeça 3 vezes.

Ela usa um tipo de top preto que contorna bem os seios que não são gigantes, mas não deixam nada a desejar. Ele vai até poucos centímetros acima do umbigo, deixando sua barriga lisa e branca a mostra, e tem um delicado babado no busto. Nos quadris ostenta um cinturão dourado de tamanho médio com tiras de couro menores na frente e maiores atrás semelhante a uma saia entrecortada. Por baixo uma calça preta apertada que desce até o tornozelo e nos pés uma sandália bem trabalhada com fitas trançadas. Para completar solta os lindos e longos cabelos rosas e ajeita o decote.

Naruto está sem palavras enquanto baba na garota que sai e vai rebolando exageradamente rumo aos cavaleiros.

Naruto a vê jogando o cabelo pra trás e colocando uma mão na cintura enquanto leva um dedo da outra até a bochecha fazendo um biquinho com a boca como se estivesse confusa.

Ela vai falando e tenta passar a mão no peitoral da armadura do guarda de forma meio brusca fazendo-o se afastar uns passos. Ela fecha o punho e o garoto percebe que Sakura está ficando brava enquanto o cavaleiro fala e faz sinal negativo com a cabeça. Em seguida ela aponta o dedo pra cara do guarda descontroladamente se vira e sai xingando sozinha.

Ela nem disfarça pra entrar no arbusto, mas por sorte os guardas após darem de ombros não a seguiram com os olhos.

Mas que MERDA !!! Qual o problema desse povo hein ?? - Ela pergunta sem nem abaixar a voz.

– Se acalma antes que nos vejam aqui menina. - Naruto sussurra preocupado. - O que aconteceu afinal ?

– Ele é ... suspeito ... por assim dizer. - Diz tentando se controlar para não voltar a xingar.

– Não entendi. Não somos nós os suspeitos por estarmos escondidos numa moita e tentando entrar no castelo sem permissão ? - Naruto pergunta ingênuo.

Sakura dá um suspiro profundo devido a inocência dele.

– Naruto, você é menino certo ?

– Sim, eu sou. Porque ? - Agora ainda mais confuso.

– Bem. É normal que você goste de meninas suponho eu. - Sakura afirma arqueando uma sobrancelha a espera de uma resposta positiva.

– Claro, né. Mas e o que isso tem a ver ? Não tô te entendendo garota. - Naruto já começa a perder a paciência com a falta de objetividade de Sakura.

– Pois é. Ele não gosta. Como você pode ser tão lerdo ? O cara é GAY Naruto !! – conclui perdendo o controle do tom da voz.

– E eu é que vou saber dessas coisas. E pouco me importa. Só sei que seus "dotes" não nos ajudaram e continuamos na mesma. - Agora com um ar desanimado.

– Foi mal, cara ... isso quer dizer desculpa, mas com sotaque. - Se explicou antes mesmo de Naruto lhe perguntar.

– Tudo bem, nós tentamos. - Sorri fraco.

– Hey. Espera aí. Você não é um mago ? Tem chapéu e cajado, só pode ser mago. Porque não faz uma magia pra nos colocar pra dentro ??? - Sakura pergunta com entusiasmo.

– E você acha que não foi a primeira coisa que tentei ? - Naruto responde estendendo as mãos num floreio desnecessário. - Acontece que esse lugar tem um campo ante-magia fortíssimo. Sem chances de conseguir conjurar um teleporte aqui. - Ele termina com a voz mais baixa.

– Ai, e agora ? O que vamos fazer pra entrar nesse bendito castelo ? - Pergunta sem esperar resposta.

– Você disse entrar no castelo ?? - Rebate uma voz rouca.

– Aaaah !! - Sakura grita pulando pra trás de Naruto e mexendo muito a moita.

– Como foi que chegou atrás de nós ?? - Pergunta o mago desconfiado. - Quem é você ?

– Oras. Sou só um pobre mendigo. É normal que não tenham reparado em mim. Hahaha

O homem tem uma aparência velha e cansada. Usa uma capa marrom desbotada feita de vários sacos costurados e um capuz preto que não combina em nada e, faz sombra de forma que seu rosto não pode ser visto direito. Está com os pés sujos e descalços e carrega um cajado de madeira simples que o ajuda a se apoiar.

Naruto ainda desconfiado pergunta. - E o que tem se quisermos entrar lá ?

– Não tem nada ...

– E então ?? - Agora é Sakura quem pergunta.

– E então o que ? - O mendigo se faz de desentendido irritando os dois garotos.

– Você veio só atazanar mesmo ou pode fazer algo a respeito ? - Naruto pergunta ríspido.

– Na verdade posso ...

...

– E você vai ou não, seu velhote doido ?– A garota está a um passo de avançar no pescoço do mendigo.

– Não sou velho e nem doido. Posso fazer algo, mas não sei se vou. Porque eu faria ? Nem conheço vocês dois. Como vou saber se não querem fazer nenhum mal a minha velha amiga ?

– Acho que ele pirou mesmo. - Naruto diz baixo e de canto com a mão na frente boca. - Só pra saber, quem é sua amiga ... senhor ? - Nem ele mesmo acredita que está tratando o mendigo com algum respeito.

– A rainha é claro. Mas a pergunta é, por que querem entrar aí ? - O mendigo aponta para o castelo.

– Eu tenho uma missão ...

– Eu tenho uma missão ...

Naruto e Sakura dizem ao mesmo tempo e depois se olham engraçados.

– Certo. Assim sendo, acho que posso mostrar um caminho a vocês crianças. Sigam-me.

O mendigo sai da moita batendo seu cajado no chão a cada passo. Os dois dão de ombros e vão lhe seguindo as voltas do lago.

O velho doido anda bem de vagar, com jeito de quem conta os passos. Após alguns minutos chegam a lateral leste da amurada. O mendigo para bruscamente e Sakura distraída quase o atropela.

Ele passa a observar se há algum vigia andando pelo muro.

– Não tem ninguém agora. Ótimo !! Vamos ser rápidos antes que algum guarda apareça.

O maltrapilho ergue um pouco sua capa de saco e encosta de leve a ponta do dedão na água. Ao ver que a temperatura está agradável coloca o pé todo, depois o outro.

– Ele não acha que vou entrar aí né ? - Diz se virando para Naruto. - Tipo, não vou mesmo, cara. Não, não vou.

– E temos escolha ? - O garoto não parece feliz em seguir a ideia de um velho gagá, mas começa a tirar suas botas e dobrar a barra de sua calça.

Sakura hesita por um instante, mas acaba cedendo. Sem abrir a boca e com a cara amarrada tira as sandálias e também dobra a calça.

Enquanto isso o mendigo já está ao lado do muro.

– Por que a demora ? Essa parte é rasa, venham logo. - Resmunga fazendo sinal para os dois com a mão.

Ambos vão até ele nas pontas dos pés carregando os calçados nas mãos e, ao chegarem perto ele os empurra contra a parede de pedras.

Por estranho que pareça, eles atravessam direto e caem dentro de um corredor estreito, sem entender nada.

Sakura cai em cima de Naruto que solta um pequeno gemido. - Hugh.

– É uma passagem secreta, agora se apressem. - Completa o velho entrando pelo muro falso e passando por cima, mas sem pisá-los.

Sakura sai de cima do garoto que sente um alívio e segura a mão macia dela que o ajuda a levantar. Abobalhado com a cena fica olhando meio estranho. Ela não entende e vai atrás do velho que já está dobrando outro corredor mais a frente.

– Rápido Naruto, o tiozinho vai deixar a gente pra trás.

O mago se apressa. Os três sobem algumas escadas circulares e viram num corredorzinho curto e sem saída. O mendigo aperta algum mecanismo que eles não vêem e dois pequenos buracos se abrem na parede na altura da cabeça dele, que aproxima os olhos pra espiar e não encontra ninguém.

Aciona mais alguma coisa e a parede se move pro lado, abrindo uma nova passagem.

Todos saem e percebem uma armadura ali que desliza com a pedra voltando a fechar a entrada.

– Pronto. Estamos quase lá. - Se esgueira até uma esquina do corredor e dá sinal para prosseguirem. - Rápido. Entrem nessa sala a direita.

Naruto e Sakura vão até lá e abrem as portas.

Mais uma vez sentem seus corpos sendo empurrados pra dentro. Mas agora, pra um grande salão, com um grande trono e, uma rainha Maravilhosamente linda.

– Aqui estão os dois majestade. Assim como prometido. - O mendigo encosta de lado na porta do salão real com os braços cruzados.

Um grande número de guardas os cercam apontando lanças perto de seus rostos.

– Ok. Enfim chegamos até a rainha, Sakura. - diz e engole em seco.

– Verdade. Foi bom te conhecer Naruto. Meio rápido demais, mas ... foi bom !!






Notas finais do capítulo

Ok, mais um capítulo postado (atrasado) com sucesso !!

O q vcs estão achando pessoal ? Críticas, dúvidas, ideias ? Palpites do q vai acontecer c nossos bakas favoritos ? kkk

Aos q já comentaram, espero vê-los de novo. Aos tímidos q não comentaram ainda, apresentem-se, quero conhecer vcs xD

Até depois então.

Sr. M.



Hey! Que tal deixar um comentário na história?
Por não receberem novos comentários em suas histórias, muitos autores desanimam e param de postar. Não deixe a história "Naruto Epic" morrer!
Para comentar e incentivar o autor, cadastre-se ou entre em sua conta.